Após Jogo das Estrelas, Júnior admite despedida dos gramados: “Pra mim, foi a última jogando”

FOTO: CARLA ARAÚJO / COLUNA DO FLAMENGO

Um dos maiores ídolos da história do Flamengo, Maestro Júnior deu indícios de que irá pendurar definitivamente as chuteiras. Em entrevista concedida após o “Jogo das Estrelas”, organizado por Zico e disputado na última quinta-feira (27), o ex-jogador revelou não pretende atuar nas próximas edições do evento, mas declarou que irá participar nos bastidores da partida de fim de ano “ajudando a rapazeada”.

– Pra mim, foi a última jogando. Daqui pra frente, vou participar fora de campo, ajudando a rapazeada. Sempre um prazer participar e ter essa integração. Vimos hoje aqui três gerações, e isso é muito legal -, disse o Maestro, em entrevista na zona mista do Maracanã.

Júnior também avaliou as carências que o Flamengo precisa lidar para a próxima temporada e sugeriu mudanças ousadas no elenco, como a contratação de laterais e de um centroavante “que garanta pelo menos 20 gols por ano”, além de um zagueiro para suprir a saída de Réver. Vale lembrar que, para esta posição, o Rubro-Negro acertou com Rodrigo Caio, que atuou pelo São Paulo em 2018, faltando apenas a troca de documentações para que o atleta seja oficializado como o primeiro reforço do clube.

Tem que dar continuidade ao que estava sendo feito e escolher jogadores para fortalecer o time que já tem qualidade. Algumas posições, como laterais, suprir a perda do Réver e encontrar um centroavante que garanta pelo menos 20 gols por ano -, opinou Júnior.

Veja também