Entre altos e baixos, Marcelo Cirino vive momento decisivo no Fla

Jogador é dúvida para seguir no elenco em 2017; contra o Galo ele pode ter uma de suas últimas oportunidades

O técnico Zé Ricardo deu indícios de que deve voltar a escalar o time no 4-3-3 contra o Atlético-MG, no próximo sábado(29) e que Marcelo Cirino poderá ter nova oportunidade como titular da equipe.

Em 1 ano e nove meses de clube, o camisa 7 já passou por muitas coisas com a camisa Rubro-Negra. Chegou como a maior contratação do primeiro semestre de 2015, marcou vários gols no início assumindo até a artilharia da equipe mas caiu de rendimento e começou a ser contestado.

Definitivamente 2015 não terminou bem para Marcelo Cirino, que assim como todo o time do Flamengo, teve um rendimento abaixo do esperado e acabou se envolvendo em polêmicas como a do bonde da stella.

Ano terminou e chegou 2016, na esperança de reencontrar o bom futebol do atacante, Muricy Ramalho pediu a permanência do camisa 7 e depositou total confiança no jogador.

Mais uma vez Cirino começou bem a temporada, como titular da equipe marcou 7 gols no Campeonato Carioca e chegou até a viver um momento de artilheiro. Conforme o tempo foi passando voltou a cair de rendimento e acabou perdendo a preferência no time titular.

Com a saída de Muricy e a chegada de Zé Ricardo as coisas não ficaram mais fáceis para o camisa 7. O novo treinador implantou um sistema de meritocracia e rodou bastante a equipe. Com ele, jogadores como Gabriel, que havia sido esquecido, e Fernandinho que tinha acabado de chegar ganharam mais espaço.

Zé também mudou o esquema em diversas oportunidades, saindo do 4-3-3 para o 4-4-2 com Alan Patrick e Diego no meio-campo. Com isso, o camisa 7 acabou sendo ainda menos utilizado na equipe.

Mas parece que o atacante deve ganhar nova chance com o treinador, nos treinos durante esta semana, Zé Ricardo sinalizou um possível retorno de Marcelo Cirino ao time titular, caso se confirme ele terá, talvez, uma de suas últimas oportunidades com a camisa do Flamengo.

Por conta do seu alto salário e o rendimento abaixo da expectativa, o jogador é considerado negociável em 2017 e pode não ficar no elenco que deve disputar a Libertadores do ano que vem.

Apesar de potencial, Marcelo Cirino não mostrou que pode ser um jogador regular e titular absoluto no Flamengo. Contra o Santa Cruz, na vigésima nona, rodada ele precisou de apenas dez minutos para contribuir e muito com o time de Zé Ricardo, e é essa irregularidade que atrapalha a sequência dele na equipe.

O duelo deste sábado(29) é fundamental para o Flamengo, que pode continuar sonhando com o título ou terminar a rodada até mesmo fora do G-3, grupo dos que garantem vaga direto na fase de grupos da Libertadores.

Raíssa Simplício

Fonte: Goal

Veja também

  • Tudo depende do jogador, Cirino é um jogador de força de muita resistência, velocidade, mas não tem habilidade e tem péssima finalização, essas coisas como a finalização é o jogador que precisa treinar, aprimorar e poder ter uma vaga no time! Se vc não consegue ser bom finalizador, procura ser assistente, o gol é grande, mas o Cirino tem um chute muito forte, põe tanta força que sempre erra o alvo, só precisa bater na bola com jeito e ela vai forte onde vc direcionar, é isso que falta no Cirino! Calme nas jogadas e treinar finalizações!

Comentários não são permitidos.