Guerrero põe ‘pé na forma’ com Muricy e aproveitamento é 4 vezes melhor do que em 2015

Ano novo, vida nova. Esse ditado se fez valer no Flamengo principalmente se compararmos o desempenho de Paolo Guerrero, principal contratação do clube em 2015. Contestado em seus primeiros meses, o peruano evoluiu sob o comando de Muricy Ramalho, que assumiu o clube nesta temporada.

Somando Campeonato Carioca e Primeira Liga, Guerrero tem 27 finalizações e seis gols em nove jogos disputados, o que dá média de 4,5 chutes para resultar em um gol e 0,67 tento por partida.

Essa quantidade é praticamente quatro vezes melhor da registrada pelo centroavante em 2015, quando, pelo Campeonato Brasileiro, ele marcou três gols em 15 jogos, média de 0,2 gol por partida. O peruano deu 49 chutes, média de 16,3 finalizações para alcançar as redes.

Com gol de Guerrero, o Flamengo empatou em 1 a 1 com o Figueirense nesta quarta-feira e se classificou para as semifinais da Primeira Liga. No Campeonato Carioca, o time ficou em segundo lugar no grupo B e estreia na segunda fase neste sábado, contra o Madureira, no Raulino de Oliveira.

Fonte: ESPN

Veja também