Flamengo empata com Atlético-PR e termina o Brasileiro em terceiro

Em um jogo com poucos lances de gol ou maior emoção Atlético-PR e Flamengo ficaram no 0 a 0, neste domingo, na Arena da Baixada, em Curitiba, resultado que serviu para levar o time paranaense à Copa Libertadores de 2017. O Flamengo, já garantido na principal competição continental no ano que vem, foi ultrapassado pelo Santos e terminou o Campeonato Brasileiro em terceiro lugar, com 71 pontos (foi a maior pontuação do time rubro-negro na Era dos pontos corridos).

Na última partida da temporada, o técnico Zé Ricardo escalou o Flamengo no esquema tático que funcionou na maior parte do campeonato, com dois volantes (Márcio Araújo e Willian Arão), um meia centralizado (Alan Patrick, substituindo o suspenso Digo), os pontas Gabriel e Éverton e o centroavante Guerrero. Com os jogadores distantes uns dos outros, o Flamengo teve dificuldade de criar jogadas ofensivas.

Por outro lado, foi um time sólido na defesa. O Atlético só conseguiu ameaçar em chutes de longa distância, e o goleiro Alex Muralha sempre apareceu bem. Individualmente, o melhor do Flamengo foi Éverton, que acertou o travessão com uma cabeçada no início do jogo, e depois continuou dando trabalho à defesa paranense.

No segundo tempo, Zé Ricardo mandou a campo dois jogadores que devem ter mais chances no ano que vem, o argentino Mancuello e o jovem atacante Felipe Vizeu, mas pouco adiantou. Mancuello ainda foi expulso injustamente no final da partida. O jogo marcou a despedida do meia Alan Patrick, cujo contrato com o Flamengo se encerra no fim do ano e que se reapresentará ao Shakhtar Donetsky, da Ucrânia, em janeiro.

Fonte: O Globo

Veja também

  • Tinha que tirar Gabriel também e testar o Vizeu, Thiago Santos e Everton, seria um ataque veloz. No meio deveria ter entrado com Cuéllar, Arão e Mancu, desse jeito a gente terminava em 2° conseguindo fazer 1 ou 2 gols.

Comentários não são permitidos.