Dirigente do Fla despista sobre interesse no zagueiro Alejandro Donatti

Após confirmar a contratação do meia Mancuello, que chega ao Rio de Janeiro nesta sexta-feira para realizar exames médicos e assinar contrato de quatro anos, o diretor de futebol, Rodrigo Caetano, preferiu não falar sobre o interesse do clube no zagueiro Alejandro Donatti, do Rosario Central, e em outros possíveis reforços para o elenco.

“Todo jogador desse nível, principalmente pela situação econômica do país, é mais difícil de concluir uma transação, é mais complexo. Flamengo tem orçamento só vai fazer aquilo que puder cumprir. As oportunidades surgem, mas nem sempre se tem condições de ir até o fim. Até agora estamos satisfeitos com os desfecho. Vamos buscar qualificação do elenco em mais dois setores. Não dá para falar de prazo, isso no futebol não existe”, disse Rodrigo Caetano.

Questionado sobre o primeiro dia de trabalho de Muricy Ramalho, o dirigente não poupou elogios ao treinador e se mostrou animado com a nova temporada.

“Impressão ótima, porque é totalmente engajado e bastante realista em relação à situação do futebol brasileiro. Participou de todas as reuniões, inclusive em relação aos reforços que já estavam apalavrados e aos que chegaram agora. Validou todos. Como ele diz, no futebol tem que ganhar. Como ele também é um sujeito, um profissional, que tem incorporada essa questão da disputa e de ganhar, acho que vai agregar muita coisa para o Flamengo.”, finalizou.

Fonte: Goal