Marcos Braz diz que eliminação não afeta orçamento do Flamengo e dá apoio a Jesus: “Risco calculado”

FOTO: ALEXANDRE VIDAL / FLAMENGO

O Flamengo entrou em campo na última quarta-feira (17), contra o Athletico-PR, e, após as cobranças de pênaltis, foi desclassificado da Copa do Brasil. Em entrevista coletiva na noite desta sexta (19), ao ser questionado se a eliminação afetaria as finanças do Rubro-Negro, Marcos Braz, vice-presidente de futebol do clube, negou e afirmou que tudo foi feito dentro do orçamento.

Não tem impacto. Todas as contratações estavam em curso e foram finalizadas dentro do orçamento. O Flamengo não fez loucura para contratar. O Bruno foi impecável nas negociações e tem pagamento que será feito até 2023. Em relação à Copa do Brasil, sabíamos que podíamos chegar mais na frente. A gente tinha uma analise diferente do que aconteceu. Temos que respeitar também o Athletico-PR -, disse.

Embora ainda não tenha perdido, Jorge Jesus sofreu o seu primeiro revés à frente do Flamengo. Com dois empates e uma vitória, o treinador viu a torcida ficar enfurecida no Maracanã após a eliminação na Copa do Brasil. Marcos Braz, por sua vez, deu apoio ao comandante e garantiu que o risco da desclassificação havia sido analisado anteriormente pelos dirigentes rubro-negros.

Tenho a certeza que sim. É um risco calculado com a diretoria na mesma direção. Tem um entendimento nosso que deveríamos fazer a aquisição de um técnico desse tamanho. Acreditamos no trabalho dele e muito mais na escola portuguesa -, concluiu o vice-presidente de futebol rubro-negro.

Jorge Jesus foca agora no confronto com o Corinthians, pela 11ª rodada do Campeonato Brasileiro. O Flamengo entra em campo neste domingo (21), às 16h (horário de Brasília), buscando superar a eliminação. No entanto, o treinador não poderá contar com todos os jogadores para o embate. Bruno Henrique e De Arrascaeta estão lesionados e desfalcam o Fla no clássico interestadual.

Veja também

Participe da conversa

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • Nós, torcedores não estamos importando com orçamento, NÓS QUEREMOS TAÇA, TROFÉU, CANECO, SER CAMPEÃO!!!
    A diretoria que se preocupe com orçamento! A torcida lota o estádio pra passar por zoação de time de segunda divisão!!!! PQP, VTNC, FDP….

  • Lamentável ver vc aqui José, que se diz torcedor do Flamengo, incitar o ódio, a quebradeira e a baderna. Tenha cuidado, pois numa dessas, vc poderia estar assistindo a um jogo com a sua família. Isso é atitude de torcedor BANDIDO e que merece ir pra cadeia. Matar ou bater em alguém nunca resolveu e nunca resolverá nada. Protestar de forma pacífica sempre foi o melhor meio.

  • Mandaram o Abel embora injustamente. Agora toma na cabeça. E a torcida que paga. Tem parar de ir aos estádios.

  • Os responsáveis pelo fracasso é a diretoria. O que falta no Flamengo é o que tem de sobra no Atlético paranaense, organização. Qual jogador ali é famoso ??
    O Fla quer status, mas não tem ordem.

  • Essa diretoria vai fazer todas as loucuras possíveis para acabar com a sede de títulos nacionais e internacionais, os erros vão recais nos próximos gestores. ARRASCAETA, JJ, RAFINHA FELIPE LUIZ, quatro sanguessugas, VITINHO dá nem para ofender, nem jogador devia ser, do DIEGO R tenho pena, demonstra raça, vontade, boa técnica, responsável, MAS NO FLA não emplacou, siga seu rumo, já o DIEGO ALVES esse é um CHAMA GOL, PARÁ, RODINEI, TRAUCO dá nem para comentar, APLAUSOS MESMO só para a torcida, essa é show, paciente, se fosse no CUrinthia já tinham quebrado tudo, além de peia nos jogadores, TALVEZ falte essa atitude para nossa torcida