Rafinha atribui goleada sobre o Palmeiras aos treinamentos de Jorge Jesus: “Conseguimos nosso ritmo”

FOTO: ALEXANDRE VIDAL / MARCELO CORTES / FLAMENGO

O Flamengo venceu o Palmeiras por 3 a 0, no último domingo (01), pelo Campeonato Brasileiro. Mas o que chamou a atenção mesmo foi o desempenho da equipe. O Rubro-Negro se impôs durante os 90 minutos e não deu chances ao adversário. Não à toa, o Alviverde sequer chutou na meta de Diego Alves. O lateral-direito Rafinha, em entrevista à ESPN, atribuiu aos treinamentos de Jorge Jesus o fato do time ter atuado em altíssimo nível.

Conseguimos pôr em prática o que estávamos treinando há algum tempo com o Mister. Tinha uma grande equipe do outro lado, atual campeão e que merece todo nosso respeito, mas conseguimos nosso ritmo, convertemos as chances em gols… Feliz pela vitória, mas com os pés no chão pois foi apenas um jogo -, disse o jogador.

Rafinha foi um dos destaques do Flamengo na vitória em cima do Palmeiras. O lateral, além de seguro defensivamente, apareceu por diversas vezes no ataque. Ele que sofreu o pênalti para que Gabriel Barbosa marcasse o terceiro gol do confronto. O lateral realizou sua 11ª partida com a camisa rubro-negra e já deu três assistências, além de ter sofrido duas penalidades – contra o Alviverde e diante do Emelec, pela Libertadores, no Maracanã.

O lateral-direito deve estar em campo na partida contra o Avaí, no próximo sábado (07). O time catarinense vendeu o mando de campo, e o duelo será realizado no Mané Garrincha, em Brasília. O confronto é válido pela 18ª rodada do Campeonato Brasileiro e está marcado para ter início às 17h (horário de Brasília). O Rubro-Negro é líder da competição, com 36 pontos, enquanto os avaianos estão na lanterna, com apenas 10 conquistados.

Veja também

  • Júlio César, a expressão “se ele fez isso no Benfica, imagina aqui com essas craques que temos no Flamengo” só mostra o seu desconhecimento quanto a essa equipa do Benfica. A base era a seguinte: Quim; Maxi Pereira, Luisão, David Luiz e Coentrão; Ramires, Javi García, Aimar e Di María; Saviola e Oscar Cardozo. Todos eles no auge das respetivas carreiras… Ou seja, excetuando o Quim e, talvez, o Cardozo, todos os outros seriam escalados para a equipa titular deste Flamengo!

  • Nação, esse time do Flamengo vai evoluir muito mais do que estamos vendo. Se vcs querem ter uma noção do desempenho, basta olhar alguns jogos decisivos que J.J fez qdo era técnico do Benfica de Portugal.
    Esse time do Flamengo tem apenas 40% do futebol apresentado no Benfica de J.J.
    Esse time vai ficar mais rápido, mais vertical, vai começar a marcar com mais pressão no campo do adversário, vao trocar passes mais rápido e com muito mais triangulaçôes. Isso é fato. Se ele fez isso no Benfica, imagina aqui com essas craques que temos no Flamengo.
    Se a diretoria manter esse grupo e comissão técnica por 3 anos, buscando alguns jogadores para repor elenco por desgaste em jogos sem perder o nível técnico, eu prevejo muitos títulos para o Flamengo. Não teremos adversário aqui na América do Sul. SRN!

  • Everton Ribeiro, além de um jogador espetacular, me parece de um grande caráter. Um homem do Bem mas, penso que não tenha o perfil de capitão, pelo menos dentro de campo, acredito que Rafinha seria uma ótima escolha.

  • Bonde do vinho….

  • É por esses detalhes que fazem toda a diferença em uma equipe de futebol. O Jorge Jesus é um cara bastante estudioso, sempre com ideias novas e certamente com o treinamento adequado para por na prática durante o jogo. Se fosse em outros tempos o senhor Abelão estava bebendo vinho e não estava nem aí para alcançar os objetivos. Não é porque o Flamengo tem um timaço que basta colocar os caras em campo e pronto. Não é dessa maneira, o Abelão fazia isso, ele escolhia os seus preferidos e colocava para jogar, sem ter o treinamento adequado, o time não tinha variações tática. A equipe era um bando em campo, e para completar o Abelão deixava o De Arrascaeta no banco, sem comentários. Ontem o J.J tava no Maracanã assistindo o Avaí. Se fosse o Abelão estaria onde nação? Certamente estaria bebendo vinho. Vida longa ao Jorge Jesus no Flamengo!

    Saudações rubro negras!

    S

Comentários não são permitidos.