Abel afirma que ‘não faria nada diferente’ em passagem pelo Fla: “O que eu tinha de melhor, estava jogando”

FOTO: ALEXANDRE VIDAL/FLAMENGO

Abel Braga teve passagem de altos e baixos no Flamengo, em 2019. Campeão carioca com a equipe no início da temporada, o treinador começou a balançar no cargo após atuações ruins no Brasileirão. Em entrevista concedida à “ESPN Brasil”, nesta sexta-feira (15), o ex-técnico do Rubro-Negro afirmou que não faria nada diferente.

Eu não faria absolutamente nada diferente. O que eu tinha de melhor estava jogando. Pelo momento, existia um certo revezamento, que era o Arrascaeta e o Diego. E, inclusive, bancando alguns jogadores que o torcedor não gostava, como por exemplo uma das principais peças do Jesus, que é o Arão. É o jogador que dá o equilíbrio no meio de campo -, disse Abel, completando em seguida:

Depois chegaram de imediato três titulares para a defesa, que foram Rafinha, Marí e Filipe Luís. E depois ainda veio o Gerson, que se adaptou… O Cuéllar tinha saído. Então eu não faria nada diferente daquilo que fiz. Tanto que ganhamos o Carioca, fomos os primeiros na fase de grupos da Libertadores depois de 11 anos, e já tínhamos dado um grande salto na Copa do Brasil, vencendo o Corinthians -, concluiu.


Compre seu manto oficial e outros produtos do Mengão


Abel Braga deixou o Flamengo após ter completado 32 partidas no comando do clube, com 19 vitórias, oito empates e cinco derrotas. Foram 59 gols marcados pela equipe e 29 sofridos em sua segunda passagem como técnico da equipe carioca. A primeira aconteceu em 2004.

Veja também

Participe da conversa

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • DINOSSAURO!

  • Esse cara quase acabou com o nosso time , graças a Deus e a “jesus” , essa desgraça chamada Abel Braga caiu fora , viva o Flamengo a gente é pica porra, e Abel e só um sobreposto de bolacha recheada ….SRN