Choro de pequeno torcedor emociona jogadores do Fla

Ser Flamengo é uma emoção que transcende a razão humana. É difícil explicar e, quando palavras falham, as lágrimas muitas vezes tomam conta. Neste domingo (26), a épica vitória do Mais Querido sobre o Cruzeiro fez aflorar em torcedores no mundo todo sentimentos muito fortes. E um deles foi o menino Davi.

Após a partida, o garoto de apenas nove anos de idade teve o privilégio de conhecer alguns jogadores no estádio Kléber Andrade, na saída dos vestiários. A emoção do menino no momento em que viu Diego chamou a atenção dos presentes e mexeu com todos. Danilo Moscon, seu pai, também levou a outra filha, Vitória, de 14 anos, para o encontro e falou sobre o amor dos herdeiros pelo Mais Querido.

Sócio-torcedor tem mais Flamengo e pode participar de experiências onde interage com os jogadores! Clique aqui, participe do programa Nação Rubro-Negra e tenha esta oportunidade única!

“É realmente uma oportunidade indescritível. O Flamengo é uma paixão que a gente tem desde criança. Estou passando esta cultura de ser rubro-negro para meus filhos, já fomos à Gávea, na exposição dos troféus… É uma paixão que não temos como definir, vai muito além do que a gente sente”, disse.

O amor da família pelo vermelho e preto chamou a atenção dos jogadores. Eles posaram com o camisa 35 e com Alan Patrick, que também assinou autógrafos para os três.

Depois de Diego, que conversou com o pequeno Davi, foi a vez de Jorge atender ao garoto. Ao ver as lágrimas, tomou um susto e perguntou a razão. Quando percebeu que eram lágrimas não de tristeza, mas de alegria, o lateral se tranquilizou e emprestou seu boné do clube para o garoto, com quem tirou foto.

“O Flamengo mexe com a gente. É raça, amor e paixão!”, finalizou Danilo.

Fonte: Site Oficial Flamengo

Veja também

  • Cara isso aconteceu na hora certo para os jogadores entenderem mais a grandeza colossal desse clube.
    Uma lembrança que guardo quando levei meu filho pro maraca a primeira vez fla x cruzeiro na copa do Brasil, aquele gol do elias e vendo a felicidade dele, geral se abraçando ali ele entendeu o que é ser flamengo.

    • Maneiro, Bruno!!

  • Até eu chorei com a emoção do moleque! Aqui é Flamengo, sem mais!

  • Como jogada de marketing, acho que, no ano que vem, o Diego deveria jogar com a 10, o time precisa de um 10 que seja o ‘cérebro’, a referência, aumentaria a venda de camisas. Talvez o Muralha com a 1, Arão com a 8, Ederson com a 7 ou 11….Algo assim… Já pensou o Felipe Melo com a 5? SRN

  • Essas imagens de bastidores são boas demais, humanizam os jogadores, a maioria de nós os têm como ídolos, e por isso as vezes tiramos deles até o direito de errar, quando a torcida vê estas imagens ela percebe que são pessoas como nós (com uma pequena diferença salarial kkkk) que buscam fazer o melhor no seu trabalho, que também colocam a sua fé num poder maior para ajudá-los a encarar mais um dia de trabalho, e que procuram se ajudar para alcançar um objetivo em comum, legal demais.

    SRN #IssoAquiéFlamengo

    • Falou tudo, Eduardo!
      São muito bacanas essas imagens que eles divulgam dos bastidores.

      Fiquei emocionado com o Davi.

  • A assessorial de imprensa do Flamengo está de parabéns. Tomara que essas ações ocorram cada vez com maior frequência. Espero também que à partir do ano que vem o Flamengo possa se firmar ainda mais como instituição a ser respeitada e elogiada com ações de caridade em instituições que atuam no nicho de inclusão social e cuidados com as pessoas.
    SRN

  • Isso é Flamengo. Sem mais. SRN.

  • “O Flamengo é uma família” -Mancuello

    • Não precisa de mais palavras.

  • Flamor

  • massa

Comentários não são permitidos.