América-MG 0 x 1 Flamengo: notas e atuações do jogo

Donatti
Errou num lance, quando tentou cortar e deixou a bola à feição para finalização de Michael. No restante do primeiro tempo foi bem, com antecipações e até saída boa por baixo. Ganhou a maioria pelo alto. Atento, no segundo tempo tirou para onde o nariz estava apontando as bolas que entravam na área. Nota: 5,5

Jorge
Em momento de complicação do primeiro tempo rubro-negro, levou o time à frente. Finalizou uma vez com perigo, em chute de fora da área. Cruzou duas bolas na medida. Uma Damião cabeceou fraco, na outra Everton desviou e fez o gol. No fim, recebeu bom passe de Thiago Santos e quase fez o segundo. Nota: 7,0

Willian Arão
Jogou em ritmo alucinante. Tabelou com Pará, entrou muito mais na área do que nas últimas partidas e ainda teve fôlego para marcar. Cortou, por exemplo, quando Nixon entrava livre na direita da defesa do Flamengo. Em jogada ensaiada, finalizou mal. Nota: 6,5

Everton
Era nítida a falta de ritmo de jogo no início da partida, quando errou passes, devoluções e tempo de bola quando ajudava na marcação. Mas descentralizou as ações em Diego e ajudou posicionando-se pelo meio do campo e entrando na área, como no gol marcado no fim do primeiro tempo. Nota: 6,5

Leandro Damião
A luta de sempre, mas outra partida ruim pelo Flamengo. Era comum vê-lo disputando as bolas com os zagueiros dando carrinho e tentando ganhar na dividida. Até tentou sair da área, como Guerrero, mas não conseguiu sucesso nas jogadas. Na única finalização, cabeceou fraco, sem perigo. Nota: 4,5

Confira todas as notas:

Paulo Victor [GOL] – 7,0
Pará [LAD] – 5,5
Donatti [ZAG] – 5,5
Juan [ZAG] – 5,5
Jorge [LAE] – 7,0
Márcio Araújo [VOL] – 6,0
Willian Arão [VOL] – 6,5
Diego [MEI] – 6,0
(Cuéllar [VOL] – Sem nota)
Fernandinho [ATA] – 5,5
(Thiago Santos [ATA] – 6,0)
Everton [ATA] – 6,5
(Gabriel [ATA] – 6,5)
Leandro Damião [ATA] – 4,5

Fonte: GE

Veja também

  • atuação abaixo de zero…destaque, Jorge e Paulo Victor

  • Donatti foi bem a meu ver. Diego e Jorge os destaques. Vejo o conjunto da obra e não lances isolados. O time como um todo não foi bem o Zé mesmo disse, aliás não vem bem a alguns jogos…caiu muito, e o pior, não vejo nada ser mudado. E pelo visto, nada vai. Tomara que ano que vem mude, pois ficar nessa, numa zona de conforto, mantendo peças de valor duvidoso como titular absoluto, seria o fim do começo. Fla é muita pressão, e Zé tem que sair da toca e mostrar mais, principalmente com reforços que virão.

  • Thiago Santos em 10 minutos em campo jogou mais que o Gabriel e o Cirino juntos em todos os anos de Flamengo. hauauhauhauah

  • Que pena a possibilidade de perdemos o menino Cuellar. Sempre quando entra dá toques para frente, dribla, cruza, arrisca. Imagina se tivesse sequência…além de ter um comportamento exímio extra campo.

    • Exatamente. Pena que o Cuellar e o Mancuello não fazem parte da panela e/ou não tem empresários tão fortes dentro do Mengão.

      • pura verdade

Comentários não são permitidos.