fbpx

Matheus Brum: “Vergonha!”

Olá, companheiros e companheiras do Coluna do Fla. Todo mundo de cabeça quente hoje, não é mesmo? Infelizmente, além de irritado, estou envergonhado com o que vi ontem À noite no Equador.

O cenário já era caótico na escalação de Jorge Jesus. A escolha por dois laterais na direita, trouxe recordações desagradáveis de Libertadores anteriores, quando estávamos sob comando de Zé Ricardo.

Infelizmente, o que parecia ruim na teoria, se confirmou na prática. Dentro de campo, jogamos absurdamente mal. Tivemos mais posse de bola (66,4%) que o Emelec , mas em 50,8% deste tempo, a bola ficou no meio-campo. Ou seja, fomos inefetivos no ataque. O trio Arão, Diego e Gerson não se encontrava, e pela direita, Rafinha não conseguia dar prosseguimento as jogadas.

Sem meio e sem uma das pontas, o Flamengo se tornou inoperante, levando pouquíssimo perigo a meta do Emelec. Para piorar a situação, logo no início da partida, tomamos um gol RI-DÍ-CU-LO, onde haviam SEIS jogadores rubro-negros na área, contra apenas um do lado equatoriano (com condições de marcar). NINGUÉM se preocupou em fechar o espaço para a finalização. Além da falha da zaga, o gol contou com uma “ajudinha” do goleiro Diego Alves.

Com o gol, o mandante recuou. Mesmo com superioridade técnica e com a bola mais tempo no pé, o Flamengo não conseguia propor o jogo. Em alguns momentos, os equatorianos subiam a marcação, deixando o sistema defensivo rubro-negro em maus lençóis. Sem aproximação e toques rápidos e curtos, viramos “presas fáceis”. Para sair da pressão, era bico para frente, que, quase como sempre, ia para lateral.

Na segunda etapa, buscando ser mais ofensivo, Jorge Jesus saca Rodinei e coloca Lincoln. Assim, Rafinha foi para a função de lateral direito. A equipe até ganha em produção ofensiva. Entretanto, o atacante formado na base, perde um gol incrível, que poderia recolocar o Flamengo na partida.

Tentando melhor o equilíbrio do time, Jorge Jesus saca Arão e Gerson, colocando Cuéllar e Lucas Silva, respectivamente. O primeiro, quando foi acionado, funcionou. O segundo, foi mal demais. Não conseguiu dar sequencia as jogadas, prejudicando as transições e as jogadas ofensivas.

Para piorar o quadro, Renê falha de forma BISONHA no segundo gol do Emelec, sepultando qualquer possibilidade de pelo menos um empate fora de casa.

Este, sem sombra de dúvidas, foi um dos piores jogos do Flamengo na temporada. O jogo reflete o perigo que é trocar de projeto no meio da temporada. Como disse no pós-jogo da TV Coluna do Fla, para mim, a derrota tem que cair na conta da diretoria, que montou o elenco e o confiou a Abel Braga, para que em cinco meses fosse demitido, quando todos sabíamos que era um técnico ultrapassado.

As lesões em sequencia prejudicam demais o trabalho do português, que não consegue escalar o time base para ganhar entrosamento, trabalhar as interações entre os jogadores e com o sistema tático em si.

Nem mesmo as características como progressão ao ataque, buscar passes nos espaços abertos pela marcação adversária, profundidade e amplitude, que eram marcas até então do JJ, prevaleceram. Foi um jogo pobre, onde o Flamengo não encontrou nenhuma forma de conseguir deixar estes problemas de lado e fazer uma atuação consistente.

Para o confronto contra o Botafogo, neste final de semana, aconselho a utilização de equipe reserva, para dar tempo para que os titulares treinem visando a volta da Libertadores, na quarta-feira quem.

E, para nós torcedores, peço para que façamos uma novena para São Judas Tadeu, para que ele nos abençoe e evite de mais uma humilhação na semana que vem.

Matheus Brum
Jornalista
Twitter: @MatheusTBrum


Gostou? Comente! Não gostou? Comente mais ainda! Mas, por favor, vamos manter o diálogo sem xingamentos ou palavras de baixo calão. O bom diálogo engrandece o homem e nos faz aprender, diariamente!

28 Comentários

  • DESBLOQUEAMOS OS CANAIS PREMIERE, TELECINE, HBO, COMBATE E CANAIS ADULTOS PARA ASSINANTES DE TV POR ASSINATURA DE QUALQUER LUGAR DO BRASIL E TAMBÉM REDUZIMOS O VALOR DA FATURA . SÓ PAGA DEPOIS QUE O SERVIÇO FOR FEITO . ZAP 11957454865

  • Infelizmente, vimos um flamengo sem padrão de jogo, é claro que o tempo em que JJ assumiu não dá para dizer que está certo ou errado no comando do mais querido. Este flamengo está apático, em 5 jogos ( 1 – vitória, 3 – empates sendo a eliminação da copa do brasil e 1 – derrota que pode custar caro).
    É uma situação preocupante.

  • Só espero que não troquem de treinador mais uma vez. Erraram no projeto mesmo. Nossos laterais e zagueiros deveriam ter sido trocados no ano passado. Mais um ano na espera…

  • Para o ano que vem , o Flamengo vai ter um bom time , isso se nao ficar mudando tudo , Os erros são obviamente da diretoria. Trouxeram o Abel é depois ficaram enchendo o saco do cara dizendo que ele não tinha capacidade e era ultrapassado, o fato é tem gente dentro do Flamengo que estão tumultuado as coisas , criando , fatos , fofocas , por que será que nenhum técnico resolve , os problemas do time, que são os mesmos de sempre .
    Falta de padrão de jogo ,

  • Rafinha, por ser mais habilidoso, jogou quase que como um meia, pois Gérson ainda não está entrosado e tínhamos apenas o Diego no meio. Depois que quebraram o Diego, ficamos sem ninguém. Quando poderíamos nos beneficiar de um homem a mais, ficamos sem nosso Capitão, e com as tres substituições já feitas, ficou tudo igual de novo. BH e Babigol foram vistos armando jogadas, pela falta de alguém ali. E Renê não teve culpa alguma no gol. O cara chuta de bico, a bola bate nele e engana Diego Alves. Se tivesse rebatido, viraria herói. Como bateu nele e entrou, virou vilão. Torcidinha atual… Os únicos desfalques por situações fora de controle foram os de Areascaeta e Éverton Ribeiro, um sentiu a contusão num treino e outro se machucou sozinho em campo. Vitinho e Diego foram agredidos pelos adversários, sem que os mesmos sofressem qualquer sanção. E ainda querem que Reinier, de 17 anos e sem nunca ter jogado nos profissionais, ou contra profissionais, resolva tudo a partir de agora…rs. Os desfalques, todos na área de criação, não deixam muitas opções a JJ, mas dar a um moleque de17 anos a missão de “evitar humilhações futuras”, chega a ser surreal. Nem Zico foi capaz de fazer milagres no primeiro ano como profissional, que dirá no primeiro jogo. Pra terminar, a diferença entre o craque e o jogador apenas esforçado. Em 2018, contra o mesmo Emelec, Vinícius Jr, que é destro, com mais de 600 pernas na frente dele e quase sem enxergar o gol, acertou um chute preciso, de canhota, no cantinho do goleiro e decretou a virada. Ontem, Lincoln, que tb é destro, sozinho diante do goleiro, desferiu um míssil ao espaço, deixando intrigados os astrônomos do mundo inteiro, que, logo depois do lance, descobriram mais uma lua em Netuno. Não tem mistério algum. A bola chutada por Lincoln repousa agora, eternamente, mansa, na órbita do distante planeta. Bastava perguntar a quem viu o jogo. Astrônomos ..bah!

  • Essa situação de ontem ainda pode ser revertida:

    Time: Cesar, Rafinha, Rodrigo Caio e Pablo Marí, Trauco. Cuellar, Gerson ( saindo com a bola) , Everton Ribeiro na meia direita, Arrascaeta ( Nameia esquerda) Se não der para algum dos dois entra com o menino Reinier. Bh e Gabigol no ataque.

    Marcar a saida de bola deles , não deixar os caras respirarem. Eles não tem tecnica para tocar a bola se forem precionados.

    Segura Rafinha, o Cuellar proteje as saídas do Trauco. E dá liberdade para o Trauco subir para trabahar com o Arrascaeta e o BH.

  • Com a contusão do Diego vamos precisar trazer mais um meia e mais um atacante de área. Traria o Renato Augusto, e para o Ataque insistiria no Diego Costa ou no Roger Guedes.

  • No primeiro tempo Flamengo dominou o jogo. Um gol despretensioso. Rodrigo Caio cortou a bola, rebateram e o Renê acabou levando nas costas. Se você observar, o Renê estava adiantando em relação a última linha. Fora de posição. Se ele estivesse alinhado não teria tomado nas costas. Erro tático. E pra completar, nosso querido Leo Duarte, né. Venho detonando esse cara desde a época que os comentaristas afirmavam que ele seria o zagueiro da próxima copa. Zagueiro de Rio Branco. Ao invés de encostar no atacante ele afastou, deu espaço. Culpa do técnico?

    Flamengo tentou ser intenso, rodava a bola com rapidez, mas os caras estavam compactados, sólidos na defesa. Fizeram uma grande atuação defensiva. Um time de muita pegada. É isso, cara. Poucos espaços, poucas oportunidades. Mas apesar disso o Flamengo chegou no primeiro tempo. Alguns chutes perigosos de fora da área, uma chegada com Gabigol… achei o Flamengo melhor no primeiro tempo.

    Ele entrou com a seguinte formação:

    Arão
    Gerson, Diego e Rafinha
    Gabi e BH

    Qual o erro nisso? Rafinha já fez essa função no Baier. Rodnei não comprometeu na lateral direita.

    Eu teria ido além. Teria entrado com Rafinha na lateral direita e entrado com Trauco:

    Arão
    Trauco, Diego e Gerson
    Gabi e BH

    Trauco sabe fazer essa função. Ali ele é perigoso e ate mesmo decisivo. Ele teria rendido mais do que Rafinha na linha de três.

    Na minha visão o erro na escalação foi Arão no lugar de Cuellar. Isso sim é inventar.

    Segundo tempo?
    Jesus foi muito bem quando tirou Rodnei e colocou Lincoln. Passou a jogar da seguinte forma:

    Arão
    BH, Diego, GERSON
    Gabi e Lincol

    Ele ajustou o Rafinha, o colocando na lateral direita, jogou BH pra sua posição de origem e enfiou o Lincoln no ataque.

    Lincoln teve as chances. Duas chances claras de gol. Perdeu. Culpa do técnico?

    DAÍ VEIO O GRANDE ERRO DO JESUS. TIROU GERSON E COLOCOU AQUELE MOLEQUE QUE NAO TEM VAGA NEM NA DESPORTIVA.

    Duas substituições. Era sim, pra colocar Cuellar no lugar de Arão. Precisávamos de força defensiva e fôlego naquele momento. Mas o garotão não era pra ter entrado. Falo por questões táticas e técnicas. Além disso, ele queimou as três substituições. Foi um erro duplo, né.

    Com isso Diego se machuca e o Flamengo passa a atuar com 10. O segundo gol foi uma fatalidade.

    2 a 0

    Erros de Jesus:

    1- Arão no lugar de Cuellar
    2- Colocar o garotão (nem sei o nome daquela porra) no lugar de Gerson.

  • Entre Abel e J.j sou mais o interino que estava e deu jeito nesse mesmo time e sem rafinha, pois ele fez o simples recuou o Arão para junto de cuellar e deu certo o flamengo parou de tomar gols.

  • Continuo sem entender esta fixação do Flamengo com Libertadores. Este torneio é para times maduros, inteligentes, já treinados e compactos em suas defesas e com experiência comprovada. A exceção corre por conta de estranhas arbitragens e sorteios gelados como a conquista pra lá de suspeita do gremio há dois anos. No nosso caso, devido a cultura desorganizada do clube, associada a incompetência histórica na contratação de jogadores, estaremos reféns eternos daquela conquista maravilhosa de 1981, quando superamos arbitragens, violências, e até “regra extra” inventada de última hora que nos obrigou a fazer um jogo extra contra o Atl. MG, mesmo sendo o vencedor no critério desempate de gols marcados. Zico e aquele time de exceção maravilhoso se encarregou de nos escrever na história incontestavelmente. Quanto a atual fase, só tenho uma preocupação: como vencer o Botafogo no domingo. Este é o torneio que interessa, pois temos tempo, elenco e condições de vencer. Libertadores não é para este ano, não com este elenco, nesta fase e sem o menor padrão tático, evidente neste jogo de ontem.

  • Enquanto não acreditarmos em planejamento tempo de trabalho não sairemos da mesmice em que vive nosso futebol do resultadismo tem ser dado tempo e dentro desse tempo é óbvio que derrotas e grandes derrotas virão pois faz parte do processo de construção e solidificação. Não vamos esquecer Abel Braga não foi demitido pediu demissão e se não estava preparado para receber críticas de uma nação que crítica mesmo não aceitasse o cargo o resultado vai vir mas se for apoiado em tempo e planejamento. A Alemanha campeã do mundo foi um projeto que se iniciou em 2002.

  • Enquanto a diretoria não aprender a montar um time no início do ano, sem mudança de técnico a 20 dias dos jogos mais importantes da temporada, vai ser difícil, todo ano é isso, contratando em cima dos jogos decisivos, sendo que jogadores as vezes nem podem ser inscritos, e isso tem preço, vexame. Claro que podemos reverter, mas sem Arrascaeta e E. Ribeiro esse meio campo é pra chorar, e ainda ter que ver Arão, Renê, Rodinei e Léo Duarte como titulares e Cuellar no banco, é pra desanimar o mais esperançoso torcedor,.

  • QUEM TEM ” DIEGO RIBAS E CUÉLLAR ” COMO ” ÍDOLOS ” NÃO TEM NADA PRA GANHAR.ESSA NOVA SAFRA DE TORCEDORES NUTELLA E IMBECIS, JUNTO COM NOSSA DIRETORIA SÃO OS MAIORES CULPADOS. DIEGO RIBAS É CUÉLLAR ESTÃO AH 3 ANOS, SEM UM TÍTULO DE EXPRESSÃO.ENQUANDO ISSO GRÊMIO E CRUZEIRO LEVANTANDO TROFÉUS. E NOS ” XEIRIM ” .LÁ TREINADORES SÃO RESPEITADOS PELOS TIRCEDORES.RESPEITADO PELA DIRETORIA. ESTÃO SÓ ALIMENTANDO A SALA DE TROFÉUS. ENQUANDO NOS VENDO ESSA NOVA SAFRA DE TORCEDORES NUTELLA E IMBECIS ESCALAREM SEIS JOGADORES PREFERIDOS E NOS NA PEIA.EM 15 DIAS SERÃO 2 ELIMINAÇÕES ( CHUPEM ESSA MANGA BANDO DE IMBECIS. ) SRN

  • FRAncisco Borges, o Arao,o rundinei,o Rene,o Leo Duarte,tem quanto anos no flamengo?anos torcedozinho….vc deve nao assistir jogos seu b….

  • Tem que mandar o treinador embora enquanto é cedo. Ou vai deixar para continuar fazendo merda?

  • O Jorge Jesus, diante da falta dos nossos homens de criação, ele ousou. Colocou o Rafinha no meio-campo achando que sua qualidade e experiência supriria a carência dos meias, não deu certo, mas poderia ter dado. Depois, fez as substituições querendo ganhar o jogo, novamente por falta de sorte o Diego se machucou e perdemos a vantagem de um homem a mais, TB PODERIA TER DATO CERTO. Estamos sempre insatisfeitos com tudo! O segundo gol do Emelec também saiu por acaso, ou seja, não era pra ser um placar favorável, tudo deu errado. Entretanto, o único erro, de fato, foi a tentativa de utilizar o Rafinha como meia sem tempo para treinar, DE SUPETÃO. Sem comparação entre os jogadores, O Leandro (peixe frito)meu ídolo, só não jogou no gol; vários outros laterais foram pro meio-campo e deram certo, como nosso maestro Júnior, por exemplo.
    SRN.

  • MATHEUS BRUM QUANDO O JORGE JESUS CHEGOU, VOCÊ AMIGO, O TRATOU COMO UM SEMIDEUS OU COISA PARECIDA, LEMBRA, ELE IA FINALMENTE FAZER O TIME DESLANCHAR E SER O MAIOR TIME DO CONTINENTE, LEMBRA, ONTEM O PORTUGA INVENTOU UM TIME TOTALMENTE SEM SENTIDO, AGORA VOCÊ VEM DIZER QUE A CULPA É DA DIRETORIA QUE TROUXE O ABEL BRAGA, POR ACASO, ONTEM FOI O ABEL QUE ESCALOU RAFINHA DE PONTA DIREITA, DIEGO DE SEGUNDO VOLANTE, CARA ATÉ QUANDO VOCÊ E SEUS COLEGAS VÃO COLOCAR AS MERDAS DO MISTER NA CONTA DOS OUTROS, A RESPONSABILIDADE DA ESCALAÇÃO E DA FORMA DE JOGAR DO TIME É ÚNICA E EXCLUSIVA DO JORGE JESUS, E NINGUÉM ALÉM DE PODE SER RESPONSABILIZADO PELAS SUAS ATITUDES, ESQUEÇA ABEL, VOCÊ FOI UM DOS QUE PEDIU PARA ELE SAIR, MAS, SE TIVER DE RESPONSABILIZAR SEJA JUSTO E ADULTO, RESPONSABILIZE A QUEM DE DIREITO

  • Tudo que pedimos antes de começar a era JJ foi paciência. Paciência é entender que oscilaremos, teremos bons e maus jogos. É um esquema novo, uma filosofia totalmente diferente ao que estamos habituados. A palavra vergonha não cabe neste momento do time e sim momento de adaptaçao, minha opinião.

  • Fazendo um rápido comentário ainda sobre o jogo. Acho que o Renê falhou primeiro,depois o Rondinei e por último o Luis Eduardo. Podem reparar que os três vão na marcação como se estivesse com dois sacos de cimento nas costas de tão lento.
    A hora é de apoiar o trabalho e energizar o time para quarta metermos uma goleada nesse time fraco do emelec.

  • A Diretoria sábia que corria esse risco com um treinador de fora, nós torcedores Também sabíamos enfim temos que dar sangue amanhã é dar sangue até o último minuto na Quarta, Tudo isso já era esperado pelo lado negativo, vamos pra dentro deles Flamengo…

  • Criação de sites e aplicativos para celular