Em outro patamar, Bruno Henrique recebe prêmio Bola de Prata e é o melhor ponta do Brasil; veja dupla

O Flamengo varreu o Campeonato Brasileiro: heptacampeão, recordista de pontos, carrasco dos demais participantes e casa dos maiores jogadores do país. Na premiação que coroa os melhores atletas do ano, obviamente o Rubro-Negro sobrou. Na 50ª edição do Bola de Prata, o ataque foi flamenguista: além de Gabigol, um rubro-negro ficou também com o prêmio de melhor segundo atacante. O Rei dos Clássicos e das dobradinhas, Bruno Henrique, foi eleito para a posição.


Como cuidar do seu dinheiro e ajudar o Flamengo ao mesmo tempo? Isso é fácil, com o Banco BS2!


O camisa 27 chegou ao Flamengo em janeiro sem o alarde de Arrascaeta e Gabigol, contratados poucos dias antes. Estreou já dando um cartão de visitas de como seria o resto da temporada: fazendo dois gols e decidindo clássico contra o Botafogo. Dali, foi ladeira acima.

Bruno Henrique voltou a fazer dobradinhas contra seis outros times (Fluminense, Vasco, Cruzeiro, Internacional, Corinthians e Ceará) e foi decisivo em jogos-chave da temporada. Não à toa, foi eleito melhor jogador da Libertadores – além de campeão. No Brasileirão, foram 23 gols e 3 assistências.

Veja também

Participe da conversa

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *