Após rumores, presidente da Conmebol ratifica final da Libertadores entre Flamengo e River no Chile

FOTO: DIVULGAÇÃO

O Flamengo se classificou para a tão sonhada final da Libertadores depois de aplicar um baile no Grêmio, vencendo o duelo de volta por  5 a 0, e agora precisará bater o River Plate para erguer a taça de campeão das américas. Por meio de seu presidente, Alejandro Domínguez, a Conmebol reafirmou o compromisso de realizar a decisão no Chile.

A grande instabilidade política e os inúmeros protestos vívidos no país fizeram com que a entidade começasse a cogitar um plano B para a disputa da grande final da competição continental, que está marcada para acontecer no dia 23 de novembro, em Santiago. Entretanto, Alejandro deixou claro que a mudança de local está descartada.

Santiago será a sede para a final da Libertadores, isso está definido. O Chile vai se recuperar do que está vivendo -, disse o mandatário da organização, em participação no programa da Grande Radio AM 1080, do Paraguai.


Que tal AJUDAR O MENGÃO e ter MAIS FACILIDADE para adquirir seu ingresso? CLIQUE AQUI e saiba como!


A própria conta oficial da Conmebol, no Twitter, se manifestou em meio aos muitos rumores sobre uma possível alteração no local e também ratificou que o embate entre Flamengo e River Plate acontecerá no estádio Nacional, em Santiago.

Reafirmamos nosso compromisso de comemorar a Final Única da CONMEBOL Libertadores  2019 no Estádio Nacional de Santiago do Chile, em 23 de novembro“, informou a organização.

Veja também