Diretoria do Fla tenta abafar oba-oba: ‘Cheirinho no CT é o chulé do sapatinho’

Se os bons ventos no Flamengo trazem o “cheirinho do hepta” exalado pela torcida, o aroma que dita o trabalho é o da cautela. A regra no Ninho do Urubu na preparação para o confronto de quarta-feira com o Palmeiras, que empatou ontem com o Grêmio, é ignorar qualquer pressão pela liderança. Agora, a diferença é de um ponto e (47 a 46) e basta uma vitória para o Rubro-negro chegar ao topo.

A diretoria intensificou o alerta aos jogadores e comissão técnica em meio a empolgação dos torcedores com as quatro vitórias seguidas.

— O cheirinho no CT é o chulé do sapatinho — avisou o vice de futebol Flávio Godinho, que evita qualquer oba-oba vindo da Gávea.

No Ninho do Urubu, a defesa do trabalho focado é do diretor Rodrigo Caetano, que há tempos conscientiza o elenco para manter os pés no chão.

— Nada de cartilha. Estamos fora desse oba-oba faz tempo. Nada entra. Todos estão conscientes — garante.

O técnico Zé Ricardo é outra barreira para o excesso de confiança na boa fase. O ambiente eufórico após o triunfo sobre o vitória levou a perguntas sobre o “cheirinho de hepta mais próximo”.

— Não ouvi (músicas sobre o “cheirinho de hepta”). Estamos com os pés no chão, faltam muitos jogos, sempre difíceis — alertou o técnico.

Experiente, o meia Diego não se empolgou, mas demonstrou confiança para o jogo com o Palmeiras.

— Vamos lá jogar o nosso futebol, e temos grandes de um bom resultado — disse.

Guerrero é preparado para o clássico

A decisão de não utilizar Guerrero contra o Vitória deu ao técnico Zé Ricardo um reforço mais descansado para enfrentar o Palmeiras. O centroavante deveria ter entrado no decorrer da última partida, mas o jogo se desenrolou de forma que o melhor foi deixá-lo no banco. Depois da partida, o peruano treinou no Barradão e será preparado para encarar o confronto direto na quarta.

—Guerrero está duas semanas sem treinar com a gente, eu conversei com ele e também foi opção tática deixa-lo no banco. Pensava em usá-lo, mas acabou que a partida se desenhou de outro modo. Mas ele fica para quarta-feira — disse o técnico.

Com isso, Leandro Damião deve ficar como opção, com Gabriel e Fernandinho pelas pontas. Everton é outra arma para o decorrer do jogo.

Fonte: Extra

Veja também

  • Feliz da vida com a posição do Mengão na tabela, mas ainda preocupado com a insistência do técnico nos perebas habituais, mesmo que estes tenham feitos gols, mas contribuindo pouco ainda para encorpar o time, vamos ver agora contra adversários de mais peso. Espero que a sorte continua ajudando o técnico nas suas decisões e escolhas, mas como diria o grande Muricy Ramalho, insistência demais com perebas, “um dia a bola pune!”.

    • Verdade kkk ia falar isso mesmo. Uma hora acho q isso vai dar zebra. Espero q eu esteja errado. Mas daqui a pouco vai vir alguém aqui e dizer “cala a boca corneta, deixa o cara trabalhar”. A impressão q eu tenho de gente assim é q eles não assistem o jogo. Eles ficam esperando o resultado final do jogo, entram em algum site pra ver o resultado é depois vem aqui jogar na cara dos outros. Essa galera é a mesma q defendia o Muricy e diziam “Deixa o cara trabalhar, ele tem currículo”. Não estou comparando o Zé ao Muricy, o trabalho do Zé é muito melhor q o do Muricy, mas ele deixa jogadores mais qualificados em campo pra colocar os pontas. E o Diego fica sobrecarregado além do centro avante sempre sumir. Tô achando q quarta feira o Flamengo vai cair na real com esse esquema. Espero muito, muito mesmo q eu esteja errado. Mas do q eu estar certo, quero ver o Flamengo ganhando na quarta feira.

  • e melhor ir com calma afinal não está ganhando e convencendo ,está apenas ganhando

    • Está dizendo que o time está jogando mal ? Convencer pra você é golear ? Para né amigo

      • O time não tá essa máquina não, tomou pressão da Ponte Preta, do Vitória e até da Chapecoense. O Flamengo não tá dominando os adversários, sempre leva uma pressãozinha durante o jogo, sempre tem aqueles momentos de sufoco.

        • e isso que eu estou falando,ganhar e uma coisa,ganhar e jogar bem e outra

      • n falo golear, mas não sofrer contra times medíocres

        • Chapecoense e Ponte são medíocres ? Chape é o terror de varios grandes, ponte brigando pelo g4

          • medíocre:sem expressão ou originalidade; mediano, pobre, banal, passável.

Comentários não são permitidos.