Luto: Miguelina, mãe de Ronaldinho Gaúcho, ex-Flamengo, morre vítima de Covid-19

Após um ano de pandemia no Brasil e no mundo, os casos de Covid-19 ainda não acabaram, mesmo com as vacinas sendo aplicadas em diversas regiões do planeta. Neste sábado (20), mais uma figura importante foi vítima da doença. Desta vez, Dona Miguelina, mãe de Ronaldinho Gaúcho, ex-Flamengo, faleceu aos 71 anos.


Aproveite a boa fase do Flamengo para lucrar!


A idosa foi diagnosticada com o vírus em dezembro de 2020 e permaneceu internada para tratar da doença. No entanto, ela não resistiu aos sintomas da Covid-19 e faleceu neste sábado. Antes de sofrer com o coronavírus, Miguelina já havia lutado contra um câncer.

Ronaldinho Gaúcho chegou ao Flamengo em 2011, com recepção de mais de 20 mil torcedores. No entanto, o jogador passou por crises no Rubro-Negro, e após um ano e cinco meses atuando com o Manto Sagrado, o atleta deixou o clube em 2012. O meia marcou 28 gols em 74 jogos com a camisa do Fla e conquistou um título carioca.

Veja também

Participe da conversa

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *