Antigo ou novo Maracanã? Ex-jogador, Edinho opina: “O estádio estava doente antes das mudanças”

FOTO: DIVULGAÇÃO

Não é segredo que a torcida do Flamengo adotou o Maracanã como estádio. Muito por isso, os dirigentes rubro-negros tentam adquirir a administração definitiva do local. Porém, ao longo do tempo, o antigo maior do mundo passou por inúmeras mudanças, sendo a mais brusca para a Copa do Mundo de 2014, quando ganhou “ar de modernização“. Para muitos ex-jogadores e profissionais da imprensa,  o Jornalista Mário Filho perdeu identidade, porém, nem todos são contra a reestruturação da praça desportiva.


Saiba como se dar bem duplamente com vitórias do Flamengo!


Em entrevista ao programa Os Canalhas, o ex-jogador e agora comentarista do SporTV Edinho não se esquivou do questionamento. Embora relembre com carinho do antigo Maracanã, o ex-zagueiro acredita que era necessário a mudança, pois o estádio, uma hora ou outra, passaria a ser deixado de lado por conta dos ‘defeitos’ que lá tinha.

Para nós que jogamos no Maracanã é sempre ver com muita tristeza. Acompanhei, fui no Maracanã, o Maracanã estava em obras ainda nessa reforma toda de transformação do Maracanã. Lógico que passa um filme na nossa cabeça, tudo o que a gente viveu ali dentro, mas também, nós vivemos a transformação, a ruína do Maracanã, o Maracanã estava doente, o Maracanã não comportava mais um jogo porque cheio de problemas, cheio de infiltrações quando chovia, alagava tudo la dentro –, disse Edinho, que prosseguiu:

Foi um mal necessário porque ninguém cuidava do Maracanã e, sem dúvida nenhuma, aos poucos o Maracanã ia ser deixado de lado. E diante também de toda essa transformação do futebol, dos estádios de futebol se transformando em arena, acho que se fez necessário ter essa transformação no Maracanã para que o Maracanã pudesse ainda continuar existindo, porque certamente se não fosse dessa maneira, iriam construir uma outra arena no Rio de Janeiro ou no entorno e o Maracanã não ia ser aproveitado -, completou o ex-jogador.

Embora Edinho, ídolo do Fluminense, admita que também é saudoso em relação ao velho Maracanã, o comentarista diz que o estádio já não era mais seguro da forma que estava antes de passar pelas mudanças visando a Copa do Mundo de 2014.

O futebol está evoluindo, o futebol está se modernizando, os estádios têm que se modernizar, os estádios têm que se tornar mais acessíveis e com melhores condições até de segurança, coisa que o Maracanã não oferecia para o público –, encerrou.

Veja também