“Não falo russo”, diz Bandeira de Mello rebatendo Eurico; leia entrevista completa

O jogo entre Vasco e Flamengo já começou. E a todo vapor. Após ofícios, entrevistas e farpas de um lado e de outro, na véspera da partida, neste sábado, foi a vez de Eduardo Bandeira de Mello se manifestar novamente. No dia seguinte à coletiva do presidente do Vasco, Eurico Miranda, o dirigente do Fla ironizou e rebateu o vascaíno, lembrando que não há clima de hostilidade e reforçando que apenas quis se eximir de responsabilidades.

– O Flamengo quis deixar claro que não tem responsabilidade nenhuma sobre o evento. A partir do momento que soubemos do TAC tivemos essa preocupação, quando tomamos conhecimentos dos termos públicos do que foi assinado entre o Vasco e o MP (Ministério Público). Não queríamos ser corresponsáveis pela segurança do evento. E eu falei em português, não falei em russo – disse o presidente flamenguista.

A fala de Bandeira é uma resposta ao que disse o mandatário vascaíno na coletiva de sexta. Eurico havia afirmado que “falava em bom português, não em grego”. O presidente rubro-negro, neste sábado, usou o idioma russo para fazer referência à declaração do vascaíno no ano passado, quando afirmara que se mudaria para a Sibéria caso o Vasco fosse rebaixado, o que, de fato aconteceu.

– Não vejo motivo para quererem aparecer em cima disso – rebateu Bandeira.

Confira os principais tópicos da entrevista de Eduardo Bandeira:

Clima cordial

– Nas condições em que esse clássico será realizado, queremos incentivar a paz. Tenho muitos amigos vascaínos, nenhum deles se caracteriza pela truculência, arrogância, falta de educação. Tenho certeza que vários torcedores são amigos, tudo harmônico. É esporte.

Segurança do jogo

– Todos têm que se esforçar ao máximo para isso. Na história foram mais de 30 jogos entre Flamengo e Vasco em São Januário, mas os tempos são outros, as condições são outras. O Flamengo jogou com a Portuguesa nos anos 1970 em São Januário, eu fui nesse jogo. Não houve problema algum. A situação dos anos anteriores com história de confusões que nos fez lembrar a recomendação do MP, do TAC. Não cabe ao Flamengo falar da segurança, não somos responsáveis pelo jogo nem especialistas. Só queremos que tudo saia da melhor maneira possível.

Vai ao jogo?

– Claro que vou. É minha obrigação.

Fla joga à revelia em São Januário?

– Fomos votos vencidos, como sempre, nas reuniões da Ferj. Da mesma maneira, sempre é assim no Conselho Arbitral.

Participação do Fla em reunião de segurança para jogo

– Participamos, comparecemos para saber as providências que foram definidas pela organização, o que não significa que dê anuência para o jogo. O jogo em São Januário é fato consumado. Vamos trabalhar para minimizar qualquer chance de confusão. A nossa segurança participou da reunião. Deixo apenas claro que na questão da segurança, não somos responsáveis por nada negativo que aconteça.

Reforço de segurança para a delegação

– Normal. Jogo como outro qualquer com escolta em qualquer estádio em que jogamos fora. A segurança foi organizada pelo governo do estado.

Sem Maracanã

– Informação que tínhamos até o fim do ano passado era que teríamos o Maracanã até abril, ficaríamos sem ele entre maio e setembro. Uma nova situação se desenhou em janeiro. Vamos buscar soluções, de preferência uma global, que nos atenda por mais tempo.

Levar jogos para Volta Redonda?

– Vamos fazer todos esforços possíveis para equilibrar a questão técnica e financeira. Não podemos privilegiar apenas o aspecto técnico. Se fosse por isso, jogar na Gávea seria excelente. Mas temos contas a pagar, impostos, série de coisas. Mas vamos fazer o possível para atender à comissão técnica.

Elogios de Muricy surpreenderam?

– De maneira nenhuma. Concordo com ele. Fez muito bem em falar isso. Faz parte do trabalho para evitar a hostilidade. O gramado de São Januário é muito bom mesmo. É reconhecer a realidade dos fatos.

Fonte: GE

Veja também

  • Mandou bem Presidente!!!

  • Parabéns, na atual conjuntura em que nos encontramos tanto na política governamental e empresarial(futebolista)…em que a lucidez ja se fora.
    Mérito e honradez seja dada na clareza e na educação que convenhamos falta e muito nesse país em que esqueceram ja fora colonizado, pois acham que ainda vivemos entre a fauna e a flora(Graça a Deus!…diria a mãe natureza)….porem não se sabe quem e o indio aquele atrasado que se chama Eurico aonde atrasar se da em referência ao conhecimento ja adquirido pelos português que era potencia na época…ou o Eurico seria os portugueses(ironia….por ser natural)…pois eram potencia mais ao cobrir a nudez que era dita a ignorância se deu a ignorância econômica aonde se tem educação mais ao destruir o que fora destruído percebe-se que educação e essa da nova potencia!!!
    O que nos resta e desejar um bom jogo a todos os brasileiros! E aos Russos também ne Eurico?!…SRN!!!

  • Eduardo Bandeira de Mito.
    (ou Eduardovski Bandeirovski Mitovski)

  • Esse é o cara meu presidente, obrigado bandeirão por mais essa oportunidade de jogar essa temporada!

    • Mete o pé.
      Kkkkkkkkkkkk

    • Porra além de aturar em campo, tenho que aturar aqui, pelo amor de Deus, vc não se machuca? não cansa? SRN kkkkkkkkkkkkkkk

      • Temos que aturar né kkkkkķkkkkkkkkk

  • O Fiasco da Grama, que também pode ser chamado de Falido da Grama perdeu uma ótima chance de faturar em cima da maior torcida do mundo.

    Como o mando é deles, se colocassem o jogo em Brasília faturariam alto…

    Já naquela pocilga de S. Januário…

    Será que vai ter os 1900 flamenguistas? Só louco pra ir lá!
    E duvido também que a torcida do Vascaído consiga lotar os 90% de ingressos que têm direito.

  • Presidente, vamos reativar o projeto de revitalização da Gávea e mandar nosso jogos lá com benefícios técnicos e financeiros.

    • Se apresentarem um parceiro e um projeto factível, temos que fazer a nossa parte e pressionar os órgãos que aprovam as licenças. Nem que seja na base da violência!
      Veja a morosidade para aprovar a arena de basquete…

      • Questões políticas não podem ser empecilhos para a construção da nossa arena na Gávea afinal temos mais da metade do eleitorado da cidade e do estado do Rio.

  • Muito orgulho do nosso presidente

    Mostrou outro nível

    Deu até dó do Eurico kkkkkk

  • Esse cara é um lorde!

  • Outro nível. O mafioso tem muito o que aprender em várias vias, mas no quesito educação, a distância é abismal a favor de BM. Parabéns BM é assim que se trata um Mafioso, arrogante desses. Não dê trela mesmo. Gostei da ferradinha. Não falei em Russo kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk. Gostei. SRN.

  • Kkkkkk……Boa Bandeira!…quanto mais ignorar esse câncer do futebol melhor.

  • Tudo bem que tem que pagar as contas, mas jogar estilo excursão como no ano passado vai sim prejudicar o desempenho do time.

    Espero que seja muito bem planejado.

    • A chave é mesmo o planejamento. Como não há como abrir mão da receita dos jogos em outras praças, que esses aconteçam de maneira a minimizar os danos.
      Ex: Vamos ser visitantes no nordeste em dois domingos: mandamos o jogo de quarta por lá mesmo.

  • Exatamente o que comentei em outra reportagem. O Flamengo não tem competência para falar de segurança. Se o MP adverte sobre a partida deixa isso com eles. Não tem que se me ter. Afinal é o estádio dos caras e se tem aval dos órgãos responsáveis vai fazer o que? Nada mais justo do que realizar lá porque eles são os mandantes. Agora reclamar do esdrúxulo regulamento a essa altura é ridículo. Aceitou jogar essa porcaria de campeonato agora ja foi… Ficar falando que foi voto vencido é outro chororô. Já não sabe que na ferj será sempre assim. Tá brigando a mais um ano com esse pessoal. Se não fica parecendo picuinha.

  • Depois da truculência, o equilíbrio. Parabéns Bandeira.

Comentários não são permitidos.