Com empate no tempo regulamentar, Fluminense supera Flamengo nos pênaltis e garante título da Taça Rio

FOTO: ALEXANDRE VIDAL/FLAMENGO
Flamengo e Fluminense entraram em campo na noite desta quarta-feira (08), para disputar o título de campeão da Taça Rio. O confronto, um dos principais clássicos do Estadual, teve início truncado. Ao final do primeiro tempo, o Fluminense abriu o placar e saiu em vantagem na decisão. Aos 31 do segundo tempo, Pedro fez valer a lei do ex e deixou tudo igual no Maracanã. Com empate no tempo regulamentar, o título foi decidido nos pênaltis. Com 3×2 nas penalidades, o Fluminense é campeão da Taça Rio!
O jogo:
O jogo começou bem truncado, com ambos os times bem cautelosos. Os primeiros minutos não tiveram muitas emoções ou maiores surpresas. Rumo ao título, o Flamengo tentou manter superioridade na posse de bola, mas encontrou dificuldades para penetrar o sistema defensivo do Fluminense. Aos 20 minutos, Nenê tomou um cartão amarelo por falta mais dura em Gerson, que recebeu no meio de campo e se preparava para o contra-ataque. Aos 23, o lance mais perigoso da partida: uma cabeçada do Gilberto, que foi tranquilamente defendida por Diego Alves.

Aproveite a boa fase do Flamengo para lucrar!


Em busca de um gol ainda na primeira etapa, o Rubro-Negro continuou tocando bola e trocando passes, na tentativa de superar a defesa adversária. Aos 28 minutos, Arrascaeta, na risca da grande área, de perna direita, anotou a primeira finalização do Mengão, mas a bola subiu demais e não levou perigo ao gol de Muriel.

Aos 33, o Flamengo conseguiu ser mais incisivo no ataque e quase marcou o primeiro. Em cobrança de escanteio, Léo Pereira subiu e cabeceou, mas tentou tirar muito do goleiro adversário, e a bola saiu pela linha de fundo. Pouco depois, após bobeira da zaga rubro-negra, o Fluminense abriu o placar na decisão. Com cruzamento pelo lado esquerdo do Mais Querido, Gilberto, de cabeça, balançou as redes de Diego Alves. O VAR avaliou o lance e validou o gol do Tricolor. Fluminense 1×0.

O Mengão voltou para o segundo tempo sem alterações, mas com dois jogadores do lado esquerdo da defesa amarelados: Léo Pereira e Filipe Luís. Um pouco mais ligado, o Flamengo reiniciou a partida buscando jogo. Aos 16, falta perigosa, na entrada da área. Arrascaeta bateu, mas parou na barreira Tricolor. Aos 19 minutos, a primeira boa jogada do Mais Querido. Depois do cruzamento do Filipe Luís, Gerson, de cabeça, quase empatou o duelo.

Buscando um respiro no placar, aos 25, Jorge Jesus fez a primeira substituição: tirou Everton Ribeiro e colocou Michael. O Flamengo continuou trocando passes e procurando espaços, mas não conseguia superar a defesa adversária. Preocupado, o Mister resolveu fazer a segunda alteração, tirando Arrascaeta para a entrada de Pedro.

Com faro de artilheiro, Pedro fez valer a lei do ex e, poucos minutos depois de entrar em campo, aproveitou o bom cruzamento de Filipe Luís e não deu chances para o goleiro Muriel. GOL DO FLAMENGO! Reserva de luxo, o camisa 21 aproveitou o bom momento e empatou o confronto. 1×1 no marcador.

Os últimos minutos do Fla x Flu foram carregados de emoção e embalaram a decisão da Taça Rio. No finalzinho, Bruno Henrique cabeceou e quase garantiu a virada do Mengão, mas parou na defesa INCRÍVEL do goleiro Muriel. Aos 40, Jorge Jesus fez mais duas substituições: Vitinho e Diego entraram nos lugares de Bruno Henrique e Gerson. O jogo terminou empatado no tempo regulamentar e o título foi decidido nas penalidades máximas. Com 3×2 nos pênaltis, o Fluminense é campeão da Taça Rio.

 

 

Veja também

Participe da conversa

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *