Pedro define seu objetivo com o Manto Sagrado: “Marcar meu nome na história do Flamengo”

FOTO: MARCELO CORTES / FLAMENGO

Pedro chegou ao Flamengo para saciar o pedido de Jorge Jesus, que sempre pediu por um nome de referência para o ataque. Não demorou muito para o jovem cair nas graças do técnico português. Com o Manto Sagrado, Pedro já atuou 12 vezes, quatro delas como titular,  marcou cinco gols e deu duas assistências. De acordo com os números, o camisa 21 precisa de apenas 58 minutos para participar diretamente de um gol.

O camisa 21 veio para o Flamengo por um empréstimo da Fiorentina, que se encerra no fim do ano. Porém, como o calendário do futebol brasileiro vai invadir 2021, a diretoria do Flamengo planeja estender o vínculo até os primeiros meses do próximo ano.  Em entrevista ao Jornal O Dia, o atacante falou sobre a possibilidade de ficar em definitivo no Mais Querido.

– Essa hora vai chegar. No momento certo todas as partes envolvidas vão sentar e resolver. Sou muito feliz aqui, mas ainda tenho contrato com a Fiorentina. Quando tiver no tempo certo, vamos conversar sobre isso. Hoje meu único desejo é vencer e aproveitar cada momento com a camisa do Flamengo.

Antes de fechar com o Rubro-Negro, Pedro recebeu proposta do Grêmio. No tricolor gaúcho, possivelmente, seria titular. Mas no Flamengo, o atacante chegou para brigar posição com os ídolos do atual elenco: Bruno Henrique e Gabigol.

– Nenhum jogador chega a um clube pensando se vai ser reserva ou titular. Pensamos em brigar pela posição e nos dedicar durante o dia a dia. O que pesou foi o fato de o Flamengo ser meu clube de infância, possibilidade de voltar ao Rio, e o grande momento vivido pelo clube. A cada dia que passa tenho certeza que tomei a decisão correta.


Saiba como se dar bem duplamente com vitórias do Flamengo!


Pedro é autor de gols em momentos fundamentais da partida para o Rubro-Negro. O último foi o gol de empate, que levou a decisão para os pênaltis,  na final da Taça Rio, contra o Fluminense. Antes, na final da Recopa Sul-Americana contra o Independente Dell Valle, o camisa 21 fez o gol da virada, e contra o Boavista, abriu o placar. Com o Manto Sagrado, o atacante já coleciona títulos: Supercopa do Brasil, Recopa Sul-Americana e Taça Guanabara. 

– Conquistar títulos importantes e marcar meu nome na história do Flamengo. Esse é o principal e único objetivo. Não gosto de colocar metas pois elas podem te limitar. Quero fazer o máximo de gols, conquistar o máximo de títulos, dar o máximo de assistências. É isso que o Flamengo te obriga a ser: ambicioso e a desejar sempre mais – concluiu Pedro, ao falar sobre a projeção do ano para o Rubro-Negro.

Veja também

Participe da conversa

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *