Isla segue como dúvida, e Ceni deve escolher entre Renê e Matheuzinho para a lateral direita na Libertadores

FOTO: ALEXANDRE VIDAL/FLAMENGO

Na próxima terça-feira (01), o Flamengo terá mais uma batalha pela frente. O Rubro-Negro enfrenta o Racing, em partida decisiva pela Copa Libertadores da América. O atual campeão decidirá a vaga nas quartas de final, no Maracanã. Rogério Ceni fará os últimos ajustes na tarde desta segunda (30) e definirá quem estará disponível para o confronto. Ainda como dúvida para o duelo, o lateral Mauricio Isla segue em tratamento e, caso não possa atuar, o treinador deve escolher entre Renê e Matheuzinho para a lateral direita.

Isla sentiu dores no aquecimento do último jogo, contra o Racing, na Argentina. Minutos antes de iniciar a partida, o técnico Rogério Ceni precisou alterar a escalação do time, colocando Renê, que é lateral esquerdo de ofício, para substituí-lo. Desde então, a situação do chileno estava sendo monitorada para saber se houve alguma lesão. Contudo, após exames realizados, o Flamengo informou que não houve contusão.


Aproveite a boa fase do Flamengo para lucrar!


Caso Isla não seja relacionado para o duelo, o treinador terá de escolher novamente entre Renê e Matheuzinho para substituí-lo. Os jogadores vão se apresentar ao técnico Rogério Ceni no Ninho do Urubu às 15h e, com treino às 16h30 (horário de Brasília), e, após a atividade, os que serão relacionados ficarão concentrados no CT para o duelo com o Racing.

Flamengo e Racing se enfrentam na próxima terça-feira (01), às 21h30 (horário de Brasília), no Maracanã. Vale lembrar que o Mais Querido se classificará caso não seja vazado, visto que o gol fora de casa é critério de desempate na Libertadores. A partida será exibida pelo SBT, mas o Coluna do Fla traz a transmissão mais rubro-negra da internet, com Rafa Penido no comando.

 

Veja também

Participe da conversa

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • Bota o time sub 20 nessa parada que eu tenho mais fé nos moleques. Essa equipe profissional tá com cara de amarelão.