Grupo apresenta emenda para evitar que dirigentes do Flamengo concorram a cargos eletivos

FOTO: DIVULGAÇÃO

Por Tulio Rodrigues

Conselheiros do grupo político Flamengo da Gente protocolaram nesta semana, uma proposta de emenda ao Estatuto do clube, que obriga o integrante de qualquer poder do clube a se licenciar de suas funções caso se candidate a um cargo eletivo.


Apoie o Mengão! Camisa e outros produtos oficiais em promoção


A validade da proposta teria início nas próximas eleições e o afastamento começaria no momento da homologação da candidatura, com prazo final no dia do resultado eleitoral. Segundo o grupo, o objetivo da emenda é tornar mais clara a interpretação do estatuto, que hoje dá interpretações diferentes. No “Capítulo V – Dos deveres dos associados”, artigo 24, parágrafo XIII, do Estatuto do Mais Querido, é imposto ao associado “abster-se de usar ou envolver o nome do FLAMENGO em campanha, de qualquer natureza, estranha aos objetivos do Clube“. O problema é que não há mais explicações quanto a que campanha se refere.

Há uma lista sendo passada aos sócios para colher assinaturas em apoio a emenda. O grupo lembrou em comunicado de duas situações que são parecidas, mas que tiveram resultados diferentes dentro do clube.

O ex-Presidente Eduardo Bandeira de Mello e o Vice-Presidente Geral Júlio Lopes, que foram candidatos a Deputado Federal, são bons exemplos de diferentes decisões sobre a mesma situação. Em 2018, a representação submetida pelo Flamengo da Gente contra Bandeira de Mello foi arquivada. Já Júlio Lopes perdeu seu mandato no Clube ao se candidatar às eleições em 2002.

Atualmente, Marcos Braz, vice-presidente de futebol e membro do Conselho Diretor, é candidato a vereador pelo Rio de Janeiro. No estatuto do clube não há qualquer dispositivo que impeça que um sócio, dirigente eleito ou nomeado, concorra a uma candidatura eletiva em qualquer esfera do poder público ou mesmo que seja nomeado por alguma autoridade. Em 2009, quando Patrícia Amorim foi eleita a primeira mulher a presidir o Mais Querido, ela tinha o mandato de vereadora em curso.

Veja também

Participe da conversa

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • Quer encontrar uma mulher para uma noite? Bem – vindo ao — S︆︆e︆︆xc︆︆o︆︆n︆︆t︆︆.︆︆C︆︆o︆︆m

  • Ninguém deveria votar
    em alguém esperando
    apenas benefícios para
    o seu clube. A função
    de um vereador é defender
    os interesses gerais dos
    cidadãos, e não os
    interesses particulares
    de um torcedor. Como
    cidadãos, a grande maioria
    demanda serviços públicos
    de qualidade, na área da
    saúde, educação, mobilidade
    urbana, saneamento básico,
    segurança etc. A história
    politico-eleitoral do Brasil
    esta cheia de exemplos de
    indivíduos que foram eleitos
    por associação a algum clube,
    como Eurico Miranda e
    Zezé Perrela, concorrendo
    com demagógicos apelos
    aos votos de torcedores,
    mas que, após eleitos, os
    traíram votando nas sombras
    do Congresso Nacional contra
    os interesses dos cidadãos.
    No Rio, há muitos moradores
    de rua que são torcedores
    do Flamengo. A menina
    Agatha, que levou um tiro
    mortal, talvez, também
    torcesse para o nosso
    clube de coração. Quantos
    flamenguistas, apaixonados
    como todos nós, que
    morreram por Covid-19 ,
    estariam agora vivos se
    tivessem votando
    sem se deixar levar pela
    demagogia e manipulação
    política dos que pedem votos
    com a camisa do Flamengo
    ou dizendo-se representantes
    de Jesus?

  • FAZEMOS DESBLOQUEIIO DOS CANAIS PREMIERE, TELECINE, HBO, COMBATE E CANAIS ADULTOS PARA ASSINANTES DE TV POR ASSINATURA DE QUALQUER LUGAR DO BRASIL E TAMBEM REDUZIMOS O VALOR DA FATURA
    SÓ PAGA DEPOIS QUE O SERVIÇO FOR FEITO
    WHATSAP 11967425209

  • Essa diretoria é a mais BURRA que já vi na direção de um time de futebol no Brasil, isso é uma verdadeira aberração, um time de futebol não caminha sem ter apoio politico, seus burros, é por isso que o Flamengo não consegue nada, tá sempre na contra mão da politica.

  • Parece que é um grupo de vascaínos dentro do clube pq nao pensam no flamengo , tudo é contra, precisamos de mwmbros do clube na politica municipal e estadual da cidade, ” infelizmente” odeio a politica mas é necessário, se hj nao temos um estadio, um ginasio descente … É pq sempre houve politicagem envolvida barrando, o flamengo está perdendo uma oportunidade dw crescer patrimonialmente, poderiamos estar aumentando o estadio da gavea para 30 mil para jogos amistosos ou pequenos do profissional , da base, das mulheres, shows e até mesmo caso o maraca nao ficasse com o clube uma eventual briga com o estado seria nosso suporte , um estadio com shopping, museu, hotel…