O Discurso do Rei

Se torna cansativo repetir, a cada nova derrota, os erros que o time do Flamengo tem cometido. Seja no mal posicionamento, na má troca de passes ou no curso intensivo de recuo de bola de forma deliberada ao arqueiro, os bem vestidos rubro-negros se apresentam de forma trágica, há muitos anos. Porém chegamos a um limite.

No momento em que Sua Majestade, o Rei Zico, deixa seu trono e sua posição acrítica, comparáveis a da sempre “satisfeita” mandatária mor do reino inglês, por exemplo, a ponto de leva-lo a comparar o time desse domingo a um “bando”, passamos a perceber que o limite da paciência já estourou os limites, incluindo o do Galinho de Quintino.

“Canteros não sabe jogar de costas (para a marcação). O treinador não conhece os seus jogadores. O Cáceres, o único jogador que estava correndo, marcando, e o cara tira?! Não pode. Você joga com três volantes, e toma três gols. O Corinthians joga com um volante, mas o time se fecha bem, marca bem. O conhecimento do time é tudo, e o treinador do Flamengo hoje não conhece as características do elenco. Eu não suporto esse negócio de três volantes, enquanto jogar com três volantes não vai ganhar nunca, pode ganhar um jogo ou outro só.

O Flamengo já está sem o Guerrero e o Sheik há muito tempo, eles chegaram agora, então não podem ser colocados como desfalques. O que eu vi ontem (domingo) foi, de um lado, um treinador que conhecia muito bem o time (Tite, do Corinthians), tinha uma postura de jogo, e no Flamengo um treinador que não conhecia bem as características dos seus jogadores e não poderia usufruir o melhor dos seus jogadores.

Foram erros primários, de um time que só joga para trás, atacantes que pegam a bola e jogam para trás, meias que só jogam para trás, eu não suporto isso. Em três bolas jogadas para trás saíram os gols do Corinthians, que usufruiu dos erros do Flamengo. Estou irritado não com o resultado, mas com a forma de jogar. Perder, já perdemos muitas vezes, mas não pode ir para a campo como se fosse um bando.” – Zico.

As palavras de Zico esclarecem cristalinamente as falhas do Flamengo. Não podem ser minimizadas ou relativizadas. Cristóvão tem o dever de analisar, meticulosamente, esse esquema covarde de um time armado de volantes até os dentes. A Diretoria tem o dever de contratar um Camisa 10, e que este não se apresente como aposta, afinal já apostamos em Carlos Eduardo, Lucas Mugni e Canteros e não obtivemos qualquer retorno prático em criação de jogadas e bola na rede. Não podemos esperar que Alan Patrick aprenda a ser um craque. Precisamos de uma certeza, um jogador indiscutível. Montillo e Diego são meus favoritos…

the-kings-speechDica cinematográfica da semana: The King’s Speech – O Discurso do Rei.

_________________________

Opiniões do Eyer

G⊗L: Matheus, o filho de Bebeto. Emprestaram a íngua até o fim de seu contrato. Bom para todos. Ele não joga mais pelo Flamengo, que não terá que pagar seus salários. Adeus, e não tenho o que agradecer. “Invendável, imprestável”.

Falta: Quintero, não vem. Ficando cansado de levar fora de jogador. Acertem o alvo, por favor!

Ser ou não ser: Eduardo da Silva. Deixa saudade, sim ou não?

Impedimento: Poxa Elias, que golaço, não era pra tanto :/

Cartão Amarelo: Novela Elias. Cansado dessa, até porque nunca fui muito fã de novelas. Coloca a grana no balcão e oferece. Se não quiser, que não venda. E ele que fique lá pras bandas do Tietê sem receber salário.

Cartão Vermelho: Consórcio Maracanã. Que ideia de bosta essa de tocar o hino do presídio no jogo de domingo? Sinceramente, voltemos ao Engenhão e deixemos esses imbecis morrerem de fome com o FluminenC.

Corneta: “Burro, burro, burro!” Cristóvão? “Não, quem o contratou” – de um anônimo no Maraca.

Minuto de Silêncio: Torcida do Flamengo. Sinto muito por todos nós. Daremos a volta por cima, pode acreditar.

Clap, clap: Tevez. Se juntar ao time de coração, ganhando inacreditavelmente menos, na melhor fase de sua carreira. Merece todo o respeito do mundo. “Dinheiro não me traz felicidade, voltei para desfrutar deste sentimento” Gostaria que mais jogadores pensassem assim, certo Felipe Melo…

Bate Pronto: Com esse time, e um placar de 1×1 no Maracanã, o Flamengo passa do Náutico na Arena Pernambuco ?

Música do dia: A Horse with no Name – America (Cultura e entretenimento, porque pensar nesse time o tempo todo tem sido estressante)

PS: Deixa o seu comentário aí e vamos conversar !

SRN, Luis Eyer.

luis.eyer@colunadoflamengo.com

Uma vez Flamengo, Flamengo até morrer.

Veja também

  • A questão é muito simples, chega a ser absurda de tão simples. Se vc escala 3 volantes e diz que eles tem q sair para o jogo, vc não vai atacar com qualidade e na hora de defender eles estarão cansados. com 2 meias os volantes não precisam sair tanto e por protegerão melhor a zaga

    • Nenhum mistério mesmo, mas esses técnicos de segunda se consideram intelectuais imaginando coincidência de performance entre Jonas a Kroos e afins… SRN!

  • Quem mais conhece, tem a cara do clube e gosta do clube como Luxemburgo? Deu certo?

  • A análise foi correta, mas não poderia ser proferida pelo Zico, que só se esconde, pq ele não se coloca a disposição da diretoria para ser técnico, tá desempregado, tem nossa cara e "conhece" o clube, mas só faz criticar, quando esteve a frente só fez merda, esse Montillo que ele cita, estava praticamente contratado pelo Marco Bráz , quando ele entrou na negociação e cagou tudo, tem muita moral no Japão, mas nunca arrumou um patrocínio de uma das fortes empresas japonesas. Zico, considero voce o maior de todos, mas como ex-jogador, somente.

    • Não concordo. Essa não é a função dele. Na minha opinião, ele é um grande ídolo, ainda que não colabore fora dos gramados. Não podemos esperar que ele faça nada pelo clube além do, já muito, o que fez dentro de campo. SRN!

  • [LuzdosFatos] Excelente análise, também não suporto três volantes, mas acredito que o Cristovão só se utiliza desse expediente, porquê:

    – A zaga é absolutamente frágil, seja com qualquer formação;
    – A ineficiência dos homens de frente que não sejam Sheik ou Guerrero a prender a bola na frente, bate e volta, ocasionando muitas chances de gol ao time adversário;
    – A mesma ineficência do meio em reter mais a bola, sendo que o único meio possível por enquanto de parar os outros times, ao menos alguns, tem sido povoar bastante esse setor;
    – César é o goleiro mais transparente que conheço, e isso não é um elogio a seu caráter…

    A leitura do Zico é perfeita, só discordo quanto a Wallace ser ruim pela esquerda… É ruim em qualquer lugar.

    • Mourinho foi campeão da Champions League com Carlos Alberto (aquela íngua mesmo) como Camisa 10 e Hélton (aquele frangueiro, gol do Pet em 2001) debaixo das traves. Não estou falando que o Porto era ruim, mas que grandes técnicos fazem milagres mesmo treinando peladeiros. Apenas culpar jogadores também não adianta, O Egídio saiu do Flamengo jogando nada e virou o melhor lateral esquerdo do país, culpa do jogador ou dos técnicos anteriores? Um grande abraço, SRN!

      • Discordo quando diz que Egidio saiu do Fla jogando nada. fiquei p qdo ele saiu

    • Essa lentidão da diretora em tomar as decisões enervam qualquer pessoa

  • O Zico falou a coisa certa, "Cristóvão não conhece bem as características dos seus jogadores e por isso não consegue tirar o melhor deles". o time é ruim, mas não é pior que Figueirense, Vasco, Avaí, Sport (esses dois com Wanderlei)….. obrigação do Flamengo era ter vencido esses confrontos, seriam 11 pontos a mais que nos colocariam na briga pelo G4.

    Futebol é um jogo porra, como outro jogo qualquer que se você não sabe o que fazer com as peças que tem não vai conseguir jogar bem.

    trazer um técnico melhor seria uma boa opção, o problema é que ele também vai precisar de um tempo até entender qual é o melhor posicionamento de cada jogador e qual esquema tático irá favorecer o que essa cambada tem pra oferecer.

    e é justamente tempo que o Flamengo não tem disponível. por isso na minha opinião deixa o Jayme até o fim do ano pra ver o que que o velho arruma, já que ele tem conhecimento de todos os jogadores e tem certa sabedoria pra extrair alguma coisa daí no fim do ano volta ele pra auxiliar técnico e traz um Sampaoli da vida….

    SRN

    • Apoiado, até pq não há técnico no mundo que faça o Flamengo jogar muita bola em pouco menos de 5 meses até o fim do campeonato. SRN irmão !

Comentários não são permitidos.