Cheirinho? Confira dez coincidências entre o ano de 2009 e 2016 para o Flamengo

Depois da vitória suada contra a Ponte Preta, com gol no fim do jogo, nesta última quarta-feira (07), pela 23ª rodada do Brasileirão, o Flamengo se mantém na segunda posição e vivo na briga pelo título. Nesse cenário, o cheirinhode título sentido especialmente pela torcida rubro-negra nunca esteve tão forte.

Para os que gostam de superstições, o Esporte Interativo listou dez coincidências entre o ano de 2009, quando o Flamengo ganhou seu último Brasileirão, e 2016. Confira:

1 – Jogador do Fenerbahçe

Em 2009, o volante Maldonado veio do clube turco para reforçar o Flamengo. Já em 2016, a mesma coisa aconteceu com Diego.

2 –Palmeiras líder

Após a 23ª rodada de ambos os campeonatos, o líder era o Porco.

3 – Vice-líder com 43 pontos

Se o líder era o Palmeiras, o vice era o Inter, com 43 pontos. Agora o segundo colocado é o Fla, mas a pontuação é a mesma.

4 – Time Gaúcho na luta por Libertadores

Sete anos atrás, o Internacional brigava pelo G-4. Já hoje, a vez é do Grêmio de buscar uma vaga na Libertadores.

5 – Ídolo volta pra casa

Tanto Petkovic como Juan voltaram ao clube da Gávea veteranos e consagrados, aos 37 anos de idade.

6 – Atacante de nível de seleção

Em 2009 Adriano vivia grande fase e tinha muita gente querendo que ele voltasse a vestir a amarelinha. Já agora o Flamengo tem Guerrero, referência do futebol peruano

7 – Zagueiro do Internacional

Naquele ano, o Fla contratou Álvaro, que jogava no Colorado. Dessa vez, o zagueiro que veio do Sul foi o Réver.

8 – Vasco na Série B

Principal rival do Flamengo, o Vasco estava na Série B em 2009, assim como está agora, em 2016.

9 – Comandante interino

Andrade e Zé Ricardo começaram a treinar o clube carioca como interinos e acabaram efetivados pelo bom trabalho.

10 – Craques com gol

No ano em que o Fla foi campeão, o grande craque contratado, Adriano, estreou com gol. Nessa temporada, a mesma coisa aconteceu com Diego, a atual estrela da companhia.

Fonte: Esporte Interativo

Veja também

  • Nós estamos procurando qualquer coisa para justificar nosso otimismo. Mas sabe o que significam todas essas coincidências? NADA! kkkk

  • A diferença é que qualquer tijolo que o Adriano recebesse era chance de gol. Se juntar nossos 2 atacantes não dá a chuteira do Adriano.

    • Cara, era um atacante de muita força e também muito recurso.

      A cena que nunca mais esqueço do Impera, foi um lance que um jogador deu um chute no tornozelo dele e caiu no chão agonizando, enquanto o impera saiu jogando como se nem fosse com ele. Era um tanque de guerra mesmo.

      SRN

  • Vasco na Serie B é tão comum que nem dá pra dizer q é coincidência kkk

    • Kkkkkkkkk

Comentários não são permitidos.