João Luis Jr.: “Vários fatores podem explicar uma raríssima vitória convincente do Flamengo”

Nesse domingo, aconteceu uma série de fenômenos incomuns para o Flamengo de 2018: vencemos, vencemos fora de casa, vencemos fora de casa de maneira convincente, vencemos fora de casa de maneira convincente sem o time em nenhum momento atuar de maneira deliberada para tentar fazer o torcedor abandonar o futebol e decidir que agora só torce pro Flamengo no basquete. E claro, podem ser vários os motivos para essa mudança não apenas do resultado final mas também na atuação e na postura do time.

Primeiro temos a implicação óbvia de que foi a situação de quase conflito direto com a torcida que acordou o time, despertou os brios da equipe, o que vai ser provavelmente a conclusão mais comum, por mais que os jogadores que mais se destacaram na partida sejam exatamente aqueles que a torcida apoiou e não os que ela quase agrediu, já que apesar do belo gol de cabeça, Diego, o mais xingado pelos torcedores no embarque dias atrás, teve mais atuação que consistiu em grande disposição mas pouca contribuição efetiva na criação de jogadas.

Depois temos o fato de que atuamos contra o Ceará, uma equipe que, com todo respeito ao torcedor cearense que lotou o estádio e realizou uma festa gigantesca, não se encontra exatamente entre os favoritos ao título e marcou até agora um ponto em três jogos, o que pode demonstrar que a melhora do Flamengo pode sim ter alguma relação com a fragilidade do adversário – não que o Santá Fé, por exemplo, não seja ele também um adversário que está longe de ser muito forte.

E por fim, temos a mudança tática que resultou na saída de Arão para a entrada do ainda enigmático Éverton Ribeiro, que obrigou Paquetá a atuar mais recuado e comprovar que não existe posição em que esse garoto não possa contribuir com o time e na verdade não foi Paquetá que foi batizado com o nome da ilha mas sim um torcedor rubro-negro do futuro que, após Paquetá garantir para o Flamengo dois títulos mundiais, decidiu voltar no tempo e batizar a ilha com o nome do nosso meia, gerando um paradoxo temporal em que o Paquetá jogador tem esse nome por causa da Ilha de Paquetá mas a Ilha de Paquetá tem esse nome por causa do Paquetá jogador.

Mas tão importante quanto entender se o mérito dessa vitória é da variação tática, da fragilidade adversária ou se o caminho para o hepta essencialmente passa por sessões semanais de pipocoterapia nos atletas e ao menos uma ameaça quinzenal de agressão física contra nossos principais jogadores, é que essa vitória contra o Ceará não seja apenas um ponto fora da curva mas sim um primeiro passo numa trajetória de evolução que com certeza ainda exige muitas melhorias para que o Flamengo alcance o que precisa alcançar.

A equipe segue tendo várias fragilidades, segue dependendo demais dos seus jogadores mais jovens, medalhões seguem sumindo em campo, Renê segue negando a máxima de que “quem tem limite é município”, ao se mostrar um dos jogadores mais limitados que já tivemos a oportunidade de ver. E todas essas são questões que precisam ser resolvidas e cuja solução é muito mais complexa do que apenas cercar o Henrique Dourado na saída de um ônibus ou provocar o Diego Alves até que ele atire um café da manhã completo pra cada torcedor rubro-negro. Mas não podemos negar, é claro, que um Flamengo com mais disposição, mais consciência e menos William Arão já é sim um ótimo começo.

Reprodução: João Luis Jr. | ESPN

Veja também

  • Ajudou muito o fato da Nação de lá dar mais apoio e incentivo e o número bem maior que em muitos jogos no Rio.

  • Me divirto com esse comentaristas de resultado. Até ontem o Flamengo estava abeira de um desastre, de uma catrásfrofe, do fim do mundo. Dai ganhou, agora eles perderam o discurso. Os caras não sabem o que falar.

  • Fico imaginando se o flamengo jogasse de forma retrancada e covarde por uma bola feito o Corinthians joga. O que a torcida e a imprensa diriam.

    • Que análise superficial do time do Corinthians.

  • sinto-me envergonhado com que fizeram com Diego, cobraram do cara errado.

  • Quanta merda em um só texto!

  • Agnaldo Júnior quanta merda você escreveu.

  • O Coluna mostrou que temos uma pequena parte da torcida extremamente depressiva, criticam o clube más são incapazes de reconhecer uma vitória com autoridade… ” Ahh mas é o Ceará “, blz, se perder é sem vergonha, se ganhar é porque o outro time é ruim…. O grande mistério ao meu ver, é descobrir porque alguns jogadores rendem muito em outros clubes e no Flamengo se apagam… Na moral, comentárista safado não faz minha cabeça !!

  • Anotem aí, se jogar bem no próximo domingo com Maracanã lotado, a torcida no contexto geral começa a acreditar no time, sempre foi asssim, independente da qualidade técnica de alguns jogadores..

  • Porcaria!

  • Quanta besteira , era só ter escrito que o time passou a jogar coletivamente tocando a bola e se apresentando pra receber , que era o que matava esse time inclusive causando menos desgaste físico tanto que o time correu até o final pq até uma criança sabe que tocar a bola desgasta menos que correr com ela.

  • Quanta besteira em um só texto!

  • Essa mídia marron,tenta implantar crise,desdenhar do feito,minimizando atuações,vendem a premissa de que é.ribeiro e Diego,tem que ser geniais todo jogo…e estavam ludibriando a nação,e fazendo uma lavagem cerebral,que quase deu certo…o jogador diferenciado,(nao uso nem a palavra craque,.). só por estar em campo,dispersando atenção,de mais de um jogador em campo,já se torna importante taticamente para equipe,mesmo que nao esteja num dia inspirado,pq e aí,que aparece o Paquetá,vjr…se for analisar,um jogador como Diego,dia noventa minutos,fica quanto tempo com a bola nos pés?,garanto que nao passa de três minutos…Portanto a diferença é feita tbm é principalmente,sem a bola,puxando a marcação,sofrendo a falta,…querem nos convencer que os “medalhões” entregam pouco,será mesmo? Enfim,fica claro pra mim a estratégia de querer segurar o gigante com fake news,plantando crise,propondo troca…aposto que os 4 de sp,estavam esfregando as mãos torcendo por um.litigio do Diego com o Fla,pra tentar contratar,com apoio dessa mesma mídia que diz que o medalhão pouco entrega…afinal só se ele sair de graca,pq dinheiro, só a Crefisa….vejo algo semelhante acontecer na política com um candidato apanhando e sendo alvo de mentiras das mais absurdas na tentativa de manchar a imagem é enfraquece-lo,já que nao podem chamá-lo de ladrão..Mas fico aliviado,de perceber que a mídia alternativa,os torcedores tbm,caíram em si e abriram os olhos a tempo… é hora de apoiar,lotar o Maracana pela manutenção da liderança…

  • Texto bom, agradável de ler. Mesmo assim, não acho que há espaço para dúvida. Não foi a atuação dos vândalos de certa torcida organizada que fez o resultado. Pelo contrário, ela poderia ter atrapalhado, embora uma pressão ordeira e pacífica ajuda sim. O fato é que houve uma mudança tática e o rival era fraco, sem contar que, apesar de jogarmos no campo adversário, parecia que estávamos na nossa casa. Gostei também da análise de Paquetá. Nisso concordo totalmente.

  • Finalmente alguém que não ficou na hipocrisia de dizer que a pressão da torcida não fez a diferença.
    Não sou a favor disso, mas entendam que a diretoria que é quem devia pôr fogo no rabo dos caras não o faz, então agentes externos têm de fazê-lo. Alguém se lembra do André Sandos em 2013, como começou a jogar depois de um tapa? Tem jogador que de tão bruto intelectualmente, que só age no esporro, no susto. Se chegar e pedir por favor para ajudar, o cara vai cagar kilos, mas se chegar falando ” o seu fdp pq vc não joga q nem homem?” o cara vai entender que é para correr mais.

  • Vejo muitos aqui desvalorizando a vitória do Flamengo, placar elástico, contra time de série A, campeonato brasileiro, jogo fora de casa… Queriam o que, 15×0!? Saudade da época que a torcida apoiava e falava de futebol em boteco, ganhando ou perdendo todos semprem eram Flamengo, acima de tudo. Hoje não se lota mais estádio, só reclamam, um mimimi fora do normal. Hoje estou a uma vitória de me classificar para a próxima fase da libertadores, estou nas oitavas da copa do Brasil é líder do brasileiro, vivo e curto o momento, fanático, iludido…. Nada, apaixonado por este clube, e quando canto acima de tudo rubro-negro, amor maior não tem igual. É de verdade, arrepia. SRN

    • Cara, acho que vc não está entendendo mesmo! Vc acha que alguém ficou puto com a vitoria? Claro que não! O fato é que esse time não passa confiança ainda, e por isso a desconfiança.
      Ano passado goleamos a Chape e fizemos bons jogos contra times menores, sem pressão de se provar melhor que o adversário, mas em jogos grandes não correspondemos.
      A votoria de ontem foi um alívio de ver que o ano pode não estar perdido, mas daí a achar que o time em 4 dias passou a ser uma máquina de vitórias é uma diferenla enorme.
      SRN

      • Entendo sua desconfiança e é claro que o time não ficou imbatível, mas para que isso aconteça ele tem de atropelar os pequenos e morder nos jogos contra os grandes, a questão citada por mim não é que ninguém gostou da vitória, o ponto a se discutir é a valorização dela, o que este jogo pode representar daqui para frente… Confiança para este elenco, mas que entendam que a vitória vem com raça em campo, é apoiar agora e esperar os grandes jogos. SRN

  • Antonio Cruz vá torcer pro confiança, que porra de torcedor é este que não valoriza as vitórias seja em time pequeno ou grande

  • Me desculpe mas aqui tem poucos flamenguistas, porta não o Torcedor, o Corinthians deu de 4 Paraná e já estavam achando que era o time a ser batido, o mesmo Paraná apanhou em casa do timinho sport, agora o Flamengo domina o Ceará e aplica 3×0 vem esse cidadão insinua que é o Ceará . Vai torcer pro raio que o parta.

  • Para mim não convenceu só irá convencer quando ganhar para times como Corinthians, Palmeiras, Grêmio esses outros times são obrigações fizeram algo por pressão..

    • Eu ja acho que convenceu sim não pelo resultado mas pelo futebol e postura apresentada apesar do adversário ser fraco o América Mineiro também é tão fraco ou mais fraco e ganhamos mas não convencendo pq jogamos mal, dessa vez acho que o time jogou sem a preguiça habitual, lembrando que o único ponto que o Ceará tem foi contra contra Corinthians.

    • E até lá você fica fazendo biquinho, feito muleque mimado? Torce amigo, vibra e valoriza seu time, queira ganhar até amistoso contra o Ibis, isso é ser Flamengo

  • ele deve ter vergonha de falar pra que time ele torce. Ele podia comentar um pouco sobre o time que ele torce.

  • Que comentário medíocre, cada vez fica mais claro que tem gente da impressa recebendo benefícios para se envolver na guerra eleitoral do Flamengo.
    Afirmar que o Diego Alves jogou café na torcida do Flamengo é o cumulo da canalhice, ele jogou café em marginais que queriam agredir pessoas.

    • Só tem!

  • Diego não jogou tão bem, mas jogou na posição dele.
    O time todo se entregou, correram bastante, isso mostra que apesar da violência não ser recomendada, COBRANÇA FEZ SIM A DIFERENÇA.
    A torcida teve que fazer a cobrança que no vestiário eles não tem.

    Lembrando que pegamos um adversário já virtualmente rebaixado. Se iludir por qualquer resultado bom é bem típico da nossa torcida, e é uma bosta.

    • Bosta vc pegou pesado nas suas palavras sem nivel e bem xulas.
      E olha que eu sou um critico pq o fla faz por merecer que eu seja assim a anos e anos com essa gestao.
      Chamar de fanaticos e ate de lunaticos acho normal ate pq eu tb faco.
      Mais vc chamar torcida de (Bosta) vc me da o direito e a outros de dizer que vc sim E UM BOSTA /MERDA E UM CAGALHAO QUE DEFECOU PELA BOCA QUER APARECER VAI PRO CIRCO E MUDA DE TIME OK MERDAOOO

      • Ele não chamou a torcida de “bosta”, ele conferiu esse adjetivo ao ato de se iludir com qualquer resultado bom. Se ele estivesse se referindo à torcida, teria escrito: “(…) bem típico da nossa torcida, QUE é uma bosta.” Cuidado com interpretação de texto.

        • Nao e bem assim nao senhor defensor

  • Para mim um jogo treino de luxo onde a vitoria era obrigação. Vamos aguardar jogos com adversários de verdade.

    • A gente vai aguardar e nada vai acontecer, mesmo time sem vontade

  • Diego não jogou nada.. como de costume.. o problema não é porrada.. o problema é bola mesmo..Diego ta em fim de carreira. lento.. ja deu p ele.. ta na hora de trocar de time.. ai os caras acham que porrada faz o cara jogar melhor.. for por isso o vasco ta precisando de porrada para ser campeao brasileiro..

    • Não acho que seja para tanto. Vejo ele ainda em condições de ajudar, mas não como titular absoluto.
      O cara tem experiência demais para ajudar a formar a turma mais jovem dentro de campo.
      Um jogo mais pegado que precise dar cadência e deixar o adversário puto é perfeito para ele. Agora, jogo com o adversário na retranca, e precisando de velocidade já está muito complicado para ele, no mano a mano ele não ganha mais de ninguém

  • Explicação?? Porrada no aeroporto… só isso..

    • Que nada .. Flamengo ganhou porque pegou um time fraco… de segunda divisão.. ai estão iludidos…. Quando pegar um palmeiras da vida leva chocolate…..Diego como sempre estava se arrastando em campo.. ele nitidamente ja ta em fim de carreira , caindo.. os caras acham que da porrada vai fazer o cara jogar a bola de 10 anos atras… não me faça rir.. tem é que contratar outro 10 ou colocar o paquetá na posição original dele..

      • O palmeiras que empatou com a gigante chapecoense dentro de casa ?? Futebol não é ciência exata brother, o importante ao meu ver foi que finamente o flamengo acertou a posição de cada jogador, acho que tende a evoluir ainda mais.

        • Pois é, tem gente que adora é reclamar, nunca estão satisfeitos, além do Palmeiras, o SP empatou com o mesmo Ceará !!! Ohh torcidinha chata, reclama de tudo ! PQP

        • Falou tudo finalmente o Barbiere escalou o time na posição certa everton ribeiro na sua posição vinicios junior na posição certa e paqueta na sua posição eo diego tem que jogar de falso atacante ele não serve para arma time tem que fica ali perto da área

  • Serio que esse cara escreveu isso, trabalha para espn?! O nível ta caindo…

    • Perfeito irmão. Não me cabe resposta. Entrar aqui e escrever isso.

    • Qualquer um escreve nessa Coluna aqui.
      Tá feia a coisa.

      • Pior nao é escrever aqui é escrever na ESPN!

    • Caindo está o nível do Flamengo, comemorar uma vitória sobre time pequeno como se fosse Título.
      Depois de uma vitória sobre o poderoso Ceará, os mensaleiros estão jogando pó de arroz pro alto.

      • Vá torcer pro Palmeiras que ganha de todo mundo, inclusive da “poderosa” Chapecoense, vcs só sabem encher o saco e ficar reclamando !

      • Oq foi comemorado foi o bom futebol! Time jogou bem! E vc parece bem insatisfetiro com a vitoria! vc é daqueles q curtem mesmo as derrrotas? Ta nervoso pq?

        • Outro que tava putinho ontem na ESPN era o Mauro. “Jornalista ” lixo.

          • quem viu ele no pos jogo viu q o cara mesmo o time melhorando o cara critica! Ele sempre desfoca para criticar! Elogia um pouco, só para constar! É um jornalista a ja mostrou sua cara! Mascara ele nao usa mais!

      • Vc é o mais otário do coluna !!

  • Raríssima mais que já iludiu meio mundo, aí chega na próxima rodada o Flamengo ressuscita o Internacional com direito a lei do ex de Leandro Damião.

    • Bastou ganhar do todo poderoso Ceará pra torcida entoar aquele olé entalado na garganta… Vergonha alheia.

      • Sim, já tem gente falando de hepta invicto, vê se pode.

        • Pois é melhor ser otimista que pessimista como a maioria aqui, que só sabe ficar nesse mimimi e reclamar de tudo !

          • Acredito que as pessoas aqui não são pessimistas, apenas não gostam de se iludir, é diferente.

    • Nem tanto, isso é vc q esta dizendo! Mas o Melhor mesmo era se tivesse perdido…

      • Se você acha que o melhor é se tivesse perdido tudo bem, é sua opinião. Eu particularmente achei boa a vitória.

        • Parece q nao.

Comentários não são permitidos.