Consultoria analisa torcida do Fla e mostra aceitação ao programa de ST

De olho no que considera seu ”maior patrimônio”, o Flamengo pretende expandir seu programa de sócio-torcedor na próxima temporada. Após um ano atípico, com apenas quatro jogos realizados no Maracanã, o clube encomendou uma consultoria independente de dois especialistas da Universidade de Columbia, referência nos Estados Unidos, para analisar o seu mercado. A pesquisa encabeçada pelos consultores Gabriel Arias e Pedro Oliveira apontou que o programa atual ”Nação Rubro-Negra” tem aceitação maior do que 97%. (Veja detalhes na ilustração abaixo)

Para a pesquisa, foram ouvidos torcedores de todo o Brasil. A grande maioria do sexo masculino, e entre 18 e 35 anos. Outras faixas etárias e mulheres também foram ouvidas. O programa Nação Rubro-Negra já é atribuído pelo clube como uma das principais fontes de receita, comparado a um patrocinador. A pesquisa visou compreender melhor os perfis e expectativa dos torcedores envolvidos.

Estudo patrimônio Flamengo (Foto: Divulgação)O estudo mostrou dados como a presença de sócios-torcedores também fora do estado do Rio. Além disso, os números mostraram que 92% dos entrevistados que não fazem parte do programa consideram algum dia aderir. O maior motivo de adesão ainda é o interesse por ingressos e está relacionado ao desempenho do time.

Os dados da pesquisa foram coletados entre agosto e setembro deste ano, com a participação de mais de 6.000 torcedores de todo país.

O vice-presidente de marketing do Flamengo, Daniel Orlean, ressaltou a importância da pesquisa para aprimoramento futuro do programa de sócio-torcedor rubro-negro. O dirigente pretende aprofundar nas melhorias em 2017.

– Essa pesquisa é um primeiro passo para aprimorarmos ainda mais o nosso programa. Mesmo tendo identificado um alto grau de satisfação, sabemos que o nosso público espera sempre mais, e podemos dar isso. A parceria com o time de consultores trouxe um grande ganho para o projeto. Em 2017 vamos aprofundar na melhoria do programa. Com estádio, benefícios mais específicos e voltados também para os Rubro-negros de todo o país, queremos criar um programa mais atrativo e imbatível.

Em outubro, quando o Flamengo voltou a jogar no Maracanã, o programa de sócios-torcedores alcançou o maior número de participantes de sua história, superando a marca de 75 mil membros.

Fonte: GE

Veja também

  • Ótimo, tem que melhorar mesmo, principalmente a parte do torcedor off Rio! Saudações rubro-negras Maceió/AL.

Comentários não são permitidos.