Flamengo bate a Chapecoense no Maracanã e segue vivo no Brasileirão

FOTO: GILVAN DE SOUZA/FLAMENGO

Por: Marvin Machado

Flamengo e Chapecoense se enfrentaram neste sábado (08), no Maracanã, pela 24ª rodada do Brasileirão. A equipe carioca fez um jogo seguro e venceu a partida pelo placar de 2 a 0, com gols marcados por Renê e Diego Ribas. A vitória dá tranquilidade ao Mais Querido para o jogo decisivo da próxima quarta-feira (12), diante do Corinthians, pelas semifinais da Copa do Brasil.

O JOGO

O Flamengo iniciou a partida sendo empurrado por seus torcedores, que esperavam um time diferente e mais agressivo diante da Chapecoense. Os visitantes, no entanto, que tentavam incomodar a defesa composta por Léo Duarte e Réver.


Compre capinhas oficiais do Mengão para seu celular. São diversos modelos para você escolher o que mais combina contigo. CLIQUE AQUI para conferir!


O clube da Gávea deu o primeiro arremate somente aos 13 minutos de jogo. Everton Ribeiro recebeu na entrada da área, pela direita, e chutou de fora. A bola, porém, passou longe da meta da Chape. Até os 20 minutos iniciais, os goleiros Diego Alves e Jandrei não trabalharam, em partida caracterizada pela falta de intensidade do Fla.

Aos 29, Arão recebeu na entrada da área e chutou de primeira, mas Jandrei estava bem posicionado e fez a defesa com facilidade. O Rubro-Negro não conseguia imprimir velocidade e ritmo de jogo, esbarrando por vezes na marcação da adversária.

O Fla claramente demonstrava sinais de nervosismo e não agredia a equipe catarinense. Prova disso é que até os 40 minutos de jogo não houve uma chance clara do Mais Querido para abrir o placar.

A chance foi acontecer somente aos 43 minutos. Rodinei avançou até a linha de fundo e cruzou. A defesa da Chape prontamente cortou, mas a bola acabou sobrando para Diego na entrada da área. Com a frente muito poluída, o camisa 10 tocou de lado para Renê, que bateu colocado, sem qualquer possibilidade de defesa do goleiro Jandrei.

Já aos 46, o Rubro-Negro quase chegou ao segundo gol, com Diego Ribas. O jogador aproveitou o corte de Jandrei após cruzamento de Arão e chutou por duas vezes no rebote. Com o goleiro catarinense caído, o meia mandou por cima do travessão e perdeu grande oportunidade de ampliar e deixar o Fla com uma bela vantagem para a última etapa.

O Flamengo voltou bem para o segundo tempo e conseguiu falta perigosa aos 11 minutos, perto da área adversária. Diego arrematou, mas a bola pegou no braço de Leandro Pereira. O árbitro, bem posicionado, marcou pênalti. Diego Ribas deslocou Jandrei e marcou o segundo gol do Mengão, homenageando o zagueiro Juan na comemoração.

Com grande vantagem, o Fla se fechou mais para tentar o terceiro tento de contra-ataque. A Chape, dessa forma, chegou aos 30 minutos. Raphael Thyere recebeu livre na área e chutou forte, mas parou na boa defesa do goleiro Diego Alves, que até então não havia trabalhado.

Aos 34 minutos, Uribe saiu para entrada do atacante Orlando Berrío. O colombiano não atuava pelo clube da Gávea desde outubro do ano passado. A entrada do jogador foi muito aplaudida pela torcida rubro-negra.

Com a vitória na mão, o Fla apenas administrou a partida, trocando bem os passes no meio de campo e conseguindo boas chegadas na frente, sem levar sustos da equipe de Santa Catarina até os minutos finais de jogo.

Com o resultado, o Mais Querido pula momentaneamente para a terceira colocação na tabela, com 44 pontos ganhos. A equipe carioca agora se prepara para o embate decisivo pela Copa do Brasil, diante do Corinhtians, na próxima quarta-feira (12). O primeiro jogo será disputado no estádio do Maracanã, sendo válido pelas semifinais do torneio nacional.

Veja também

  • Com esse time jogando do jeito que joga, nem me dou ao trabalho de ver. Fui fazer outra coisa, e não me arrependi. Agora contra o Corínthians, que não ganha de ninguém, e jogando no Maracanã, será que vai ser diferente do que foi contra o Cruzeiro e o Ceará?
    Difícil acreditar.

  • Vcs são ridículos seus modinhas medíocres de merda! Vamos Mengão juntos somos mais fortes.

  • Diego parece ser um desses jogadores de pontos corridos mesmo. Joga muito em jogos como esse

  • Jogo sem brilho! Sem emoção, exceto com a Chape pressionando após o segundo gol, que é uma vergonha! Com o time jogando desse jeito, não tenho esperança de nenhum título este ano.

Comentários não são permitidos.