VP do Flamengo intercede por torcedores e pede ajuda às empresas aéreas após mudança da final da Libertadores

FOTO: TOMAZ SILVA / AGÊNCIA BRASIL

Enquanto comissão técnica e jogadores tentam se manter 100% focados na disputa do Campeonato Brasileiro, os dirigentes do Flamengo se movimentam nos bastidores visando a Copa Conmebol Libertadores. Nesta terça-feira (05), a Conmebol oficializou a mudança de local da finalíssima da competição continental. Saiu de Santiago, no Chile, e foi para Lima, no Peru. O Vice-presidente do clube carioca, Rodrigo Dunshee de Abranches, tem agido para tentar amenizar o prejuízo dos torcedores que já haviam comprado ingressos e passagens de avião ou ônibus, assim como reservado hotéis.


Quer AJUDAR O MENGÃO e ter mais facilidade para adquirir seu ingresso? Abra sua conta e faça o depósito inicial para ativar!


O dirigente entregou um pedido formal à Avianca, Max Milhas, Sky Airline, Gol, Latam, Decolar e Hoteis.com pedindo colaboração, como informou o jornal Extra. Dunshee utilizou o seu perfil na rede social do Twitter, nesta quarta-feira (06), para expor o pedido feito para empresas ajudarem nas questões de trocas e reembolsos, com a tentativa de resolver as situações de tais torcedores. A solicitação fora realizado tanto para companhias aéreas, terrestres, quanto para redes hoteleiras.

Nós do Flamengo estamos pedindo às empresas envolvidas nos pacotes aéreos e terrestres para Santiago que facilitem a vida dos torcedores (clientes) que não tem culpa pelo cancelamento do jogo. Responsabilidade social e consideração é nessa hora que se mostra. Vamos ser justos!”, publicou o VP, que continuou:

É imperioso que sejam devolvidos ou aproveitados os gastos feitos com passagens e hotéis. Parabéns à Latam por estar puxando a fila da ética e da honestidade. Espero que todos sigam o exemplo. Rumo à Lima!”, concluiu o dirigente, que ainda marcou o perfil oficial das empresas logo depois.

A grande final da Libertadores da América, entre Flamengo e River Plate, da Argentina, permaneceu no dia 23 deste mês. Entretanto, além do local, mudou também o horário do duelo. Antes estava marcado para às 17h (horário de Brasília), agora o jogo acontece às 15h (horário local) – 17h (horário de Brasília). O estádio Manumental U, em Lima, no Peru, é o responsável por receber a finalíssima.

Veja também

Participe da conversa

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • Uma palhaçada, a incompetente da Conmebol deveria arcar com as despesas.

  • Bom dia!
    Gostaria de saber o que faço agora. Pois já tínhamos comprado tudo. Um pacote com um agência que envolvia hospedagem e ingressos. E as passagens compramos separado com ida 22 e retorno 24/11. E pagamos por três passagens R$ 18.524,00. Agora para Lima, além de não ter horário que chegue antes do jogo, os preços estão um absurdo. Pois as mesmas três passagens saem por R$ 40 mil.

    E agora como fico. A Conmebol não pensou que o custo da viajem para Lima é muito mais caro do que para Santiago?
    Isso é uma safadeza.