Ceni aponta ajustes necessários para estreia na Libertadores e afirma: “Temos que jogar mais”

FOTO: MARCELO CORTES/ FLAMENGO

Nesta quinta-feira (15), o Flamengo levou a pior no Clássico dos Milhões e perdeu para o Vasco por 3 a 1. Dessa forma, a partida que teoricamente serviria como teste para a estreia na Libertadores, na próxima terça (20), acabou preocupando os torcedores. Em entrevista após o jogo, Ceni apontou as principais lições para a iniciar bem a competição continental.

– Temos que entender que precisamos melhorar. O jogo foi abaixo do que todos esperavam. Os times argentinos também são muito copeiros e competitivos, como foi o Vasco. Precisamos achar os espaços, analisar os vídeos e ver os erros, que achei bem identificáveis.


Saiba como se dar bem duplamente com vitórias do Flamengo!


Rogério Ceni ainda comentou sobre as falhas do sistema defensivo do Flamengo. Segundo o comandante, o Rubro-Negro deve ficar mais atento às bolas paradas e permitir menos contra-ataques para sair vitorioso contra o Vélez.

– O primeiro gol foi uma bola parada em que temos que melhorar. Depois, num chute despretensioso que teve uma sobra. Depois, quando fizemos alterações para colocar o time para frente, infelizmente levamos um contra-ataque e sofremos o gol. Para terça, temos que jogar melhor.

O Flamengo inicia sua trajetória rumo ao tri da Libertadores, na próxima terça (20), contra o Vélez, na Argentina. Contudo, antes disso, o Rubro-Negro tem compromisso marcado contra a Portuguesa, pela décima rodada da Taça Guanabara, neste sábado (17). O jogo será disputado às 21h05 (horário de Brasília), no estádio Luso-Brasileiro.

Veja também

Participe da conversa

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • Técnico fraco! Ele é bom para times medianos justo por ser técnico mediano.

  • Esse Ceni não terá vida longa no fla