Everton Ribeiro revela cobrança no vestiário após derrota, mas aponta: “Temos que levantar a cabeça”

FOTO: CARLA ARAÚJO/COLUNA DO FLAMENGO

Com Maracanã lotado na noite da última quinta (14) – contabilizando a presença de mais de 50 mil torcedores –, o Flamengo decepcionou e foi eliminado da Taça Guanabara pelo Fluminense, com um gol no fim da partida marcado pelo atacante Luciano. Em entrevista na zona mista, Everton Ribeiro não escondeu a frustração com o resultado e revelou que houve cobranças no vestiário.

Teve cobrança (no final do jogo), é natural, porque perdemos um jogo importante. Mas também tem a parte de saber que temos um longo ano pela frente. Como eu falei, eliminação dói muito, a gente não queria. Buscamos sair classificados daqui hoje, mas temos que levantar a cabeça para seguir em frente e buscar na próxima competição poder classificar e sair campeão -, disse o camisa 7.

Perguntando sobre a equipe considerada titular por Abel Braga, Everton ressaltou que o Flamengo não possuiu um time definitivo. Segundo ele, o técnico escolherá quem estiver em um momento melhor, e disse esperar que todos correspondam dentro de campo para que a equipe consiga evoluir.

Não tem um time definitivo. O Abel falou que quem estiver melhor vai jogar. Se quem estiver dentro não corresponder, tem outros no banco para entrar. É todo mundo corresponder, fazer bons jogos e crescer juntos -, concluiu.

Com a derrota, o Flamengo finalizou a sua participação na primeira fase do Campeonato Carioca e somente volta a jogar no dia 24 de fevereiro, em um domingo, pela estreia da Taça Rio. A partida em questão será disputada contra o Americano, no estádio do Maracanã, e o elenco se reapresenta já na tarde desta sexta (15) para dar prosseguimento aos treinamentos para o Estadual.

Veja também

  • Ninguém está correspondendo

  • Srs rubro Negros venha interagir com outros rubro Negros em nosso grupo de wattsapp, só chamar que no Cel 11957582911..

  • Muito retranqueiro esse tal de Abel Braga.

  • Campeonato Carioquinha “não vale nada”, mas se perder o campeonato “que não vale nada” tem crise. ..kkkkkkkk

  • Nem pra fazer 1 golzinho pra dedicar as vítimas… lamentável

  • vai tomar no cu um cara velho de futebol já se fudel com Zé Ricardo e Maurício agora vem com essa cara de cu mal lavado toma jeito cara tenha atitude de homem vc só não todos do time vcs não estão aí pra dar satisfação de derrota não estão aí pra ser vencedor não dá pede pra sair

  • Esses modinhas torcedores são foda! Parem de queimar o trabalho do Abel! Ele tá testando no momento certo, fez rodízio agora no início de um campeonato que não vale bosta nenhuma. Ano passado o Fla parecia uma enceradeira, 200 % de posse de bola e perdemos jogos bobos (quem lembra do Cortinthians, Cruzeiro, Palmeiras e SP??????). Será que ninguém percebeu que ele tentou uma variação tática pra ver como o time se comporta sem a bola??? Quem quer ganhar bosta de taça guanabara e carioqueta??? O momento de testar é agora. Um mês de trabalho e vcs já estão cornetando, pqp! Ohhh torcida desesperada. E daí se perdeu pra bosta do flu na guanabara? Grande bosta. O que interessa é libertadores e brasileiro e me desculpem, ao menos o Abel tem moral pra colocar o dedo na cara de qualquer jogador sem se intimidar, ao contrário do Barbieri, Zé Ricardo e Dorival, que jogaram fora vários títulos importantes. Tenham um pouco de paciência. Como se não fosse normal perder um jogo no início da temporada. Todo ano é a mesma bosta, queimam jogadores bons, só criticam, pq não apoiam?????????

  • O culpado por TD isso é esse treinador fraco do abelmerda,o Dourival fazia a diferença.

  • Uma falha de Arrascaeta acabou matando o jogo. Questiona-se a necessidade dele ter entrado no jogo, poderia ter deixado como estava. O Flamengo jogava com a vantagem, e quem tinha que se desesperar era o Flu. Estava tudo sob controle até a falha individual dele, já aos 49 do segundo tempo, que podendo dar um bico pra longe quis fazer firulinha desnecessária perto da área. Entrou frio num jogo muito pegado.
    Entrando com dois jogadores rápidos no ataque (Bruno Henrique e Gabigol), e jogando no erro do adversário que precisava vencer, tivemos chance de matar o jogo mais de uma vez, e erramos. O destino não perdoa, quem não faz leva.
    Que isso sirva de lição a esse time, que desde há muito não sabe matar seus jogos. Ano passado poderíamos ser campeões brasileiros, se vencêssemos o Palmeiras em casa (jogo de 6 pontos) e o São Paulo no Morumbi, mas Paquetá e Vitinho isolaram nas nuvens o campeonato. Essa praga psicológica só não pode contaminar mais esses novos que chegaram, muito dinheiro foi gasto e não foi pra continuar tudo na mesma. Bola pra frente. Perdemos a batalha, mas não perdemos a guerra. SRN

  • Esses discursos já é natural por parte desses jogadores, é vergonhoso o que o Flamengo vem fazendo nas competições com o seu torcedor

  • Time jogou pequeno, como um covarde.

  • Todo ano tem um longo ano pela frente P….! detestável estes discursos sem sentido! assim como o Abel que quem almeja grandes coisas tem a dor!!!!! Por favor, né!? time covarde, sem vontade de matar o jogo! é com tristeza que escrevo isto, mas estou com saudade da época em que meu time tinha menos medalhão e mais raçudo em campo! … fica esse mimimi! entra ano e sai ano! e nada! sempre a mesma falta de objetividade! um time sem expressão! meio desengonçado! e tendo que aturar zoação de torcedor de time bem inferior, mas que está resolvendo! fazer o quê! rezar para S.J.Tadeu!

Comentários não são permitidos.