Com exceção de Diego Alves, Domènec tem todos os remanescentes do “Flamengo ideal” à disposição na Libertadores

FOTO: ALEXANDRE VIDAL/ FLAMENGO

O Flamengo reestreia na Libertadores nesta quinta (17), contra o Independiente del Valle, às 21h, em partida válida pela terceira rodada da fase de grupos. O Rubro-Negro volta a defender o título após seis meses longe desta competição por conta da paralisação em virtude da pandemia da Covid-19. A última partida foi a vitória por 3 a 0 contra o Barcelona SC, em março, no Maracanã. De lá para cá, algumas mudanças. Porém, em relação aos últimos jogos do Brasileirão, o Fla tem todos os remanescentes do ‘elenco ideal’ à disposição.

Recentemente, o Flamengo sofreu com alguns desfalques. A última vez que o técnico teve à disposição todo o elenco foi na partida contra o Santos, pela sexta rodada do Campeonato Brasileiro. Nesta partida, Diego Alves saiu lesionado no fim do segundo tempo e César assumiu a vaga. Após esta data, outros atletas também frequentaram o departamento médico rubro-negro: Bruno Henrique, Gerson e Gabigol. Com isso, o comandante do Mais Querido não sabe o que é ter todo mundo liberado para jogar há quatro jogos.


Saiba como se dar bem duplamente com vitórias do Flamengo!


Com exceção de Diego Alves, que ainda está lesionado, Domènec Torrent volta a ter todo o elenco à disposição para disputar a Libertadores. Com isso, o Fla pode ir com força máxima nesta quinta. Os remanescentes daquela escalação considerada como o ‘Flamengo ideal’ e que devem atuar juntos novamente são: Rodrigo Caio, Filipe Luís, Willian Arão, Gerson, Everton Ribeiro, Arrascaeta, Bruno Henrique e Gabigol.

Por sua vez, vale destacar que as principais mudanças desde a última partida pela Libertadores foram: o técnico e a lateral direita. Jorge Jesus ainda era o treinador do Flamengo na partida contra o Barcelona SC e, além disso, Rafinha ainda fazia parte do elenco. No entanto, o técnico português foi para o Benfica e o camisa 13 se despediu do futebol brasileiro rumo à Grécia. Com isso, o Rubro-Negro precisou se reforçar trazendo Domènec para o comando e, logo depois, Mauricio Isla para assumir a titularidade na lateral direita. A titulo de curiosidade, apesar de sul-americano, o jogador chileno nunca disputou a Maior Competição da América.

Veja também

Participe da conversa

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • Segue abaixo a provável nova experiência do Cientista Dome Braga.
    “Diego Alves” Lateral Esquerdo, “Cesar” Lateral Direito, “Michael” goleiro, Gabigol, Everton Ribeiro e Arrascaeta na zaga. Cabeças de área “Bruno Henrique”, “Linconl” e “Vitinho” (este não fica fora do time de jeito nenhum). No ataque, Isla, Felipe Luiz e Arão (este é outro que não pode ficar no banco enquanto o Cientista for Técnico).
    O Cientista é TOP para inventar.

    Jorginho Técnico do Flamengo URGENTE!!!!!

  • FAZEMOS DESBLOQUEIIO DOS CANAIS PREMIERE, TELECINE, HBO, COMBATE E CANAIS ADULTOS PARA ASSINANTES DE TV POR ASSINATURA DE QUALQUER LUGAR DO BRASIL E TAMBEM REDUZIMOS O VALOR DA FATURA..
    SÓ PAGA DEPOIS QUE O SERVIÇO FOR FEITO.
    WHATSAP 11.957540287

  • Nosso maior adversário e a incompetência do nosso Técnico

  • Onde estiver o Flamengo, estará meu apoio. Pra cima deles, Mengão! A glória eterna.

  • Diego Alves faz muita falta ao Mengão. Infelizmente, nossos goleiros reservas não sabem sair do gol, por isso tomaram dois gols de cabeça na pequena área nos últimos dois jogos. Aliás, depois de contratar e manter como titular o goleiro Muralha( na gestão passada), fico pensando se o departamento de futebol não tem um olheiro que conheça os pré-requisitos básicos para ser um bom “guarda-redes”, como saber sair do gol para interceptar cruzamentos e nunca espalmar a bola para a frente da área.