Ronaldinho relembra passagem pelo Flamengo: “Um orgulho fazer parte da história”

O ídolo do futebol brasileiro publicou um ‘tbt’ dos tempos em que vestiu o Manto Sagrado

O Flamengo coleciona ídolos e jogadores marcantes ao longo de sua história de 126 anos. Ronaldinho Gaúcho, que anunciou a própria chegada ao Clube da Gávea, em 2011, com a famosa frase ‘Agora eu sou Mengão‘, relembrou, nas redes sociais, a passagem bombástica pela equipe.

Ídolo do futebol brasileiro, Ronaldinho usou seus perfis no Instagram e Twitter para mandar uma mensagem especial ao ex-clube: “TBT com a camisa do Flamengo! Lugar que sempre me ‘trataram’ com muito carinho e respeito, é um orgulho fazer parte desta história”, dizia a postagem.


Quer comprar produtos do Flamengo pela internet? Conheça a loja mais rápida e segura!


CONFIRA A PUBLICAÇÃO:

Vale lembrar que, neste domingo (09), a histórica apresentação de Ronaldinho Gaúcho ao Flamengo completa 11 anos. Com a sede social da Gávea lotada pela Nação Rubro-Negro, a até então presidente do Fla, Patrícia Amorim, celebrava a chegada do jogador ao Fla.

Vestindo o Manto Sagrado, o meia-atacante disputou 74 jogos e balançou as redes adversárias em 28 oportunidades. O único título conquistado por Ronaldinho Gaúcho no Flamengo foi o Campeonato Carioca, em 2011, inclusive, com um gol de falta marcado pelo jogador na final da Taça Guanabara.

Veja também

Participe da conversa

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • Joãozinho… acho que vc ta um pouco por fora, R10 no Flamengo nunca foi treinado pelo Joel… quem o “expulsou” da Gávea foi o irmão dele Assis e o Vanderlei que ficou p…to pq ele levou uma mulher pra concentração (rixa antiga desde seleção que vanderlei ñ queria mais trabalhar com ele). Agora sobre estátua acho exagero, melhor partida dele foi aquela contra o Santos que não valeu nada apenas um bom jogo(e que jogo), de resto so nos “deu” um titulo de carioca sobre o Boa Vista. Craque que passou pelo Flamengo, se ele merece estátua pelo que jogou, o Brocador então mereceria estátua, ter campo batizado com seu nome… rs SRN

  • Discordo Joãozinho. Apesar de ter feito boas partidas, o Ronaldinho não conquistou nada para ser creditado como ídolo e receber uma estátua em sua homenagem. E quanto aos problemas com os técnicos, que eu saiba ele teve atritos mesmo foi com Luxemburgo, para deixar o clube logo depois por questões de pagamentos atrasados. Para mim, ele foi o maior “anti-ídolo” que já passou pelo clube e o Atlético-MG se deu bem, por tê-lo contratado pelo fato dele já estar desacreditado e com vencimentos abaixo para um jogador da sua posição. O resto, é história…

  • Um dos maiores jogos de todos os tempos, teve o comando de R10, vestindo o Manto.
    A prtir dali, merecia uma estátua na Gávea, ao lado de Zico.
    Ao invés disso, foi cruelmente sacado de campo, numa covardia do incompetente Joel “bebum” Santana.
    É óbvio que isso forçou o craque a sair do Mengão, e deixar a Nação triste, vendo seu ídolo brilhar no galo, dando-lhe uma Libertadores.
    Joel e Patrícia deveriam ser banidos do clube pela bobagem que fizeram.