Estreia de Jorge Jesus e maratona de jogos: mês de julho será decisivo para o ano do Flamengo

FOTO: ALEXANDRE VIDAL / FLAMENGO

O segundo semestre do Flamengo promete novidades e muita emoção. A chegada de Jorge Jesus como novo treinador e de Rafinha como solução para a lateral-direita, enchem o torcedor de confiança. A provável contratação de mais reforços com o aval do técnico português e a parada para a Copa América são vistos como fundamentais para que o time possa, finalmente, chegar ao final de 2019 com títulos de expressão.

Neste contexto, o mês de julho marca não só a estreia de Jorge Jesus, mas também uma maratona decisiva de partidas em três competições – Copa do Brasil, Campeonato Brasileiro e Libertadores. Serão sete partidas em 21 dias, ou seja, em média uma a cada 72  horas. Confira abaixo os jogos.

– 10/07: Athletico-PR x Flamengo – Copa do Brasil
– 14/07: Flamengo x Goiás – Campeonato Brasileiro
– 17/07: Flmengoa x AthleticoPR – Copa do Brasil
– 21/07: Corinthians x Flamengo – Campeonato Brasileiro
– 24/07: Emelec x Fla – Libertadores
– 28/07: Fla x Botafogo – Campeonato Brasileiro
– 31/07: Fla x Emelec – Libertadores

Antes, o Flamengo enfrenta o CSA, pela nona rodada do Brasileirão, nesta quarta-feira (12), no estádio Mané Garrincha, às 21h30. Em quinto lugar na competição com 14 pontos, o Rubro-Negro entra em campo sem Diego Alves, Léo Duarte e Diego (lesionados) e Pará (suspenso pelo terceiro cartão amarelo). Além deles, o trio estrangeiro formado por Cuéllar, Arrascaeta e Trauco também desfalca a equipe, já que estão servindo às seleções colombiana, uruguaia e peruana, respectivamente, que jogarão a Copa América.

0 Comentários
Criação de sites e aplicativos para celular