União como receita do sucesso

O Flamengo segue firme na cola do líder Palmeiras e dá sinais de que vai lutar até o fim pelo título do Campeonato Brasileiro. Na visão dos jogadores flamenguistas e do técnico Zé Ricardo, a principal explicação para o sucesso do time, que também está bem na Copa Sul-Americana, está na união entre os jogadores. Por isso que existe um grande clima de empolgação com resultados suados, como os 2 a 1 aplicados no Cruzeiro no domingo.

“Esse grupo é muito unido e isso, de uma certa maneira, reflete o trabalho que estamos conseguindo ver dentro de campo. Não vamos encontrar nunca facilidades em uma reta final de temporada, ainda mais quando estamos brigando em duas frentes, em duas competições de grande nível. O Flamengo sabe que para seguir bem é preciso que os jogadores estejam comprometidos com o trabalho e, por isso, todos são muito unidos e sabem que precisam se apoiar dentro e fora de campo”, disse o meia Diego.

Zé Ricardo concorda. “Nós estamos muitas vezes mais tempo com os colegas de clube do que com os familiares e por isso a boa convivência acaba sendo determinante para que o time tenha sucesso. Nós encontramos um grupo bem unido e por isso mesmo tenho certeza de que vamos sempre brigar pela vitória dentro de campo e que é possível pensar nas coisas boas da temporada. Todos procuram se ajudar dentro de campo, o time corre o tempo todo e ocupa espaços, e isso ocorre também fora de campo, nos treinos, nas atividades, na concentração. Enfim, estamos muito animados, mas cientes das dificuldades”, disse o treinador.

O goleiro Alex Muralha entende que a alegria das comemorações mostra que a opinião dos atletas está certa.

“A nossa comemoração reflete um pouco a união do grupo. Quando um jogador faz um gol é como se todos tivessem feito, pois sabemos da importância daquele lance para o trabalho como um todo”, disse o arqueiro.

O elenco do Flamengo voltou aos treinos nesta segunda-feira para um trabalho regenerativo. Na terça-feira pela manhã, Zé Ricardo define o time que vai enfrentar o Palestino, do Chile, nesta quarta-feira (28), às 21h45, no Estádio Kleber Andrade, em Cariacica (ES), pela rodada de volta das oitavas de final da Copa Sul-Americana. Na ida os flamenguistas ganharam por 1 a 0 e jogam pelo empate para avançar, o que fará a comissão técnica preservar alguns titulares. Pelo Brasileirão, o próximo compromisso será no sábado, diante do São Paulo, no Morumbi, na capital paulista.

Comemoração – Quando Mancuello marcou o gol da vitória do Flamengo diante do Cruzeiro neste domingo, o técnico Zé Ricardo não se conteve. O treinador correu para abraçar seus jogadores e comemorar a virada que manteve a sua equipe colada ao Palmeiras na briga pelo título brasileiro. Na entrevista coletiva, o comandante rubro-negro confessou que se excedeu, mas acha que a sua atitude foi reflexo das energia boas que são passadas pelo grupo.

“Hoje fiz parte daquela comemoração, mas acho que isso não representa qualquer problema”, declarou o treinador.

Fonte: O Fluminense

Veja também