Flamengo apresenta novo patrocinador: ‘Confiança está voltando’

O Flamengo apresentou nesta sexta-feira o seu mais novo patrocinador, o curso de línguas “Yes”. O clube promoveu uma entrevista coletiva no Ninho do Uurbu para falar sobre a parceria, que deve render cerca de R$ 700 mil até dezembro. A marca da empresa ficará estampada na barra da camisa, logo abaixo do número, a partir do jogo deste domingo, contra o Corinthians, no Maracanã. O vice-presidente de marketing do rubro-negro, Daniel Orlean, falou sobre a captação deste investimento.

“O mercado viveu um momento bem complicado, mas a confiança dos parceiros está voltando. Temos uma preocupação de fazer uma gestão transparante e ética. Os patrocinadores vão buscar clubes que respeitem seus valores”, comentou.

Recentemente, o Flamengo fechou também com a MRV Engenharia e o Ifood. Além disso, o clube já conta com patrocínios da Adidas, Caixa Econômica Federal e Tim. O Conselho Deliberativo rubro-negro aprovou a parceria com o ‘Yes’ em reunião extraordinária na última quinta-feira, na Gávea.

Fonte: Uol

Veja também

  • Só isso?

  • 700 mil no filé mignon do campeonato, me desculpem, mas não há o que comemorar.

    Estamos sendo usados. Uma merreca que não faria nenhuma falta nos nossos cofres, mas que vai dar um retorno cem vezes maior para a empresa.

    Essa “crise” é a desculpa perfeita pra quem quer tirar vantagem do futebol. Só que o Flamengo não está mais com o pires na mão e precisa aprender a valorizar o manto.

    • Concordo que é o filé mignon do campeonato, mas quem estaria disposto a investir nesse cenário atual da economia brasileira, outra coisa, o espaço estava lá disponível para ser utilizado, e quem garante que conseguiríamos outro patrocínio, para mim está de bom tamanho, essa grana vai agregar no nosso cofre, não perdemos nada!

      • Concordo perfeitamente

    • Qual é o salário mensal do Guerrero?

    • $100.000,00 por jogo… Não é o ideal, mais é bom.

    • Mas a concorrência existe não apenas os clubes de futebol, mas tb entre as empresas, seja por mercado, seja por espaço publicitario; algumas preferem correr atrás apenas do filé, ok, mas se é tb bom e favorável assim, então porque não vieram todas!? Porque não choveram ofertas astronômicas em termos de valores? Tua lógica está correta, mas a realidade, por vezes, é mais rica. Em resumo, tá ruim, mas tá bom.

    • Assino embaixo.

      Sabemos que a situação econômica do país é crítica e nenhum clube tem conseguido fechar contratos milionários,mas R$ 700 mil por mês é uma merreca que não paga o salário do Guerrero e não faz nenhuma diferença pros cofres do clube.

      Aceitar um valor irrisório desses é desvalorizar nossa camisa e não estamos vendendo o almoço pra comprar o jantar como há uns poucos anos atras.

      • E o pior, nem é 700 mil por mês, e sim uma parcela até o fim do ano!

  • muito bom, que pra proxima temporada consigam um patrocinio mais alto tendo em vista a visibilidade que teremos ano que vem com FloridaCup e Libertadores.

  • Seria bom se tivermos uma clausula no contrato em que esse valor aumenta se formos campeões.

  • Meu sonho e ter 200 mil sócios a 50reais com um patrocínio de uma empresa só

    • Caro Marcondes,
      Com um estádio próprio ou administrado com exclusividade, eu vejo esse sonho como uma possibilidade bem real. De preferência que o custo do gerenciamento do sócio torcedor caia para aumentar a lucratividade do Flamengo.
      SRN

      • Caro amigo André! Infelizmente penso diferente,e acho que com,ou sem estádio,200 mil é muito difícil!
        Outra coisa,essa desculpa de estádio não cola mais! Quem quer ser sócio de verdade,não espera por estádio ou coisa parecida,apenas coopera sem esperar receber em troca,afinal,somos torcedores,e se todo torcedor for interesseiro,aí danou-se! SRN

  • Esse carinha tem as mesmas formações acadêmicas que o BAP, só há uma diferença: não é pavio curto.

  • Sò foi a Dilma sair que as empresas voltaram a investir. Ano que vem precisamos de um patrocínio master sem ser estatal. O Netflix seria uma boa!

    • Sem a tal Dilma a CAIXA não estaria bancando o patrocinio que realmente paga o que a camisa vale.

      Pare de escrever besteira.

      Não gostar deste ou daquele politico ou partido é livre de cada um, mas ignorar a origem (de quando começou…) do maior patrocinador nosso é ser maldoso.

      • Então temos que agradecer a Dilma pela Caixa patrocinar o flamengo? Faltou só o Lula construir um estadio pro flamengo tb nè…

  • Esse novo VP marketing ta dando show

  • Não é de todo ruim o valor: 700 mil por Novembro e Dezembro é 350 mil por mês – ou 4,2 milhões em 1 ano. “É melhor pingar que secar”, já diziam os antigos.

    SRN

    • Fato……

    • O ruim é se isso vira moda. Empresas malandramente esperam o ano todo pra apostar num marketing agressivo apenas no fim do ano, quando Copa do Brasil e Brasileirão estão no filé mignon.

      Olha só que merda para nossos interesses.

      • Quem sabe, no ano que vem o manto poderá já estar completo desde de janeiro. Aí, a briga poderá ser boa pra nós.

      • Ae so depende do Mengão entra de cabeça na libertadpres da show que o patrocínio vai estar o ano inteiro. ..

      • Mas isso sem maraca e libertadores

      • Aí caberá ao Flamengo se adaptar e, ter dinheiro em caixa e não estar com a corda no pescoço é uma ótima forma de não se tornar refém, como temos visto acontecer com os outros clubes;
        Nesse caso, o que poderia ser feito? Simples, buscar nos jogos iniciais o patrocínio de empresas menores, mas grandes ainda, que não teriam como bancar o patrocínio no ano todo ou nas fases mais importantes; as fases mais importantes teriam preços diferenciados, assim como as cadeiras diferentes possuem preços diferentes no estadio;
        Pontualmente o prejuízo é maior justamente para o anunciante, já que a relação não irá durar muito tempo e não irá se fixar no consumidor; irá dar mais trabalho, mas, sendo bem feito, dá pra lucrar até mais.

      • Ai os clubes sao otarios em aceitar ne o mercado atual e este fora que o sabino pelo visto so atrapalhou entao e aproveitar agora pra ja fechar con eles ano que vem ja estabelecendo uma parceria.

Comentários não são permitidos.