No tie-break, Flamengo supera adversidades e vence o Brasília na Superliga

FOTO: NADINE OLIVER/BRASÍLIA VÔLEI

Nesta segunda-feira (08), o Sesc RJ Flamengo entrou em quadra para disputar, contra o Brasília, o jogo adiado da primeira rodada da Superliga Banco do Brasil feminina de vôlei. Apesar de muitos erros cometidos, o Mais Querido superou as adversidades e, no tie-break, jogando fora de casa, conseguiu garantir a vitória por 3 sets a 2, com parciais de 20/25, 25/21, 25/23, 19/25 e 15/13, respectivamente.

Com a vitória, o Sesc RJ Flamengo chegou aos 35 pontos em 16 jogos, e atingiu a quarta posição da tabela de classificação. Para Valquíria, eleita a melhor em quadra no confronto, com 17 pontos, o triunfo foi importante para retomar a confiança da equipe, que vinha de derrota na última partida do torneio.

Obviamente, sabemos que precisamos melhorar e diminuir a quantidade de erros para termos mais confiança, mais segurança. Viemos de uma derrota difícil na Superliga, e sabíamos que precisávamos ganhar esse confronto com o Brasília. Era muito importante vencer -, disse, antes de prosseguir:


Saiba como se dar bem duplamente com vitórias do Flamengo!


Foi uma partida difícil, elas nos colocaram pressão durante todo o tempo e valeu pela superação, pela luta. Mesmo pressionadas, conseguimos sustentar nos momentos decisivos e valeu pela vitória. Agora é saber que temos que melhorar e já pensar no próximo adversário -, concluiu.

De volta ao Rio de Janeiro, o próximo compromisso do Sesc RJ Flamengo será na sexta-feira (12), às 19h (horário de Brasília), contra o Osasco. Ainda sem Bernardinho, que testou positivo para a covid-19 e segue em isolamento, o Rubro-Negro será comandado pelo auxiliar Hélio Griner e vai em busca de uma vitória para se reerguer na classificação geral.

Veja também

Participe da conversa

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *