Diretor geral do Flamengo garante apoio total às famílias das vítimas: “Não medimos esforços”

FOTO: VENÊ CASAGRANDE/COLUNA DO FLAMENGO

O trágico incêndio ocorrido no Ninho do Urubu que ocasionou a morte de dez jovens das categorias de base do Flamengo ainda anseia por respostas. Em meio a isso, o diretor geral do clube, Reinaldo Belotti, concedeu pronunciamento na Gávea, na tarde deste sábado (09). Já no início das declarações, Reinaldo deixou claro que o clube fará o possível pelas famílias dos envolvidos.

Essa é a primeira vez que conversamos. Só é a primeira agora pois estou no clube há 30 dias. Eu vim falar com vocês a respeito do trágico acidente. Não estamos medindo esforços para atender todos os familiares. Nós providenciamos buscar todos. Com representantes capacitados. Levamos todas essas pessoas para um hotel. Um lugar confortável que desse a privacidade necessária -, disse ele.

Além de falar das vítimas fatais, Reinaldo também esclareceu qual foi a postura do Flamengo em relação aos atletas que estavam no CT no momento do acidente. Segundo ele, o Fla tratou de encaminhar os jovens para ficarem com suas famílias, todos acompanhados por funcionários do clube.

Os demais atletas que estavam no módulo, nós mandamos para as suas respectivas casas. Todos com um representante do Flamengo. Isso tudo está registrado. A gente mantém contatos para garantir a segurança de todos -, garantiu o dirigente.