Após 3 jogos sem sofrer gols, Tite revela segredo para Flamengo neutralizar ataque do Vasco

Compartilhe com os amigos

Flamengo e Vasco ficaram no 0 a 0 pela Taça Guanabara


O Flamengo de Tite ainda não sofreu gol nos três jogos oficiais que disputou neste início de temporada. Audax, Sampaio Corrêa-RJ e Vasco, no último domingo (04), falharam na tentativa de furar a defesa rubro-negra. Com isso, o técnico do Fla revelou um dos segredos para barrar o ataque vascaíno no primeiro clássico do ano.

“Nós tentamos neutralizar a fonte (de jogadas para Vegetti), que era o Lucas Piton (lateral esquerdo). No primeiro tempo, tivemos mais dificuldade. No segundo tempo, conseguimos controlar melhor. É um atleta que tem o tempo de bola como um dos pontos mais fortes”, contou Tite, na coletiva pós-jogo.

Durante os 90 minutos de jogo, o Vasco deu 12 chutes, mas apenas dois foram em direção ao gol do Flamengo. A equipe vascaína também errou 18 e acertou oito cruzamentos. Entretanto, vale lembrar que o zagueiro Léo Pereira foi um dos responsáveis pelo 0 a 0 no placar. O camisa 4 do Mengo salvou dois lances em cima da linha, com jogadas envolvendo Vegetti.

Ainda na zona mista do Maracanã, após o 0 a 0, o Agustín Rossi minimizou as poucas chances cedidas pelo Flamengo ao ataque do Vasco. O goleiro argentino disse que “o importante é não sofrer gols para dar confiança ao time”.

PRÓXIMO COMPROMISSO

O Flamengo não tem tempo para lamentar o empate com o Vasco, pois já tem um novo clássico pela frente. Isso porque, o Rubro-Negro encara o Botafogo nesta quarta-feira (07), pela sétima rodada da Taça Guanabara. A bola rola às 21h30 (horário de Brasília), com transmissão AO VIVO do Coluna do Fla.

Compartilhe com os amigos

Veja também

Participe da conversa

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • Saudades do Jorge Jesus e Dorival Júnior…

  • Pois é, Flamengo, a equipe de futebol mais cara e valiosa da América do Sul. Muita posse de bola e pouca objetividade ofensiva, facilmente bloqueada por qualquer equipe que tenha mais interesse em disposição física !!!

  • Concordo com todos os comentários! O segredo foi um dia inspirado do Léo Pereira e jogar até agora contra um time fraco! Nada além disso! Sem Titês, por favor

  • Segredo é jogar contra time ruim. O vasco é mto limitado principalmente na criacao de jogadas… só tinha um lance de perigo que era bola no piton e cruzamento para o vegeti. Nao faz nada além disso. O payet seria um grande jogador se aguentasse jogar mais que 30 min.

    Eles só tinham um jogada, manjada e ainda sim a zaga bateu cabeça, os laterais marcaram a bola e so nao fizeram gol pq sao fracos demais

  • O segredo foi o Léo Pereira de goleiro, operando dois milagres. Esse ataque galinheiro, onde todo mundo só cisca e fica andando de um lado pro outro, não assustou o goleiro do vice da gama em nenhum momento. Fora o lance do pênalti, que o Gabriel Muleta perdeu, as únicas chances reais de gol foram salvas pelo Léo. Esse Tite vai enterrar de vez essa diretoria.

  • Isso só pode ser brincadeira. A menos que o segredo tenha sido colocar o Leo Pereira dentro do gol. Que afirmação ridícula.