Ídolo do Flamengo, Maestro Júnior recebe prêmio em Dubai

FOTO: REPRODUÇÃO / LANCE!

Por: Marcos Vinicius Cabral

O mundo do futebol de praia nomeou seus campeões na edição do Beach Soccer Stars, realizada na noite de sábado (9), em Dubai, nos Emirados Árabes.

Organizada pela Beach Soccer Worldwide, a cerimônia contou com nomes importantes do Beach Soccer e premiou os brasileiros Gilberto – eleito o melhor treinador pelo segundo ano consecutivo – o jogador Rodrigo e Junior, ídolo rubro-negro e precursor do esporte no Rio de Janeiro.

Ovacionado por uma plateia com mais de 500 convidados, o paraibano com alma carioca Junior, subiu ao palco do Hotel Hilton V by Curio e assistiu emocionado aos lances exibidos em um telão da época que desfilava seu talento pelas areias escaldantes da Praia de Copacabana.

Há 26 anos, fui convidado para participar do primeiro torneio de Beach Soccer, em Miami. Tinha apenas terminado minha carreira como atleta de futebol e vi a oportunidade de continuar minha vida jogando futebol, desta vez na areia, onde comecei com 9 anos de idade“, disse o eterno camisa 5 da seleção brasileira, sendo traduzido pela intérprete Gisella Comini.

E completou:

Jamais poderia imaginar que esse esporte pudesse se tornar motivo de sobrevivência para muitos jogadores. Fico feliz em ter contribuído com isso e honrado pela homenagem recebida“, disse ao Coluna do Fla.


Lista dos vencedores:

MELHOR JOGADOR: Jordânia (Portugal)

MELHOR JOGADORA FEMININA: Carol (Espanha)

MELHORES CINCO ESTRELAS: Chuzkov (Rússia), Ozu (Japão), Jordânia (Portugal), Rodrigo (Brasil) e Gori (Itália)

MELHOR LENDA: Junior (Brasil)

MELHOR GOLEIRO: Chuzkov (Rússia)

ESTRELA EM ASCENSÃO: Josep Jr. (Itália)

MELHOR TREINADOR: Gilberto (Brasil)

MELHOR OBJETIVO: Batres (El Salvador)

MELHOR EVENTO: Jogos Europeus Minsk

MELHORES JOGADORES DO MUNDO: Jordan Santos e Carol Gonzalez, da Espanha


Como cuidar do seu dinheiro e ajudar o Flamengo ao mesmo tempo? Isso é fácil, ative sua conta no Banco BS2!


Surgimento:

Foi em 1992, em Los Angeles, na Califórnia, que nasceu o futebol de praia, ao ser organizado um campeonato piloto da modalidade.

O primeiro campeonato profissional surgiu logo no ano seguinte, na costa atlântica dos EUA, em Miami, tendo sido disputado entre as equipas do Brasil, dos EUA, da Itália e da Argentina.

No ano de 1995, na conhecida praia de Copacabana, no Rio de Janeiro, assistiu-se ao primeiro Campeonato Mundial de Futebol de Praia, no qual a equipa da casa se sagrou campeã. Foi com base no sucesso desse evento que os organizadores começaram a trabalhar na divulgação da nova modalidade, criando assim o Pro Beach Soccer Tour. Em apenas dois anos, estava conseguida a disputa anual de 60 jogos, um pouco por todo o mundo.

Além destes torneios, o Campeonato Mundial continuou a ser realizado todos os anos, no Brasil, de forma não oficial, sendo a edição de 2004 a última a ser disputada nestas condições.

Em 1997, Portugal deu um passo decisivo no futebol de praia ao assumir a organização do Mundialito de Futebol de Praia.

Esta competição, que sempre funcionou como uma versão mais pequena e simplificada do campeonato do mundo, rapidamente se tornou parte integrante do calendário internacional, sendo disputada todos os anos em Portugal, primeiro na Figueira da Foz, depois em Portimão, a partir de 2005.

Competições Europeias e Beach Soccer World Wide:

O interesse europeu despertado pelo Pro Beach Soccer Tour esteve na origem da criação da Liga Europeia de Futebol de Praia (EBSL, European Beach Soccer League), fundada em 1998 e que desde então tem vindo a crescer.

Só em 2004, 17 equipas inscreveram-se na Liga.

Em 2005 o número ultrapassou as 20 equipas, contribuindo assim para a importante promoção do desporto junto dos patrocinadores e órgãos de comunicação social.

No ano de 1998 nasceu também uma outra competição europeia mais pequena, constituída por um só torneio, que consistiu na Taça da Europa de Futebol de Praia (EBSC – European Beach Soccer Cup).

Esta competição também tem vindo a ser disputada todos os anos, ficando, no entanto, reservada para as equipas da elite europeia.

Porém, o passo mais importante na revelação da modalidade dá-se no ano de 2001, quando é constituída a BSWW (Beach Soccer World Wide), entidade que tinha por principal objectivo o de reunir todos os grandes torneios de futebol de praia numa só estrutura e assim providenciar representação junto de patrocinadores, media e a própria FIFA.

Veja também

Participe da conversa

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *