Landim planeja ajustes contratuais, mas é claro ao falar sobre estádio: “O Maracanã é nosso”

FOTO: REPRODUÇÃO

Um assunto que nunca sai de pauta no Flamengo é estádio. Com problemas para jogar no Maracanã nos últimos anos, por diversas vezes a possibilidade de construir uma estrutura própria é levantada. Rodolfo Landim, principal candidato de oposição nas eleições presidenciais do clube, participou do programa Aqui com Benja, dos canais Fox Sports, e foi perguntado sobre o tema. Em sua resposta, priorizou completamente o uso do Maraca, mas fez ponderações.

O Flamengo respeita os contratos que ele assina. Hoje tem contrato com o Maracanã que vai durar por mais dois anos. Então o estádio do Flamengo, hoje, é o Maracanã. Tenho críticas grandes ao contrato que foi feito. Acho que a relação de divisão de benefícios que foi feita poderia ser melhor para o Flamengo. Acho que a gente pode aprimorar muito esse contrato —, disse Landim, que seguiu projetando o futuro diante de outras hipóteses.


Compre capinhas oficiais do Mengão para seu celular. São diversos modelos para você escolher o que mais combina contigo. CLIQUE AQUI para conferir!


Com o novo governador, nós vamos continuar com aquilo que sempre foi o pleito do Flamengo, no qual eu fiz parte lá em 2013, 2014. É poder participar como operador, ou pelo menos como uma dos entes que faz parte do consórcio. O Maracanã não consegue se estabilizar economicamente sem a receita do Flamengo. Primeiro ponto é: não modificando nada, renegociar o contrato em base melhores. A segunda é conversar com o poder concedente e tentar colocar o Flamengo, no caso desse contrato ser rescindido, como parte do consórcio operador ou como operador. A gente tem aquela conversa que é o seguinte: o Maracanã é nosso. Tem uma música: ‘o Maraca é nosso, vai começar a festa’ —, afirmou o candidato.

Com Wilson Witzel, novo governador do estado do Rio de Janeiro, a situação do Maracanã deve mudar. O político prometeu rever o contrato de concessão e priorizar os clubes nesse processo. Apesar da atual gestão já ter no alvo possíveis terrenos para construção de um estádio próprio, a preferência de Landim é pelo tradicional Maior do Mundo. O candidato disputa a presidência do Fla com outros três nomes no dia 8 de dezembro. São eles Ricardo Lomba, pela situação, Marcelo Vargas e José Carlos Peruano.

6 Comentários
  • Você imagina o Flamengo construindo não só um estadio, mas sim um complexo turístico onde teríamos museu, restaurantes, shopping e hotel… Ja pensou um turista vir pra assistir a um jogo do Flamengo e ficar hospedado nesse hotel o final de semana inteiro? Seria muita grana gerada!!!

    • Concordo plenamente,chega Dee pensamento pequeno e da humilhação que passamos todos os anos sem ter onde jogar, precisamos da nossa casa própria, precisamos do nosso estádio urgente.
      O Flamengo é gigante e não tem que ser visto como um sem teto.
      Te amo Flamengo.

  • A construção do estádio próprio do Mengão é uma questão de honra para o clube, agora vem Landim falar que isso não é prioridade já é cartão vermelho para vc. Estádio próprio SIM.

  • Flamengo tem que pensar em estádio próprio sim, já chega dessa humilhação, vejamos a última rodada em que o flor tbm vai jogar. Com nosso estádio a gente manda praquele lugar.

  • Vai ganhar… Mas já tá começado errado! Pqp! Um clube do tamanho do FLAMENGO não pode ficar mendigando estádio pra jogar! Acorda cara!

  • Criação de sites e aplicativos para celular