Ex-companheiros, música especial e emoção tomam conta de velórios

As cerimônias de despedidas às 71 vítimas fatais do acidente com o avião que transportava a delegação da Chapecoense para a primeira partida da final da Copa Sul-Americana, contra o Atlético Nacional de Medellín, na Colômbia, continuam neste domingo. O técnico Caio Júnior, por exemplo, foi velado em Curitiba com a presença de torcedores do Paraná Clube e colegas de profissão.

Além do comandante da agremiação catarinense, jogadores, jornalistas e dirigente estão sendo homenageados na celebrações fúnebres.

Velório de Caio Júnior tem presença de torcedores e ex-jogadores

O técnico da Chapecoense, Caio Júnior, foi velado em uma igreja na cidade de Curitiba. Com a presença de torcedores do Paraná Clube e colegas do mundo do futebol, uma missa de corpo presente foi realizada. O treinador campeão brasileiro pelo Palmeiras, Cuca, o comandante Ricardinho, que atuou com Caio Jr. pelo Paraná no final dos anos 90, o técnico do Atlético-PR, Paulo Autuori, o goleiro Marcos, do Paraná, ex-dirigentes paranistas (Ocimar Bolicenho, Durval Lara Ribeiro, José Carlos Miranda e Rafael Zucon), ex-jogadores (Alex, Oséas, Edinho Baiano, Tcheco, Rodrigo Batatinha) e o atacante do Corinthians, Jô, estiveram presentes.

Presidente Sandro Pallaoro é enterrado com música especial

O presidente da Chapecoense, Sandro Pallaoro, foi enterrado na manhã deste domingo (04), em Chapecó. A cerimônia foi marcada novamente por muita emoção. Quando o cortejo chegou, uma torcida começou a tocar música com instrumentos: uma canção de estádio e outra feita especialmente para o presidente. “Sandro, Sandro Pallaoro, para sempre iremos te lembrar”, cantaram em homenagem.

Zagueiro Filipe Machado é velado com homegem de ex-colegas na Arena Grêmio

Filipe Machado, 32 anos, foi velado na companhia de amigos, familiares e diversos ex-companheiros. Cerca de 250 pessoas acompanharam a cerimônia na esplanada da Arena do Grêmio, na manhã deste domingo (04). Os ex-colegas de futebol prestaram uma homenagem em especial. Todos vestiram uma camisa verde, com a inscrição Filipe Machado FC e o símbolo da Chapecoense na frente. Às costas, a peça era estampada com o número 84, em alusão ao ano de nascimento e consequente categoria do zagueiro na base.

Lateral Gimenez é velado em estádio com homenagem de torcida do Botafogo-SP

Em clima de emoção, torcedores do Botafogo-SP, amigos e familiares do lateral direito Gimenez começaram a se despedir do atleta. O velório começou às 11h40 no Estádio Santa Cruz, em Ribeirão Preto, onde o corpo deve permanecer até às 16h. Após receber as homenagens, o corpo do jogador será enterrado no cemitério de Cravinhos.

Jornalistas da Fox são velados com homenagens e emoção

O velório do repórter da Fox Sports Victorino Chermont ocorre desde às 9h (de Brasília), deste domingo (4), no salão nobre do Flamengo. O narrador Deva Pascovicci será sepultado na região de São José do Rio Preto, interior de São Paulo; O velório de Paulo Júlio Clement será na sede do Fluminense. A cerimônia de despedida do comentarista Mário Sérgio será para os familiares. Ele será cremado em Itapecerica da Serra, na Grande São Paulo.

Fonte: UOL

Veja também

  • Lamentável tragédia essa do Mário Sérgio, o que não apago da memória foi a brincadeira dele sobre o ponto futuro do treinador Coutinho. Infelizmente agora, Mário acabou morrendo nesse vôo.

    • É veradade.Também me lembrei dessa fala dele que pegou mau pacas,depois se desculpou com o filho do Coutinho.

      • Verdade brow!

Comentários não são permitidos.