Flamengo, te abandono!

Olá, companheiros e companheiras de Coluna do Flamengo. Dia difícil, trágico no nosso ano e nas nossas pretensões. Hoje, peço licença pra abrir mão do lado “jornalista” e escrever como torcedor. A derrota acachapante pro Cruzeiro significou a minha gota d’água com este time. Ou melhor, esse bando, que enverga o Manto mais Sagrado do futebol brasileiro.

Abandonei o Flamengo! Algo impensável nestes 23 anos dedicados a torcer pra esse vermelho e preto. Já lutei contra rebaixamento, já torci pra times horrorosos tecnicamente, já sonhei, já vibrei, mas jamais senti tamanha vergonha como hoje.

Não que perder pro Cruzeiro seja vergonhoso, pelo contrário, é uma grande equipe. No entanto, a forma da derrota não é aceitável. Aliás, é a sequência de uma série de reveses que machuca o coração, que faz nossa cabeça doer, que nos deixa numa sensação de impotência inimaginável.

Desde 2016 subimos de patamar. Temos o luxo de ter o jogador com maior salário da América Latina; investir R$40 milhões em um promissor atleta; ter a maior receita do futebol nacional; reduzir as dívidas ativas de forma exponencial. Tudo isso sem dever um dia de salários.

Contudo, ao mesmo tempo em que alcançamos este Olimpo no futebol nacional, dentro de campo, vivemos o caminho inverso. Colecionamos vexames e fracassos. Viramos fregueses dos nossos rivais cariocas e somos chacotas nacional e internacional. Hoje, só batemos no peito orgulhosos do trabalho administrativo feito pela diretoria. Fora isso, só dor de cabeça e vergonha.

Eliminação pro Fortaleza, Palestino, Paraná, luta pra ficar entre os seis melhores do Brasileirão…. tudo isso pesa na cabeça e no coração. Uma hora, não dá mais.

Confesso que escrevo este desabafo minutos depois da derrota pro Cruzeiro. Mas já é algo que penso há tempos…. chega! Não dá mais! Esse time não merece meus gritos, minha rouquidão, minha paixão, meu respeito.

Não sou a favor de agressões físicas, intimidações, ou alguma violência. Não resolve e não faz bem pro nosso país, tão devastado de ódio por causa de uma polarização besta. A verdade é que a grande maioria destes atletas que tem a honra de pisar na Gávea não merece estar ali.

O meu amor vai continuar. Intacto! Mas vou deixar de lado! Vai doer? Com toda a certeza! É tipo aquele relacionamento que não dá mais certo, com sucessivas brigas, discussões e decepções. O sentimento ainda tá ali, mas simplesmente não há nenhuma garantia de que as coisas vão melhorar e caminhar pra frente. Nestes casos, é melhor dar um tempo… esfriar a cabeça, pra que o respeito não acabe, assim como o amor.

Esses ditos jogadores que estão no Clube de Regatas do Flamengo não me representam! Não aceito ver atletas profissionais, vestindo uma camisa como essa, sendo tão desleixados em campo. Atuam como eu, num domingo à tarde, depois de um churrasco, com o bucho cheio de cerveja. Só que a diferença é que eles recebem milhões…. e a gente que sofre!

Chega! Não dá mais! Dói os olhos e o coração! Dói a alma, de ser zoado e não ter como defender, de virar chacota e ter aceitar. Ou esses atletas entendem o que é o Flamengo e cada um dos mais de quarenta milhões de apaixonados, ou mais pessoas também abandonarão este clube.

Continuarei acompanhando os jogos, pelo compromisso que tenho com este canal tão importante de comunicação. Pra poder analisar taticamente o time e o que é preciso ser feito pra alcançar os objetivos da temporada. Mas passarei a fazer isso sem paixão, sem sofrer, sem ficar rouco, sem ficar triste.

Não vale a pena. Sabe por quê? Enquanto a gente sofre, os atletas vão todos pra casa, com a conta bancária cheia e estão nem aí. Amanhã ou depois arrumam uma transferência e vão fazer o mesmo em outras equipes.

Triste fim do nosso Flamengo, triste fim da nossa paixão! Espero, no mais breve possível, encontrar jogadores que me façam de novo me encantar e apaixonar pelo futebol! Por enquanto, fico com as lembranças boas… o gol de Pet no Maraca; as caneladas de Obina na Copa do Brasil de 2006; o Imperador em 2009; a raça de 2013; o amor de Andrade, Adílio e Zico; o arrepio do Maracanã lotado; a paixão saindo pela boca em cada canto; as idas ao estádio com meu pai…

Desculpem o desabafo!

Um grande abraço!

Matheus Brum
Jornalista
Twitter: @MatheusTBrum

Gostou? Comente! Não gostou? Comente mais ainda! Mas, por favor, vamos manter o diálogo sem xingamentos ou palavras de baixo calão. O bom diálogo engrandece o homem e nos faz aprender, diariamente!

Veja também

  • Por incrível que pareça, era jogo para o William Arão. A escalação de Jean Lucas foi errada, mas pior ainda foi sua substituição por um atacante, desorganizou completamente o time.
    Lição: reserva do Paquetá é o William Arão.

  • Já cometei sobre planejamento tático no inicio do ano e volto a frisar. O Flamengo continuo jogando do mesmo jeito que o Velho Carpegiane deixou o Fla , unica mudança foi a entrada do Paquetá que deu mais volatilidade ao jogo, de resto continua com os mesmos erros , falta de movimentação em campo e laterais omissos no sistema ofensivo. Seria muito melhor um 3-5-2 de alternativa para jogos como esse , do que do jeito que está, cortando os 2 laterais poderia entrar 1 zagueiro de ´´sobras“ (líbero) e um segundo atacante , para dar mais apoio aos sumidos Atacantes que ficam sós na frente e nada fazem. É lamentável ver o time jogando em casa e não mostrar raça , mérito do Cruzeiro , que soube se por na partida e ser cirúrgico em seus ataques. Essa é a diferença , um time tem planejamento tático e alternativas de jogo o outro joga apenas pelo fator tá ´´dando certo“. Isso reflete a falta de experiencia do nosso treinador e diretoria em não prever revés possíveis, gerir mais por emoção do que razão.

  • CONCORDO COM TUDO QUE DISSE OS AMIGOS WANDO RIBEIRO E JORGUEN KLYSMAN. PENSO DA MESMA MANEIRA.

  • CONCORDO COM TUDO O QUE VOCE ESCREVEU. PENSO DA MESMA MANEIRA. ESSES JOGADORES DE MERDA ESTAO CAGANDO E ANDANDO PARA O FLAMENGO E AINDA TEM UM BANDO DE OTARIOS QUE GASTA DINHEIRO LOTANDO O MARACANA PARA ACOMPANHAR ESSE TIME. NAO TINHA QUE IR MAIS NINGUEM AOS ESTADIOS. AGORA SO RESTA ESPERAR 2019 PARA VER SE AS COISAS SE MODIFICAM. EU NAO ACREDITO.

  • Olá, Mateus! Tenho 41 anos e às vezes penso seriamente em “abandonar” o flamengo, mas, infelizmente não consigo. Pior ainda é ter a saúde afetada. Talvez Freud explique esse sentimento tão dúbio. Sinceramente? Gostaria, do fundo da minha alma, nao torcer pra esse clube! Sem mais e obrigado por seu desabafo. Isso me faz sentir menos impotente. Abraços!

  • Falo por mim e respeito a opinião dos outros. Perdi o respeito pelo Barbiere. Técnico bom é aquele que dá esporro no time no vestiário lembrando-os inclusive sobre os salários que ganham e a história do clube(como o Renato fez após nosso empate contra o grêmio na arena deles). Alem disso, no mínimo tem que observar o jogo do adversário no intervalo para fazer mudanças táticas ou substituições corretas. Chega de técnicos que só se preocupam com a parte técnica. Chega de incompetência futebolística. Precisamos de técnicos que botem terror nos jogadores que condicionem a sua contratação a total liberdade nas escolhas de contratações como tb nas escalações, barrações e dispensas do time. Será que ele não percebeu ainda que novamente levamos os gols pelo lado esquerdo? Porra, precisamos de lateral esquerdo, direito e um zagueiro. A lateral direita é nula tb, Quanto ao Rever, perdoem-me mas não mais vejo diferença entre ele e Juan(idosos incapazes de acompanhar atacantes profissionais). Rodolfo? Pé de vidro. Quanto ao ataque não me acho no direito de opinar pois são jogadores recém contratados que não jogaram nem um milésimo de tempo que o inútil Guerreiro jogou. Esse time tecnicamente é bom mas psicologicamente não é cobrado. Todas essas atribuições p mim são funções de técnico. Sem mais. SRN

  • Então vai torcer para o Botafogo, seu chorão!

  • Vai torcer para o Botafogo, chorão! Aqui é Flamengo poooooooo…

  • Não podem nem publicar uma merda dessa. Isso não é torcedor. A maior derrota é ler um texto desses. Torcedor tem que sentir tudo o que o time passa. Domingo temos de torcer de novo, e no jogo de volta temos que acreditar numa vitória, afinal que paixão é essa? Que torcedor é esse? O maior problema na minha opinião está aí, o Flamengo perdeu a essência do seu torcedor. Já vi o time perder e a torcida não parar de cantar. Hoje os modinhas pagam duzentos reais e se não faz gol no primeiro tempo já vaiam o time. Temos que mudar nosso clube partindo de cada um, da diretoria aos torcedores. É atitude e bola pra frente. O clube não é lazer pra você torcer num dia e no outro abandonar. Essa paixão que eu sinto vou viver todos os dias, e JAMAIS vou abandonar. Flamengo sempre!

  • Time sem vergonha na cara!!!

  • A diretoria erra nas contratações, erra no preço dos ingressos, erra em pagar altos salários não os condicionando a altos rendimentos. Ontem foi feio demais. Por mim o Diego já deveria ter ido pra China a tempos. Anda em campo, é pífio cobrando escanteios e não cria coisa alguma. Com o que pagam pra ele será que não daria pra trazer uns 2 Thiago Neves? Certamente sim. Mas o sem sangue vai continuar lá, com seu belo cabelo e pouco futebol. No começo da jogada no lance do segundo gol teve falta, ninguém reclamou. E ninguém correu pra marcar. Assim como pararam no primeiro gol. Foi fácil. Assim como a final no ano passado. Fácil. Extremamente fácil. Time sem vergonha. Que não vale o suado dinheiro do trabalhador brasileiro. Não combina com Flamengo e não combina com o brasileiro tanta falta de raça. Não adianta cair técnico. O problema não é técnico, é elenco. E esse é um grupo ruim, maldoso e sem vergonha.

  • Ontem tive a mesma sensação. Acompanhar o time do flamengo é a mesma coisa que empurrar sozinho um carro atolado na lama. O flamengo possui um dos melhores elencos do futebol brasileiro, mas não encontra um padrão de jogo eficiente. Sempre marca seus gols na base do tranco e muitas vezes em times médios/pequenos. Coleção de revezes no Maracanã, 2 vices, e o pior de tudo… A aceitação. Não joga bem e não muda isso. Dirigentes sem alma. Por duas vezes apostam seguidamente em técnicos inexperientes. Adeus, bandeira. A sua contribuição por uma gestão melhor vai de contra a sua impetulancia e seu rancor por aqueles que não te apoiam. O time não corre por vc.

  • NUTELA!!!
    Se ganha usa camisa, se perde se esconde?!
    E com 5 anos de idade vc viu o gol do Pet?????
    Vc ainda tem muito a aprender sobre o que é ser Flamengo.

  • Se me perguntarem qual o pior Flamengo de todos os tempos, com certeza direi que é este elenco atual, não porque falte técnica, já tivemos times muito piores tecnicamente, mas falta o principal: o espírito de Flamengo. Esse elenco não tem o espírito rubro-negro, não sabem do que se trata, não acho que ninguém ali esteja jogando de sacanagem, é pior ainda, simplesmente esse elenco é assim, é isso aí mesmo, com um futebol que é suficiente para ganhar de 4×1 do Sport e o torcedor ficar iludido, achando que “agora vai”, mas ganhar um jogo grande, aquele jogo que orgulha sua torcida, aquele jogo que conta muito mais a vontade de vencer do que a técnica, aquele jogo que mostra que você tem espírito de campeão, jogos assim esse elenco não ganhou nenhum! Das vitórias dificilmente se tiram lições, mas eu tive a certeza de que esse elenco não tem espírito de Flamengo, simplesmente não entendeu o que é Flamengo, na vitória de 2×0 contra o Botafogo. Amigos, em 20 minutos do 1º tempo estávamos 2×0, se esse time tivesse espírito rubro-negro teria pensado “é hoje que eu vou me consagrar, vou fazer minha torcida feliz” e teria partido pra cima e metido pelo menos uns 4, mas não, 2×0 era um resultado suficiente, então “vamos manter o resultado”, é assim que eles pensam, eles não pensam como o Flamengo, e essa apatia de Diego, Réver e cia. consegue se entranhar rapidamente nos jovens da base, já estão todos se esquecendo também o que é Flamengo.

  • Concordo plenamente com tudo que você diz. No ano de 2015, quando o Flamengo, com um time bem fraco, beliscou a liderança, eu acreditei em dias melhores para o clube. Quando chegou em 2016, um ano cheio de expectativas, achava que iria ser um novo começo para o Flamengo… mas não foi. Eliminações para o Palestino, Fortaleza, Paraná e 4ª posição(se eu não me engano) no Brasileirão. Mesmo assim eu acreditava. O ano de 2017 foi um ano definitivo para o Flamengo voltar a ser uma potência e recuperar minha paixão pelo futebol. Novas contratações, salários em dia, um novo ct e tudo caminhava bem. Vencemos a taça guanabara(se eu não me engano) e esse foi um grande começo de ano, mas tudo começou a desandar novamente. O time chegou a beliscar a liderança novamente e alcançou, mesmo não durando muito tempo e terminando a competição em 7º lugar na classificação (Por causa de um penalti no final do ultimo jogo do campeonato). Eliminação na Libertadores, derrota na final da Sul-Americana e, logo em seguida, derrota na final da Copa do Brasil. Ver um time argentino erguendo a taça de campeão no Maracanã foi de doer o coração, não aguentava mais. Mesmo assim, consegui erguer minhas forças para um último suspiro pra conseguir ver o time dar a volta por cima com o título da Copa do BR, mas não aconteceu. Título para o Cruzeiro e sepultamento final. Depois disso eu deixei o Flamengo de lado. Meu amor continua o mesmo de sempre, acompanho notícias e tudo mais mas eu perdi a graça de assistir o Flamengo e o futebol como um todo. Nem Liga dos Campeões tem a mesma graça de 4 anos atrás. Eu espero um dia ver um Flamengo que renasça das cinzas e se torne uma fênix novamente e recupere minha paixão para gritar, sofrer e cantar a alegria de ser rubro-negro como nos velhos tempos.

  • TÔ ESPERANDO O CHILIQUE DO LOMBA IGUAL DO CARIOQUINHÁ E MANDAR UM MONTE PRA FORA A COMEÇAR PELO ZÉ BONECA

  • FORA ZE BARBIE FORA LOMBA FORA BANANA DE MELO

  • Sou de uma família de torcedores FLAMENGUISTAS…Moro em uma cidadezinha bem no interior de Minas Gerais no Triângulo Mineiro. Sou adepto ao espote sempre. Mais infelizmente sofri ontem as dores dos milhares de torcedores do meu MENGÃO, mais teve um que sofreu com a inocência…MEU FILHO de apenas oito anos de idade, e por isso sinto o mesmo que o amigo Matheus Brum descreveu muito bem: “Chega! Não dá mais! Dói os olhos e o coração! Dói a alma, de ser zoado e não ter como defender, de virar chacota e ter aceitar. Ou esses atletas entendem o que é o Flamengo e cada um dos mais de quarenta milhões de apaixonados, ou mais pessoas também abandonarão este clube”.
    Está ai também o meu desabafo!!!
    UM TRISTE ABRAÇO.

  • Deixa de ser chorão! Parece faísca! Vc não consegue deixar d torcer! MENGOOOOOOOO!

  • Você tem toda razão, o Flamengo de hoje deixou de ser vermelho sangue e passou a ser lilás do Fiu Fiu, lamentável. O presidente que se diz administrador e trabalha com acompanhamento de sei lá o que, centro de referência de sei lá o que, resultados e sei lá mais o que, ama alguns jogadores, ama mesmo, amor sentimental, amor carnal. Ele é quem é o problema, não deixa os poucos cabas que ainda restam de cunhão roxo administrar o time, sobretudo o futebol. Assim, caminhamos para mais um ano decepcionante, um final melancólico, um fim trágico, mas, esperado. Ano que vem teremos novo presidente, tomara que não seja adepto dessa filosofia lilás, que adora alisar um jogador, proteger, demonstrar sentimento tresloucado de desejo incontrolável de afeto. A Bandeira apenas nosso sentimento mais puro de decepção. Tem torcedor que acha esse cara competente. Nunca foi, comete os mesmos abusos dos outros. Antecipação de 180 milhões de cotas de televisão futura, que pela lógica deveriam pertencer as próximas gestões. Compra parcelada de atletas que superam os 100 milhões que ficarão para o próximo presidente pagar, empréstimos com prazos e parcelas a perder de vista que também ficarão para outros pagarem. Se fosse o Kléber Leite seria crime e corrupção, mas, com o Bandeirinha Fiu Fiu isso é normal, por falar nisso, aquele discurso de combate a essa prática ficou no passado. Portanto, só ai são mais de 300 milhões que pertencem ao futuro, que estão sendo gastos no presente, assim é bom pagar dívidas, comprometendo as futuras gestões. Ainda por cima, dentro de campo a gestão é nota ZERO, zero x zero, não conquistou nada importante com esse orçamento de mais de 2 bilhões de Reais em 6 anos. Vergonha. lamentável. Tá na hora de alguém pegar um mói de pentei do Sargento Fahur pra fazer uma chaleira de chá pro bandeirinha Fiu Fiu, vai que dar certo e depois disso ele começa a falar rosado e botar jogador preguiçoso pra correr.

  • Acho que pra vc publicar uma asneira dessa, tu nunca cantou de verdade:EU TERIA UM DESGOSTO PROFUNDO SE FALTASSE O FLAMENGO NO MUNDO
    FLAMENGO ATÉ MORRER EU SOU!!!

  • Essa filosofia do Bandeira definitivamente não deu certo. São 6 anos, quase dois bilhões de arrecadação, mais de um bilhão gastos no futebol e sem ganhar praticamente nada. Tá na hora de alguém que saiba otimizar arrecadação/gastos/resultados. Temos o maior orçamento e estamos no mesmo patamar em termos de resultado a clubes como Inter, São Paulo, Grêmio, Cruzeiro que arrecadam menos da metade do Flamengo. Fora chapa azul, ou melhor, azuis travestidos de lilás. Falta um caba de vergonha na cara, coragem, que não tenha medo dessa cambada e que cobre resultados desses patifes. Alisar cabeça e coxa de jogador não dar certo. É chegado o tempo de acabar com as massagens e alisamentos de perebas. Gestão é coisa de cabra macho(chocochó) esse negócio de Fiu Fiu não combina com futebol, tem de ter aquela peça anatômica roxa. Defendem o Bandeira porque até aqui a coisa melhorou dentro de campo. No ano passado eu fiz o mesmo alerta nos sites. Vamos ter um final de ano frustante. Já já quando perdermos mais duas no Brasileiro, formos eliminados nos dois mata-matas que estamos disputando, ai os cabas começarão a criticar também. Aguardem, falta pouco, daqui a menos de 30 dias o tirinete começa.

  • Com todo respeito ao Jornalista , torcedor do Flamengo você nunca foi

  • Não fique batendo só no rabo da cobra, bata na cabeça que é a diretoria q acha q é soberana no quesito futebol, e só faz merda atrás de merda, todo ano a mesma coisa Chega pra disputar a libertadores fazer jogos grande o time não se preparou, melhor se despreparou mais ainda, técnico estagiário que foi aprovado jogando com time sem expressão, lateral já não tinhamos, deram o Everton para os babis sabendo q Vinícius Junio ia embora, ficar brigando com um jogador q não quer ficar, em semana decisiva, troca na arquibancada também, tira o povão e coloca em jogo decisivo os almofadinhas com ingressos acima dos 180 e assim vai

  • Mas na semana passada era o orgulho da nação, melhor futebol do Brasil. Problema não é somente o clube Flamengo, mas também parte da torcida do Flamengo que insiste numa ilusão de que o Flamengo era um time gigante, que jogava um belo futebol e que agora parou no tempo. Quantos títulos na década de 90? 1 Brasileiro e 1 Copa do Brasil, quantos títulos na década 00? 1 Brasileiro e 1 Copa do Brasil e agora, nessa década de 10/20 ? Uma Copa do Brasil já foi, só falta o brasileiro pra continuar a sequência de duas conquistas relevantes por década, mas qual a diferença? Participações em Libertadores, nunca estivemos participando tanto do torneio como nos ultimos anos, somente nessa década foram 5 vezes, provavelmente ano que vem a gente volta, então pode ser que se tornem 6, se concretizar será o terceiro ano consecutivo, algo que só aconteceu na década de 80. Outra diferença? Não lutamos mais consecutivamente contra rebaixamentos, algo que foi rotina nas décadas de 90 e 00, que se tornou escasso nessa década e principalmente nos últimos 4 ou 5 anos. Que o Flamengo melhorou isso é visível, é fato, somos outro clube, porém, ainda longe “daquele” Flamengo do início dos anos 80, continuemos a caminhada, o rumo está correto, o problema é a insistência do clube (e a torcida tem parte nisso) em querer contratar jogadores e não confiar na divisão de base, talvez essa seja o grande diferencial dos anos 80 pra hj.

  • Antes de me chamarem de modinha, tenho 40 anos e vivi grandes momentos com o Flamengo. Preciso desse tempo, e acho que o colega colunista também.
    Meu Pai tem 65 e já havia perdido a esperança faz tempo, viu a decreptude desses jogadores.

  • Também cheguei no meu limite. Mesmo que venham as vitórias, apenas o tempo poderá trazer o tesão pelo flamengo.

  • Vá torcer para outro time.

  • Concordo plenamente… Tenho até daufades de Nélio, Júnior Baiano… Meus sentimentos são os mesmos e farei o mesmo que você. Olha que sempre fui contra isso, mas cheguei ao meu máximo, esse é meu último comentário sobre Flamengo, posso até continuar com o amor, pois no coração não se manda, mas no que eu puder evitar… EVITO NADA, DOMINGI JÁ TÔ DE NOVO TORCENDO!!! Isso aqui é Flamengo, não tem jeito!!! Amor eterno!

    • Kkkkk pior que e assim mesmo

  • Acho que tu Nunca foi Flamengo então
    Pois reconhecemos um sentimento quando realmente não recebemos algo em troca, se o Fla ganhar to la, se perder to la tbm, pela o tempo que diz que é Flamengo da pra se notar o quanto tu é modinha.Pois nem viu nenhum título expressivo do seu time!VC NAO REPRESENTA A TORCIDA FLA
    Claro que gostamos de títulos mas não foi eles que fizeram um torcedor ter amor pelo time!
    Esse é meu desabafo à você, sem chingamentos!

  • Grande verdade… Hoje só podemos nos orgulhar da recuperação financeira da instituição. A diretoria é profissional na administração, mas peca nas contratações. Há tempos gasta mal e sem critério. Excesso de jogadores de meio com características defensivas e que não agregam nada. Nenhuma movimentação para contratar laterais que possam ser titulares. Rodinei e Renê são para compor elenco e só. Volta e meia vemos jogadores medianos rendendo muito bem em vários clubes do Brasil e com custo muito menor que nem passaram pela cabeça da diretoria. Ver o “veterano” Léo Moura jogando no Grêmio e o Rodinei aqui é de matar. O Egídio foi quase dado para sair da Gávea e no lado esquerdo temos o Renê. Não adianta colocar a culpa no Barbieri porque ele até faz um bom trabalho. E trocar o técnico não vai mudar nada. O que falta é entrega. Não adianta termos meio time se entregando e o resto vendo o tempo passar.

  • Penso igual a voce só que a receita é o que os olhos não vêem o coração não sente. Não adianta nada continuar acompanhando e fingindo que não está sofrendo.

  • Pior que esse time de merda sem alma e da diretoria fraca que deixa um técnico inesperiente fazer o time de cobaia , é a torcida que n faz protesto e ainda lota o estádio a custo alto e se conforma com as seguidas vergonhas calada tem que fazer protesto xingar cobrar ficar indignados pressionar o time fazer alguma coisa

  • Fora lomba e Barbieri

Comentários não são permitidos.