Procurador-Geral do Estado cita órgãos que participarão de vistoria no Ninho do Urubu

Por: Higor Neves e Venê Casagrande

O incêndio que ocasionou a morte de dez jovens atletas no Ninho do Urubu já tem sido investigado. Dessa forma, o Centro de Treinamento do Flamengo receberá visitas de diversos órgãos do estado, que irão vistoriar o local para identificar possíveis irregularidades ou, até mesmo, decretar a interdição do local, nesta terça-feira (12). Isso é o que garante Eduardo Gussem, procurador geral do Estado.

Em pronunciamento realizado na tarde desta segunda-feira (10), Eduardo confirmou que representantes de entidades do estado e do município irão ao Ninho do Urubu no próximo dia. Na mesma declaração, o procurador também destacou o suporte que o clube tem dado às famílias das vítimas da tragédia.

– O Flamengo entregou à Defensoria Pública Geral do Rio de Janeiro a condução dessa negociação com as famílias para o reparo imediato, e nós ajustamos também que iremos realizar, a partir de amanhã (terça-feira), perícias amplas no Centro de Treinamento do Flamengo, com todas as estruturas governamentais, para que possamos analisar em que condições se encontra o CT e se há necessidade de uma interrupção plena ou parcial das atividades. Então, amanhã, junto com o Corpo de Bombeiros, Defesa Civil, Prefeitura, MP do Trabalho, MP do Estado e Governo do Estado, estaremos lá fazendo essas análises -, disse Eduardo.

1 Comentários
  • Agora todos estão contra o Flamengo ninguém quer ter responsabilidades sobre a caso tenho plena certeza que esse incêndio teve um início causado por alguma coisa , o clube Flamengo não queria isso

  • Criação de sites e aplicativos para celular