Presidente do Fla explica atraso nas obras da Ilha e afirma: “Não existe risco para a torcida”

Na manhã de hoje, o Flamengo assinou junto à Prefeitura do Rio um terma que libera oficialmente o uso do Estádio da Ilha. A assinatura ocorreu numa cerimônia dentro do próprio Estádio que contou com a presença de autoridades do clube e da Prefeitura.

Em coletiva realizada no local, o presidente do Flamengo, Eduardo Bandeira de Mello, explicou o motivo da demora no término da obra, previsto inicialmente para o fim de fevereiro. O presidente lembrou do canal pluvial que passava em baixo de uma das arquibancadas e, que se não fosse feito uma obra de desvio, poderia colocar a segurança dos torcedores em risco:

– O Flamengo é um clube cidadão que cumpre todos compromissos e segue as regras direitinho. Tínhamos intenção de inaugurar o estádio antes, mas tivemos um problema de águas que passam na arquibancada aqui em frente e não tínhamos conhecimento. Isso nos obrigou a fazer um desvio do canal com o órgão municipal competente e isso causou um atraso de 3 meses. Temos a felicidade de afirmar que não existe nenhum risco para a torcida em uma obra de complexidade, o canal passa atrás da arquibancada. Queríamos jogar hoje, mas dia 14 estreamos contra a Ponte Preta – explicou Bandeira de Mello.

O Flamengo investiu cerca de 15 milhões de reais para reformar e estruturar o Estádio da Ilha. O clube assinou um contrato de 3 anos com a Portuguesa, dona do estádio, para mandar seus jogos no local e poderá renovar por mais 3. A estreia será no dia 14/06, contra a Ponte Preta.

Veja também

  • Prezados torcedores da Nação Rubro Negra , existe alguma coisa , desejando tumultuar a vida
    útil do estádio da Ilha do Governador , que esta sempre dependendo de novos consertos aquí e
    alí ,como se houvesse interesse de algum clube , como o Botafogo , por exemplo ,que aventado
    por ter o Botafogo aborrecido com o evento de o Flamengo ter assumido a ilha , aborrecendo os
    dirigentes do alvi-negro , com medo de represálias dos dirigentes , ou algo parecido .

    Ao Flamengo , deveu-se os esforços para ter uma estréia com um clube de peso , primeiro pelo
    evento em si , depois para ter o teste definitivo de segurança das instalações , e por ultimo até
    pelo bonito espetáculo , que com certeza gratificaria o esforço da Gestão Bandeira de Mello em
    oferecer um espetáculo digno dos dois clubes , e promover ao torcedor da nossa Nação , uma
    estréia para ser lembrada na posteridade . Mas alguns bombeiros ou outros pela sacos , deixam
    a marca da esculhambação , até na hora do lazer de 20.000 torcedores ou até mais , que nesta
    hora ,sem o encontro como estréia , ficará a marca negativa das autoridades que não se rendem
    ao trabalho profícuo e bonita para , atrapalhar querendo aparecer para a mídia, Deus os acudam.

    Saudações magoadas , rubro negras

  • Pessoal,

    O estádio será multi uso de acordo com o trecho abaixo retirado da matéria he he he

    “Na manhã de hoje, o Flamengo assinou junto à Prefeitura do Rio um TERMA que libera oficialmente”

    SRN

    • Minha mulher leu. Agora soh deixou eu ir em jogo no maraca. Hauhaua

Comentários não são permitidos.