Anderson Alves: “Flamengo e o peso de não poder errar!”

FOTO: DIVULGAÇÃO / FLAMENGO

Se tivesse nove horas para cortar uma árvore, passaria seis horas amolando o machado“. LINCOLN, Abraham

Vamos ao que interessa então. Temos que ser inteligentes nessa janela e comprar/ contratar jogadores que peguem camisa, pois precisamos de quase metade do time titular. Noutra coluna, que foi escrita antes da mudança de técnico inclusive, faço uma reflexão sobre o tamanho do elenco, com auxílio dos números de minutos e jogos de cada jogador, mas não foi possível lançá-la e irá sair em breve. Já adianto que o número máximo com o qual trabalharia é 30. Máximo mesmo. Mas vamos ver como está o mercado e quem está dando sopa.

Olá, coleguinhas de Coluna do Flamengo. Vamos olhar as oportunidades do mercado, nem que não sejam aquelas as quais nos acostumamos. De graça kk.

Algumas coisas que temos que levar em consideração: Temos cinco vagas de estrangeiros no time. Atualmente temos cinco estrangeiros. Cuellar, Píris, Berrío, Uribe e Trauco. O lateral parece que está alçando vôo para a terra do Mickey. Então só podemos contar com mais um estrangeiro, o que nos leva a crer que a ideia da direção anterior era mesmo vender alguém, provavelmente Cuellar. Quer dizer que só podemos contratar um? Não, mas nos limita e nós pudemos ver vários jogos que o rodízio incomodava. Principalmente quando Píris estava fora do banco.

Isto posto e desenvolvendo as posições carentes que conversávamos na coluna anterior, vamos aos nomes. Aliás falamos sobre uma vaga na zaga, uma em cada lateral e uma na meia. Assim, a especulação de Gabigol é interessante, mas o custo é descabido. Não dá para gastar essa quantidade de dinheiro em uma posição que não é carente. Ainda assim, precisamos observar o mercado e acertar na contratação, ainda que não seja carente, que seja indispensável agarrar a oportunidade.

Na zaga estamos em curso com uma negociação junto a Inter, pelo que tudo indica pelo Miranda. Quanto estão pedindo? É troco pelo Gabigol? Se for assim, melhor não! Mas que o zagueiro é um ganho na nossa zaga, isso é! O nome é certo e já estamos falando dele há mais de dois anos. O sonho mesmo não é que compremos como loucos agora que temos algum dinheiro, mas que não percamos mais oportunidades. Há pelo menos três temporadas que Miranda renova anualmente com o Inter, frequentemente é sacado do time titular, então por que não falamos com o jogador que assinaria pré contrato para ser nosso lá atrás? Não foi o único.

Outro que está disponível no mercado é David Luiz. No meio do ano encerrará seu contrato com o Chelsea e os chineses estão de olho. Há uma conversa de que o Barcelona estaria interessado nele ou no Miranda. Parece irreal. Há quem não goste do jogador, eu mesmo não sou fã, mas como disse. Precisamos de alguém de nível superior no setor e ele sobraria aqui. Temos que guardar a vaga de estrangeiro para alguém impactante.

Agora as problemáticas laterais. Uma coisa é certa. Klebinho não deve conseguir agarrar mesmo a vaga. Nem Barbieri, nem Dorival o utilizaram ali e olha que os titulares eram Pará e Rodinei. Nem sou dos que execram os dois não, mas acho que o Flamengo merece mais. Talvez vendesse apenas um, mas acho que se tem proposta é para aproveitar. Vamos pensar em nomes. Aquele velho problema. Quem é bom nome no Brasil? Marcos Rocha? 2M Euros por um jogador de 30 anos com um histórico de lesão preocupante… Acredite, pagaria para não ter que gastar um caminhão de dinheiro (quase ou mais que o dobro) em Mariano com 32.
A lateral esquerda é um problema ainda maior. Maior porque temos o atual melhor jogador da posição o que pode nos enganar bastante. Ainda assim gostaria de contratar um que tomasse a vaga ali. Jorge deveria ser esse nome. O Mônaco não o quer, então um empréstimo seria maravilhoso. Está com o Porto B até o meio do ano que vem e seria melhor que jogasse um futebol competitivo aqui do que lá. Talvez até pagar alguma coisa para os Franceses planejando uma aquisição para a posição no futuro, caso Michael não agrade. 10,8M em Dodô não parece boa ideia. Jogador não teve um campeonato de 2018 que justificasse o investimento.

A meia é uma posição que é ingrata. Precisamos repor Paquetá e não sabemos até quando teremos Diego. Talvez um não seja suficiente, mas como há pouco dinheiro vamos ver o mercado. Como já disse antes, entendo que o Flamengo precise fazer barulho na janela para lembrar ao mercado que estamos aqui. Essa talvez seja a posição. Procurar em oportunidade de mercado com jogador saindo de contrato é perda de tempo. O que sairá deve renovar com o United. Assim, temos que olhar para o mercado sulamericano, o que inclui o Brasil.

Quem se pode contratar com características de 10? Especula-se que Hernanes custe 6M Euros. Nome perfeito! Veste a camisa e sai jogando. Problema seria adequar o salário, mas nada que uma boa conversa não resolva. Outro nome já especulado é o de Giuliano. Vi pouco o jogador em 2018 e só posso trabalhar com o jogador do Internacional, visto que não acompanhei a passagem no Grêmio também. 46M é muito dinheiro para apostar nele. Que eu me lembre não foi tão bem no time de Renato O mesmo preço de Vitinho e quase metade do que se diz que temos para gastar. Compraria o Matias Vargas sem pena. É uma aposta! Mas uma aposta embasada na opinião de bons especialistas e que faria. Claro que o dinheiro não é meu! Mas uma hora o Flamengo terá que apostar. Que seja no Monito. E tem a chancela de @jozanovalis semestre após semestre. Quem deu 10M Euros em Vitinho, dá 14 no Monito.

Esse é todo o dinheiro que o clube tem! Talvez, caso parcelasse algumas compras, abriria espaço para mais uma contratação. Mas os nomes são bons, o que acham? Há outros nomes interessantes no mercado?

ATENÇÃO: Ninguém está falando para contratar TODOS. Algumas posições têm mais de uma opção!

Anderson Alves, O otimista.

1 Comentários
  • Criação de sites e aplicativos para celular