Flamengo perde para o Figueirense e sai da Copinha em primeiro jogo eliminatório

FOTO: SAMUEL OLIVEIRA

O Flamengo deu seu pontapé inicial na disputa da fase eliminatória da Copa São Paulo de Futebol Júnior nesta sexta-feira (11). O adversário da vez foi o Figueirense, equipe que passou pela fase de grupos com 100% de aproveitamento. No duelo eliminatório, o Flamengo não conseguiu se impor sobre o adversário e perdeu por 1 a 0, dando adeus à Copinha.

O JOGO

Com as equipes precisando da vitória para seguirem vivas na competição, o jogo começou quente. O Figueirense, confiante pelos resultados anteriores, partiu para cima logo no início do embate. Aos 17 minutos, a equipe de Santa Catarina teve a primeira grande chance de gol.

Após erro na saída de bola do Fla, o, João Diogo não foi fominha e passou para Gabriel. O atacante invadiu a área e ficou cara a cara com o goleiro Yago Darub. Por sorte da equipe rubro-negra, o adversário bateu mal e mandou por cima do gol.

O ataque do Flamengo não funcionava. Enquanto isso, o Figueirense criava suas chances e dava pouco espaço aos Garotos do Ninho. Com este cenário, a equipe adversária abriu o placar aos 38 minutos de jogo. Após bola dividida na entrada da área, o centroavante foi mais ágil que a defesa, fez o giro e bateu rasteiro, sem dar chance a Yago.

Na etapa complementar, o Flamengo voltou com maior ofensividade. Não a toa, logo no primeiro minuto do segundo tempo, o atacante Rodrigo Muniz chegou a balançar as redes. O lance, porém, acabou sendo impugnado. Isso porque, antes de finalizar, o camisa 18 empurrou o adversário para se livrar da marcação.

Aos cinco minutos, Bill também levou perigo à meta do Figueirense. O camisa 7 cortou na diagonal e, da intermediária, encheu o pé. A bola tinha endereço, mas o goleiro Vinicius fez ótima defesa e impediu o empate rubro-negro.

Até os 20 minutos, o Flamengo conseguiu manter a pressão. Entretanto, depois desse período, o Figueirense voltou a equilibrar a partida e criar perigo ao gol rubro-negro. Para tentar mudar o cenário, o técnico Maurício de Souza chegou a promover substituições, como Wendel por Luiz Henrique e Gomes por Marx.

Apesar das tentativas, o Flamengo não conseguiu virar a partida ou sequer empatar o embate. Com a derrota por 1 a 0, o Rubro-Negro deu adeus à competição já na primeira fase eliminatória do torneio.

10 Comentários
  • Achamada “garotada da base” alguns, aos 20 anos, dessa vez, nem sentiu o “cheirinho”
    Se a Inter, ainda tiver interesse no tal Ryan, deem-lhes a prioridade na aquisição do passe, pois, em dois anos, poderá valer, se muito uns 20 mi de Euros, em mãos de hábil negociador.
    E, pra concluir o megalômano CT da Base, aproveite a maioria, como Pedreiros !!!

  • Atenção: 1 – Dedé, é caro, arriscado e estressante (pelo Itair)
    Victor Cuesta, é mais novo, barato e, creio em negociação mais rápida.
    Leonardo Pereira, guardadas as proporções, acaba sendo uma negociação tão estressante também, por conduzida pelo marrento Presidente do Athletic. E, nunca esqueçam, em sequência CIRINO – LEO – JUNINHO, pelo qual, pediam R$10mi, À VISTA, por ter várias propostas da Europa (o mesmo caô) e hoje, é quarto reserva, “entubado” pelo Palmeiras .

  • Mano, que molecada ruim de bola é essa? Não chega nem na metade daquilo que vendiam!! Vi os jogos dos garotos e eles são ruins d+…..

  • Criação de sites e aplicativos para celular