fbpx

Membro responsável por pesquisa polêmica é afastado do “SóFla”

Com a eleição presidencial se aproximando, os bastidores do Flamengo ficam cada vez mais quentes. Nos últimos dias, uma das polêmicas que apimentou a disputa entre Ricardo Lomba (situação) e Rodolfo Landim (nome mais forte da oposição) foi uma pesquisa enviada a sócios, na qual – apesar de não citar nomes – havia uma clara tendência a tirar votos de Landim. Dias após a polêmica vir à tona, Arthur Butter, membro do grupo “SóFla” assumiu a autoria. Agora, nesta quarta (28), o grupo informou que Arthur foi afastado.

Através do Twitter, o próprio SóFla foi responsável por comunicar a saída de Arthur: “O @sociospelofla informa que o membro Arthur Butter não mais integra a sua Secretaria Executiva. Continuam respondendo pelo grupo os membros Milton Dantas e João Paulo Bento.”

LANDIM PRETENDE ENTRAR COM PROCESSO POR CONTA DA PESQUISA

Rodolfo Landim, principal candidato da oposição, avisou que irá entrar com processos criminais e cíveis contra integrantes do grupo política da situação SóFla. Apesar dos tópicos não mencionarem diretamente o nome da Chapa Roxa, em certo trecho chegava-se a indagar se o sócio votaria em um nome que houvesse o risco de ter o nome relacionado à Operação Lava Jato.

– Esses ataques são lamentáveis. Foram desmentidos em uma nota e confirmamos a origem através de análise policia. Tudo realmente veio de uma pessoa que faz parte da executiva do SoFla. Temos as provas documentadas. Daremos andamento aos processos criminais e cíveis -, disse Landim em entrevista ao portal Uol, demonstrando indignação com o ocorrido.

0 Comentários

Criação de sites e aplicativos para celular