GE: “Fla perde 20 mil STs e fará mudanças para priorizar os mais antigos e assíduos”

Um dos carros-chefes da gestão do Flamengo, o plano de sócio-torcedor passará por mudanças em curto prazo. Alterações já foram amplamente discutidas internamente e estão em fase final de implementação antes de serem divulgadas oficialmente para os rubro-negros. Em junho do ano passado, o clube chegou a 100 mil participantes do programa.

O programa ”Nação Rubro-Negra” é uma fonte importante na receita, mas perdeu cerca de 20 mil sócios nos últimos meses. Para o clube, o principal motivo desta evasão foram os jogos de portões fechados nas duas primeiras rodadas da Libertadores. Por conta da punição imposta pela Conmebol, o Flamengo só terá torcedores em seu último jogo em casa pelo torneio, em 16 de maio, contra o Emelec.

Além disso, o Maracanã só foi utilizado pelo time em um jogo esse ano. Após a queda das torres de iluminação, o clube ainda aguarda laudo pericial para inciar obras na Ilha do Urubu, que só deve ficar à disposição para o Campeonato Brasileiro. A empolgação da torcida com o futebol, sem dúvidas, também tem relação direta com a saída de sócios do programa.

A informação de mudanças no modelo foram publicadas nesta semana pelo Jornal ”O Globo”. Talvez a alteração mais significativa seja que os sócios-torcedores mais antigos e aqueles que vão para mais jogos serão reconhecidos de forma efetiva. Esses rubro-negros terão prioridade nas compras de ingressos. Atualmente, as vantagens são dadas através dos planos, do mais caro ao mais barato e, muitas vezes, há pessoas que entram de sócios no programa perto de decisões importantes do futebol. Os preços não devem passar por mudanças.

Nosso objetivo é que quem está há muito tempo ininterruptamente no Programa Nação Rubro-Negra ou vai a muitos jogos, seja reconhecido, uma vez que apoia o clube incondicionalmente. A implementação desses benefícios está em fase final de detalhamento para depois iniciarmos a etapa de desenvolvimento de TI e funcionamento em si – explicou o vice-preisdente de marketing, Daniel Orlean, ao GloboEsporte.com.

O clube também garante a previsão de melhoria no sistema compra de ingressos, com toda a venda feita em uma mesma plataforma ou em um aplicativo que será lançado ainda no primeiro semestre. Em jogos de menor demanda, os descontos devem ser maiores. Há um olhar todo especial para sócios de fora do Rio (como sorteios de viagens para jogos do Flamengo).

Veja trechos da entrevista do vice-presidente de marketing do Flamengo:

Que tipo de estudo e avaliação foram feitas para realizar mudanças?
Entendemos que o objetivo é sempre fazer com que os sócios-torcedores se sintam reconhecidos pela dedicação e amor e fiquem cada vez mais próximos ao clube. Nesse sentido, através de pesquisas, identificamos que poderíamos melhorar a comunicação, a oferta de benefícios e a experiência dos sócios-torcedores, principalmente aqueles que estão há muito tempo no Nação Rubro-Negra, vão sempre ao estádio ou moram fora do Rio de Janeiro.

Existe algum projeto para a venda de ‘ingressos para toda a temporada” a partir do sócio torcedor?
Esse é um assunto amplamente discutido no clube. O Flamengo tem mais que 40 milhões de torcedores. Imagine que sejam vendidos todos os assentos de temporada quando tivermos uma casa fixa. O benefício de assistir aos nossos jogos “in loco” ficaria restrito a um percentual mínimo da torcida, assim como seria muito difícil um rubro-negro de fora do Rio de Janeiro ter acesso ao estádio. O atual programa dá a oportunidade de mais torcedores, inclusive de fora do Rio, assistirem aos nossos jogos.

Mais de 20 mil STs off-Rio vieram às finais que disputamos em 2017 e mais de 13 mil à final da Copa do Brasil de 2013. Sócios-torcedores de mais de mil cidades, inclusive quatro do Oiapoque e seis do Rio Grande, estiveram no Maracanã na partida contra o Atlético-PR.

Houve queda considerável do número de ST após a virada do ano. O que impactou mais?
Com certeza a punição sofrida pelo Flamengo foi o fator principal. Muitas adesões foram feitas no início de 2017 por pessoas que queriam acompanhar o Flamengo na Libertadores. Certamente a punição que sofremos atrasou a renovação de muitos desses torcedores. Mas isso não pode nos tirar a meta de melhorar o programa sempre.

Houve questionamentos no sistema de atendimento e compra do programa. Sobretudo em jogos de grande procura na temporada passada. Que mudanças serão feitas neste sentido?
A principal mudança será a unificação de todos os sistemas envolvidos na venda de ingressos para melhorar a experiência de compra do torcedor.

Reprodução: Globo Esporte

Veja também

  • O time uma merdah. O técnico uma merda. Flamengo não tem casa. Não tem Maracanã. Nem aquela merdah de ilha tem. Jogando o carioca ridículo e pra piorar temos um velho gagá como representante máximo de nossa instituição. O que eu acho estranho eh não ter ido para pelo menos a metade.

  • Quem tem condições financeiras de apoiar e não apoia é Flamengo até morrer como diz o hino? Eu não quero nem saber de benefícios, descontos ou prioridade. Dou meus 29,90 do plano mais chinfrin pra ajudar o meu Mengão e ponto final!

  • Um sitema de ST muito feficiente, além de uma visão de curto prazo de nossa diretoria.
    Eles preferem maximizar o lucro, com ingressos mais caros, ao invés de peiorizar a casa cheia. No longo prazo, sem a torcida apoiando, seremos mais fracos.
    Vergonha!

  • Time que não tem estádio fica muito fragilizado em argumento para convencer o torcedor a fazer parte do programa sócio torcedor.
    É só ver quais clubes que lideram o ranking:-Corinthians, Palmeiras, São Paulo, Grêmio, Internacional.
    É um desperdício de receitas um clube com o número que tem de torcedores,no Brasil inteiro, não ter um estádio próprio.
    Infelizmente o Flamengo só teve presidentes incompetentes, administrativamente,é considero esse fato um vexame.
    Até Santa Cruz, Vitória, Vasco,Sport Recife, América Mineiro, Figueirense, Avaí, Coritiba, Atlético Paranaense, Paraná Clube,etc… Tem bons estádios.

    • O Maracanã no passado tinha custos baixos e por isso não havia necessidade de construção de um estádio , bem como não tinha recursos para isso . Palmeiras e Corinthians só tiveram estádios recentemente por facilidades por causa da copa.

  • Não, a punição sofrida pelo Flamengo não foi o fator principal da perda dos ST, foram os “torcedores” marginais que levaram à punição do clube. É preciso identificar esses marginais e levá-los aos tribunais, precisam ser responsabilizados. Precisam ser impedidos de assistir aos jogos, pois não são torcedores, mas marginais que prejudicam o clube.

  • St mas mal gerido do Brasil. Torcida heroica em juntar esse tanto de assinantes.

    • Concordo, estamos em último plano para nossa diretoria. Não me sinto representado.

  • Mas é muita burrice….””” a queda se deve ao time ridiculo””” só isso….

  • Na verdade flamengo é um clube sem estadio e vantagens reais para o sócio torcedor e ainda tem que conviver com um time de medalhões no papel (salario classe A e futebol classe C) onde qualquer “ex” jogador ganha salários estratosféricos e apresenta um futebol pífio, e pior sem nenhum tipo de meta ou objetivo a cumprir.
    Se ganhar, muito bem. Se perder, tudo bem.
    Cansei de ser acusado de torcedor “modinha” quando cancelei meu titulo de ST e expus minha insatisfação. Agora quero ver estes torcedores do Bandeira acusar 25 mil flamenguistas que estão de saco cheio com a falta de profissionalismo da diretoria de futebol, capitaneada pelo presidente do clube.
    Atitudes obvias a serem tomadas, eram postergadas ou não executadas, como por exemplo a manutenção de jogadores sem a menor condição técnica de permanecer na folha de pagamento do clube, sendo “protegidos” em detrimento de jogadores da base que pediam passagem e outros contratados a peso de ouro que foram sub aproveitados ou “fritados” pelo treinador anterior (Zé Ricardo) com o aval do presidente. Recentemente Paquetá agradeceu a Rueda, que no pouco tempo em que esteve a frente do time, promoveu os garotos da base, entre eles o Lucas Paquetá. E somente com a pressão total de parte da torcida “lucida” que torce para o flamengo e não para “presidentes”, foram expurgados do clube jogadores que não agregavam em nada ao time e clube , muito pelo contrário. Ainda restam alguns jogadores a serem sacados do time e clube, porem a diretoria esta aguardando o time ser novamente desclassificado para , na janela do meio do ano, contratar algum medalhão ,”oportunidade de mercado”, (tipo Diego Alves) para sanar o que já poderia ter sido resolvido com a contratação de outro jogador menos badalado, porem mais eficiente ou no minimo que não deixe o time vulnerável, como os laterais atuais do flamengo. Chega de fiascos, eliminações vexatórias (tipo derrota e saída inédita na primeira fase da copa do brasil para o Fortaleza da terceira divisão) e libertadores onde fraco time do Atlético paranaense conseguiu 2 vitorias fora de casa e classificou-se para outra etapa na mesma chave do flamengo eliminado.
    Bandeira seguiu a risca o que fora planejado pelos “Blues” mérito para ele. Agora e torcer que o clube por um milagre divino consiga êxito em algum campeonato realmente importante (ser real candidato a titulo e não mero participante) e no final do ano, o clube eleja um candidato do mesmo grupo que elaborou a recuperação financeira, agora com as dividas equacionadas e partir para um novo rumo, profissional e vitorioso, onde cada empregado do clube (inclui-se os atletas) conheça suas metas, objetivos e sejam cobrados e sintam que existe uma responsabilidade com o clube e não apenas um cumprimento de contrato que ao final do mês leva o seu provento, mesmo que não tenha se esforçado para merece-lo.

  • Pelo visto ainda não entenderam que isso é o reflexo do time em campo. Acham que beneficiar X, vai mudar esse momento de queda.

  • Fui sócio torcedor de 2013 até ontem. Contribui 5 anos no plano básico. Moro em Minas e nunca fui no estádio e nunca usei qualquer benefício. Paguei só pra ver meu mengão crescer. Dei minha cotivos a de ajuda , mas cancelei ontem , por achar que fiz minha parte, sem reclamar e sem cobrar, acreditando nesta administração e também no amor à camisa. Agora é a vez de vcs . Já ajudaram?

    • Cancela não amigo. Estou na mesma situação morando interior de São Paulo.

    • Também cancelei o meu. Não por deixar de amar o clube, mas por ver nosso dinheiro ser rasgado e queimado com investimentos duvidosos e nenhum retorno esportivo. Pra mim chega!

  • Duvído que tería caído o número de sócios se tivesse ganho o Brasileiro, mas só fizeram vexame, deixaram o título de mão beijada pro time HORRÍVEL do corinthians. Só pensam em grana e deixam de lado as ambições esportivas? Bando de amadores.

  • Faz um plano de dez reais que vcs terão um ótimo resultado.

    • Mesmo que façam um plano de baixo custo, depois de algum tempo , este torcedor que extrai do seu “espremido salário” uma parte, por amor ao clube, para que veja o time “brigar” em todos os campeonatos em que participe, ver o time sair de forma vexatória da maioria deles e os jogadores regiamente pagos(na verdade salários milionários pagos em dia) darem desculpazinhas esfarrapadas e repetidas cotidianamente, o resultado será o mesmo: cancelamento do titulo de ST por tristeza e decepção.

    • Ae for resultado financeiro não vale a pena .

  • Esse time sem sangue, de vagabundos sem vergonha de derrota foi vice 2 vezes ano passado, uma humilhação jogadores como diego e cia irem a publico com o mesmo discurso engessado, sao iguais funcionarios publicos.

  • Com esse time acho q perdeu pouco

  • Essa queda no ST é pra ser o protesto q tínhamos q fazer… nós RUBRO NEGROS DE BEM q não estão satisfeitos com os resultados esportivos.Pra q ir para aeroporto, CT ou coisas do gênero se podemos protestar sem sair de casa? Pra que fazer baderna promover quebra quebra ficar sem assistir jogos da libertadores por causa de IDIOTAS sem cérebro? Tá Tá insatisfeito? Corta o ST,não vá aos jogos,não compra produtos….esse é o protesto de torcedores como EU e VC ..honestos,trabalhadores q não perdem noites,tardes dias sei lá para ir a aeroportos,estádios,hotéis,CTS,para promover badernas SRN

  • Será que o Flamengo construirá seu estádio até 2030?

  • SEM ARENA FICA COMPLICADO E PARA MIM ESSA PERDA DE 20 MIL TEM + HAVER COM OS VEXAMES DESSE TIME ATUAL E VEM +…

  • Hoje no Brasil precisa de ter estádio próprio para manter sócio torcedor, vide exemplo as peppa pig que tem o maior faturamento nessa parte!

Comentários não são permitidos.