Guia das Oitavas: saiba mais sobre o sorteio e todos os possíveis adversários do Flamengo na Libertadores

Por: João Pedro Nascimento

O Flamengo garantiu sua classificação para as oitavas de final da Copa Libertadores, e agora aguarda para saber quem será seu adversário no mata-mata da competição. Por ter se classificado em primeiro, o Rubro-Negro encara um dos segundos colocados e decide a eliminatória dentro do Maracanã. Não há restrições no sorteio, portanto, o adversário pode sair de qualquer um dos grupos.

O sorteio que definirá o chaveamento acontece em Luque, no Paraguai, sede da Conmebol, na próxima segunda-feira (13), às 20h30 (horário de Brasília). Os jogos de ida das oitavas de final estão marcados para acontecer entre os dias 23 e 25 de julho, enquanto as partidas de volta ocorrerão entre 30 de julho e 1º de agosto.

VEJA TODAS AS POSSIBILIDADES DO FLAMENGO NAS OITAVAS DE FINAL:

GRUPO A: River Plate-ARG

Apesar da segunda colocação, o atual campeão continental River Plate, de Lucas Pratto, chega invicto às oitavas de final, após vencer dois jogos e empatar outros quatro, somando 10 pontos. O líder do grupo foi o Internacional, com 14. Palestino-CHI e Alianza Lima-PER foram eliminados.

Foto: Divulgação

GRUPO B: Emelec-EQU

A equipe equatoriana conquistou sua vaga com tranquilidade, somando nove pontos: duas vitórias, três empates e uma derrota, apenas para o líder do grupo, o Cruzeiro, que fez 15 pontos e teve a segunda melhor campanha de toda a fase de grupos, atrás apenas do Palmeiras. Deportivo Lara-VEN e Huracán-ARG se despediram.

Foto: Divulgação

GRUPO C: Godoy Cruz-ARG

Beneficiado pela derrota do líder Olimpia-PAR, em casa, na última rodada, o Godoy Cruz ficou a apenas dois gols de terminar a fase de grupos em primeiro lugar. Com os mesmos nove pontos da equipe paraguaia, assegurou o vice vencendo os dois últimos jogos, já que empatou os três primeiros confrontos que fez. Sporting Cristal-PER e Concepción-CHI estão eliminados.

Foto: Divulgação

GRUPO D: LDU-EQU

Na chave do próprio Flamengo, a LDU representaria um reencontro com a altitude. Em Quito, a Liga manda seus jogos a 2.800 metros acima do nível do mar. Os equatorianos ficaram empatados tanto com o Rubro-Negro, quanto com o Peñarol-URU: os três fizeram 10 pontos. No saldo de gols, os uruguaios foram eliminados. O lanterna San José-BOL também está fora.

Foto: Divulgação

GRUPO E: Nacional-URU

O tradicional Bolso pode cruzar o caminho do Flamengo logo nas oitavas, após somar 13 pontos na fase de grupos e ficar atrás do Cerro Porteño-PAR apenas no saldo de gols. Entre os resultados, duas vitórias sobre o Atlético-MG, dentro e fora de casa. Galo e Zamora-VEN se despedem da Libertadores.

Foto: Divulgação

GRUPO F: San Lorenzo-ARG

Na chave do Palmeiras, time de melhor campanha da fase de grupos, o Flamengo pode reencontrar um velho conhecido: o San Lorenzo, que eliminou o Rubro-Negro da competição continental em 2017, na última rodada. Com três vitórias, um empate e duas derrotas, nas duas últimas rodadas, os argentinos somaram 10 pontos, campanha igual à dos cariocas. Melgar-PER e Júnior Barranquilla-COL voltam para casa.

Foto: Divulgação

GRUPO  G: Athletico

A equipe treinada por Tiago Nunes segue apresentando um bom futebol, e se a derrota para o Boca Juniors-ARG na Bombonera deixou a liderança do grupo escapar, o desempenho dentro da Arena da Baixada serve como alento: em três jogos, foram três vitórias, oito gols marcados e nenhum sofrido. Tolima-COL e Wilstermann-BOL estão eliminados.

Foto: Divulgação

GRUPO H: Grêmio

Outro que fez uma campanha igual à do Flamengo, o Grêmio somou os mesmos 10 pontos. A diferença é que apenas um foi no primeiro turno, ou seja, a equipe venceu seus três últimos jogos da fase de grupos. Cresceu no momento certo, novamente sob o comando de Renato Portaluppi, e venceu o líder Libertad, dentro do mítico Defensores del Chaco, no Paraguai. Universidad Católica-CHI e Rosario Central-ARG estão eliminados.

Foto: Divulgação

 

Veja também