Fla pressiona até o fim e arranca empate fora de casa contra o Grêmio

Flamengo e Grêmio fizeram um grande duelo em Porto Alegre. A equipe da casa começou melhor e dominava a partida nos minutos iniciais, até chegar ao gol com Luan. Entretanto, a estrela do garoto Lincoln, de apenas 17 anos, apareceu e o atacante surgiu para empatar nos acréscimos, não dando a vantagem no segundo jogo para a equipe gremista.

O JOGO

A partida iniciou com o Grêmio já tomando as ações. Com o apoio da torcida, Luan avançou no meio de campo e testou Diego Alves, que fez a defesa com tranquilidade. Como era de se esperar, o Tricolor Gaúcho fazia forte marcação e tentava atrapalhar a saída de bola do Fla.

O Rubro-Negro começou a se soltar apenas aos 4 minutos, trocando passes no meio. Entretanto, com a forte marcação gaúcha, as jogadas da equipe carioca terminavam sempre com os laterais Rodinei e Renê.

O primeiro susto aconteceu aos 8 minutos, após chute forte de Geromel. O zagueiro conseguiu escanteio e, durante a cobrança, Paquetá consegue fazer o corte depois de tentativa de cabeçada no primeiro pau.

O Flamengo responde à altura no minuto seguinte. Pela esquerda, Marlos Moreno passou facilmente por Geromel, limpou bem a jogada e chuta de direita. Marcelo Grohe voou para fazer a defesa e colocou a bola para escanteio.

Até os 18 minutos, o Mais Querido não conseguia sair para o jogo. O Grêmio pressionava muito a saída de bola. Por sua vez, sem muitas alternativas, o Fla tentava jogadas nas laterais de campo e alguns vezes explorando a esquerda com Marlos Moreno. A pressão da equipe gremista era tanta que, por vezes, o clube da Gávea tocava passes em sua defesa e com o goleiro Diego Alves.

Aos 24 minutos, o Rubro-Negro finalmente conseguiu uma jogada aguda, com a apresentação dos colombianos do time. Uribe tocou bem para Marlos Moreno, que enxergou Cuéllar dentro da área. O volante conseguiu o domínio, mas acabou finalizando mal de canhota. Antes sendo dominando pelo Grêmio, o Fla aos poucos conseguia realizar uma marcação alta no meio de campo, chegando aos 65% de posse de bola.

Com a marcação agora encaixada da equipe carioca, o Grêmio ficava sem espaço para criar jogadas, mas seguia arriscando de fora da área. Aos 30 minutos, Rodinei recebe no mano a mano pela direita e foi para cima de Marcelo Oliveira. O lateral limpou bem a jogada e chutou forte de esquerda. A bola acabou desviando no zagueiro Kannemann, e Marcelo Grohe fez linda defesa.

O Flamengo melhorou na partida e conseguia realizar boa jogadas. Porém, aos 37 minutos, a equipe carioca sofreu duro golpe, em jogada característica do time de Renato. O ex-Fla,Léo Moura, recebeu na direita e escapou bem da marcação de Marlos Moreno, tabelando com Ramiro dentro da área. Sem marcação, o lateral rolou na medida para Luan bater de primeira e abrir o placar da partida.

O Rubro-Negro sentiu o golpe e já não era o mesmo após o gol. A reação foi acontecer aos 40 minutos com Everton Ribeiro. O meia tentou jogada individual, gingou para cima do adversário, mas acabou chutando fraco e Grohe não teve dificuldades para defender.

A segunda etapa começou quente, com o Grêmio quase conseguindo ampliar a vantagem. Logo nos minutos iniciais, Éverton conseguiu fazer fila, entrou na área e fez cruzamento rasteiro. A zaga do Fla acabou conseguindo cortar a jogada. O meia Ramiro já estava pronto para definir a jogada.

Até os 10 minutos, o Grêmio fazia boa partida e admistrava o resultado, aproveitando as brechas do Mais Querido para chegar ao segundo gol. Por sua vez, o clube carioca contava com noite ruim de seus jogadores. Diego e Paquetá pouco apareciam e Fernando Uribe não conseguia dar sequência às jogadas.

Aos 15, Barbieri chamou Vitinho. O jogador entrou para fazer a sua primeira partida com o Manto. Vale lembrar que o atacante defendeu o Inter, rival do Grêmio. A alteração surtiu efeito e, aos 22 minutos, o camisa 14 apareceu bem, tabelando de primeira com Lucas Paquetá. Após receber de volta, acabou sendo derrubado por Geromel, sofrendo falta perto da entrada da área. Diego cobrou, mas a bola bateu na barreira e se perdeu pela linha de fundo.

O Rubro-Negro claramente retornou melhor para a segunda etapa e finalizava mais que a equipe de Porto Alegre até os 29 minutos. O Grêmio, por sua vez, recuou e apenas tentava administrar o resultado conquistado no primeiro tempo.

Nos minutos finais, o Rubro-Negro pressionava e tentava o gol, enquanto que o Grêmio não conseguia sair. Aos 41, Lucas Paquetá chamou a responsabilidade e fez fila pela esquerda. O meia entrou na área e chutou forte para mais uma ótima defesa de Marcelo Grohe.

O Mais Querido ainda teve uma última chance para empatar o jogo. Cuéllar se voltou para o ataque, pedalou dentro da área e cruzou para Diego no segundo pau. O camisa 10 subiu bem, mas acabou cabeceando para fora. Nos acréscimos, a equipe carioca pressionou demais e conseguiu o gol suado com o jovem Lincoln. Renê tabelou bonito com Everton Ribeiro, foi até a linha de fundo e cruzou para Lincoln escorar de primeira. O garoto tinha acabado de entrar no jogo e acabou saindo como o protagonista do empate fora de casa.

Com o resultado, o Flamengo terá que buscar a classificação dentro de casa. O embate de volta será no dia 15 de agosto, às 21h45 (horário de Brasília). Antes disso, as duas equipes voltam a se enfrentar já no próximo sábado (04), também na Arena do Grêmio. O confronto será válido pela 17ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Veja também

  • O Flamengo no geral foi muito bem e poderia ter saído com a vitória. A avenida Renê tem que ser melhor vigiada…não é o primeiro jogo que o Fla toma gol por lá. Cuellar um monstro, jogou muito, Diego, Paquetá, Everton Ribeiro…o trio funcionou muito bem. Uribe pode não ter tido uma grande atuação fazendo gol, mas é um jogador inteligente e técnico, fez boas assistências e volta muito para marcar. Outro destaque foi Marlos Moreno, jogou muito. Vitinho disse a que veio e deve ser o titular no segundo jogo pelo Brasileiro. É o que penso. Boto fé no Uribe, e vamos com calma é só o segundo jogo. Lincoln tem estrela, mas é muito jovem e pode ir entrando aos poucos sem pressa. Para mim é o resumão. O Fla tem time de sobra para encarar quem quer que seja e aonde for. Pronto falei é isso ai.

  • Que partidaça de nossos meias… dominaram completamente a meiuca…. Paquetá embora tivesse querendo fazer muita firula foi bem….. Everton Ribeiro pareceu onipresente , tava em todo lugar do campo…. e Diego embora perdeu o gol de cabeça jogou muito bem…. Parabens aos meninos L. Duarte e Lincoln… Cuellar um monstro e por fim alguem tem falar para nossos laterais “filho se vc não acerta um cruzamento por cima entra na area e cruza rasteiro”

  • Piris vai entrar no lugar de que? Paquetá ou Diego?

  • Não confio em zaga que tenha o Rever! É EX jogador em campo! Thuler foi barrado de forma covarde! Vai ser muito difícil ganhar algo com esse sujeito na zaga! Espero que em 2019 com a saída da turma do EBM os garotos da base não sejam tão sacaneados e tenham oportunidades que levar o Flamengo à títulos! Cansei de ficar no CHEIRINHO com esse time de PLAYSTATION!!!

  • Lincoln Faro de gols.
    Não é atoa que o Tite acompanha seu desempenho.
    Tite deve ter ficado feliz com atuação dele

  • O mais importante desse jogo foi o time não se conformar com a derrota. Tentou ate o fim e conseguiu o empate. Jogo dificil, na casa de um adversário de peso, que tomou pressão do Flamengo. O Grêmio tem um bom time mas não é imbativel, e podemos vencer tranquilamente no Maracanã, que deverá estar lotado no jogo de volta. Encaminhamos bem a nossa classificação! Foi na raça e na vontade, como qualquer rubronegro gosta!

  • Partidaço do Mengão.
    Dominou o jogo e, se tivesse vencido, não seria uma injustiça.
    Lincoln fez um novo alerta ao Barbieri: A presença na área é a melhor arma para fazer gol e ganhar jogo. A jovialidade de Lincoln está pedindo passagem. E tem mais: vejam o jogo de Vitor Gabriel contra o Inter. Pode dispensar Guerrero e Dourado que se cuide.

  • Eu achei o fla melhor o jogo inteiro, so tomou aquele gol porque o gremio tem muita qualidade, mas esse empate ficou ate barato pra eles.

    E mais uma vez quem decide? A base, o flamengo contrata, contrata mas sempre tem um da base que acaba sendo a solução.

  • Éverton Ribeiro, Léo Duarte, Cuellar e Lincoln os melhores do jogo.

  • Que tal jogarmos também com três bons zagueiros, em vez de jogar com dois péssimos laterais. O time seria: D. Alves, Léo, Réver e Tuller; Cuellar e Jean Lucas (2 volantes); Paquetá, Diego e E. Ribeiro (3 meias); Vitinho e Lincoln.

    • Não inventa. amigo… Amassamos o Grêmio por 80 minutos! Quer mudar oq?? Rodnei foi bem, puxou conta-ataques, marcou bem, boa cobertura… Só acertar mais os cruzamentos, treinando acerta pois chuta bem… O Renê jogou muito bem, inclusive participou do gol decisivamente… Aplauda, para falar mal já tem a imprensa inteira!!

      • Viu outro jogo amigo. O Rodney não puxou nenhum contra ataque, e também não acertou ne nhum cruzamento. Já o René acertou apenas o cruzamento do gol. O time jogou com raça apena.

  • Essa imprensa é só de FDP!! O Flamengo dominou o primeiro tempo e amassou o Grêmio no segundo… Foi uma apresentação de gala! O Flamengo mostrou que é muito superior o jogo inteiro!! A Globo em sua narração uma vergonha esse Luiz Roberto anti-flamenguista de carteirinha e os comentário de um gaúcho e o Casagrande que nada sabe de Flamengo. Massacre do Flamengo!!

  • Que jogo do mengão.nao se intimidou na casa do Grêmio,coisa que a muito tempo não se via um Flamengo tão grande contra o time do Grêmio jogando no sul.

  • Que jogo foi esse kkkkkk

  • Nao tem o que inventar nao… Tchau Guerrero, vende o Dourado e pronto, ficamos ai com Uribe e Lincoln, p revesar de acordo com os jogos !

  • Temos que dar chance aos jogadores da base.
    Esse Uribe é um tremendo caneludo, e pra jogar esse futebol de bosta ainda ganha 700 mil.
    Bota o Lincoln no ataque e o Jean Lucas como volante.

    • Jean Lucas onde, amigo? Para de reclamar, fale bem!! A imprensa já procura coisa para falar mal por ela, não procure junto se é flamenguista…

Comentários não são permitidos.