Flamengo negocia com três patrocinadores e projeta lucro de quase R$ 148 milhões

FOTO: ALEXANDRE VIDAL/FLAMENGO

O cenário atípico causado por uma pandemia mundial, que promete comprometer ainda mais o calendário 2021, fez com que clubes de futebol precisassem se reinventar a todo custo, a fim de encontrar meios para que o presente não prejudique o futuro. Quanto mais altas são as receitas anuais de uma equipe, maior é o desafio. O Flamengo, por exemplo, aposta algumas de suas fichas em novos patrocinadores e em premiações.

O Flamengo estipula cerca de R$ 148 milhões no orçamento com patrocínios para esta temporada. Uma meta extremamente ousada, porém possível. Algumas tratativas, inclusive, já estão bem encaminhadas. Além do calção, que há uma negociação próxima de ser assinada, o clube também conversa com parceiros interessados na parte das costas e da manga do uniforme. Se consumados, o Rubro-Negro poderá arrecadar algo próximo ao que é depositado pela Crefisa ao Palmeiras.

Se não está igual a Crefisa vai chegar muito próximo quando vendermos as costas e a manga. Ou vai ficar quase igual ou pouco menor. Será muito próximo do que paga. Não é um modelo comparável. Mais uma semana posso estar divulgando o patrocinador de calção, uma empresa tradicional, mas nova no mercado. Estamos detalhando coisas de contrato, tem processo de compliance da empresa. É uma empresa que não está no mercado de futebol do Brasil.


Aproveite a boa fase do Flamengo para lucrar!


Essa projeção foi revelada por Gustavo Oliveira, vice-presidente de Comunicação e Marketing do Flamengo, em entrevista ao portal ‘UOL’. O funcionário do clube ainda confirmou a Itapemirim como uma das interessadas, mas assumiu que há mais de uma negociação em curso.

Costas e manga estamos com três propostas andando. Uma é a Itapemirim que já foi divulgada. Mas não está quase fechado como falaram. As outras não estão frias, mas não estão quentes. Estamos entendo o processo de negociação. Duas empresas estão mais próximas –, contou durante entrevista.

Veja também

Participe da conversa

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • Parece conversa da Dilma Rousseff…

  • Patrocínio E isso é não comprar JOGADOR para o clube o atlético está indo nessa onda VEREMOS

  • Vira uma colcha de retalho, mas vamos que vamos, já comprei o Meu manto n. um, sem patrocínio.

  • agora os youtuberes vão fazer videos dizeneo que e as empresas são: honda, alibaba, youtuber, netflix, amazon, cocacola, silvio santos, chevrolet, etc….

  • Se a tia Leila sai do verdinho, acaba o Verdinho.
    Ela ainda compra jogadores para o parmerinha.
    O Flamengo ao contrário, é dono do passe dos jogadores.
    Tem percentuais, jogadores emprestados compondo o elenco, mas ninguém compra jogador e coloca no Mengão.
    Lembram da Parmalat? Parmalat faliu, parmera faliu junto….2 rebaixamentos.

  • Pelo que li isso é previsão de receita, não é lucro.